Flávio Dino no centro do debate sobre os 400 anos de São Luís…

Dino pode comandar a Embratur, enquanto se definem os rumos da sucessão municipal

Como este blog já havia adiantado em 29 de abril, a Embratur é a melhor opção pós-mandato federal de Flávio Dino (PCdoB).

No posto, ele vai atuar diretamente na montagem de projetos e na atração de investimentos internacionais para dois eventos esportivos de repercussão mundial – a Copa do Mundo de 2014 e a Olimpíada Rio 2016.

Além disso, terá um ex-colega e um ex-aliado político nas pastas – nacional e estadual – que cuidam do setor.

O ministro do Turismo é o deputado federal Pedro Novais (PMDB), de quem Dino foi colega na Câmara, e por quem era tratado como brilhante.

Na Secretaria de Turismo está Tadeu Palácio, um dos principais aliados do comunista na disputa de 2008 pela Prefeitura de São Luís.

Um posto de visibildade também para o contraponto ao prefeito João Castelo (PSDB), sobretudo pela importância da data que se aproxima, a do aniversário de 400 anos de São Luís.

Resta agora a confirmação de Dino sobre o posto que lhe é dado no governo Dilma Rousseff (PT).

Flávio DinoSão Luís-400 anos
Tags:, ,

Roberto Costa: “lamentável que o prefeito faça uma festa tão grande para uma ação de tapa-buracos em São Luís”

Roberto Costa: "mediocridade é fazer festa pra tapar buracos"

O deputado Roberto Costa (PMDB) criticou ontem a “pompa e circunstância” com as quais o prefeito João Castelo (PSDB) lançou o programa de tapa-buracos em São Luís.

– É lamentável que estejamos completando 400 anos e a principal obra anunciada pelo prefeito seja uma operação tapa-buracos, coisa corriqueira – criticou o parlamentar.

Castelo apresentou ontem a operação de recuperação de ruas e avenidas em vários bairros de São Luís, a começar pela Zona Rural.

O objetivo é garantir a recuperação da malha viária durante o período de estiagem.

Para Roberto Costa, a festa liderada por Castelo mostra a mediocridade de uma gestão sem projeto para o aniversário de São Luís.

– São quase três anos de governo Castelo e a capital maranhense não mudou. Aliás, mudou para pior! Que obra será entregue antes do aniversário? A operação tapa-buracos? – ironizou o parlamentar.

Costa diz que pretende continuar fiscalizando e analisando criticamente a adminsitração de São Luís, seja como parlamentar ou como secretário de Juventude.

– É preciso acompanhar de perto o que está sendo feito – afirmou.

AssembléiaSão Luís-400 anos
Tags:, ,

Castelo inicia plano de obras em São Luís…

O prefeito de São Luís, João Castelo (PSDB), iniciou o plano de trabalho de recuperação dos bairros de São Luís.

A primeira etapa se dará na Zona Rural.

– Aqueles que esperaram o fim das chuvas, sofreram muito, mas sabiam que o trabalho iria começar logo após – disse Castelo. Ele anunciou também que, já na próxima semana, devem começar as obras do setor urbano na capital.

São mais de 30 bairros contemplados nesta etapa, afirmou o prefeito, durante o lançamento do plano de obras, hoje pela manhã, na prefeitura.

Além da Zona Rural, a pavimentação das principais avenidas também foram iniciadas desde o fim-de-semana.

O prefeito aposta exatamente neste plano de obras para recuperar a imagem, desgastada durante todo o período de chuvas.

Pela reação popular nos últimos dias, parece que pode mesmo conseguir…

São Luís-400 anos
Tags:, ,

IPTU: a falta de critério na definição dos valores…

Esta casa, na região da Nova Coahama, está anunciada por R$ 250 mil. E a região é isenta de IPTU

A nova propaganda da Prefeitura de São Luís sobre o IPTU foca na suposta justiça social alcançada pela nova tabela do imposto.

Os fatos mostram que esta justiça não existe na concepção de quem deve e quem não deve pagar.

É justo que as casas da região da Nova Cohama, com valor venal entre R$ 200 mil e R$ 500 mil sejam isentadas do pagamento do imposto? (Veja aqui)

É justo que um imóvel no bairro do Coroado, onde o preço venal médio é de R$ 30 mil seja obrigado a pagar o IPTU?

Mas é esta a tabela da prefeitura.

Em meio ao abandono, coroadenses são obigados a pagar IPTU

Residenciais como São Domingos, Esperança, Vivendas da Cohama, parte do Pinheiros e Bequimão estão isentas da taxa de IPTU 2011.

Basta uma olhadinha nos classificados para ver o preço de um imóvel na região.

Só as secretarias de Urbanismo, de Fazenda e de Planejamento não viram isso.

Na propaganda, gente ligada ao prefeito João Castelo (PSDB) afirma que paga o IPTU e acha justo.

Nestes bairros citados os moradores acabaram de receber a notificação de isenção.

Mas não acham justo…

São Luís-400 anos
Tags:, ,

João Castelo cercado…

O Tribunal de Justiça poderá julgar hoje a ação do deputado Roberto Costa (PMDB) contra a cobrança do IPTU 2011.

Embora não esteja na pauta do Pleno, a ação pode ser analisada pelos desembargadores por tratar-se de questão de urgência.

Além desta, o próprio Roberto Costa tem outra ação contra o tributo, esta tramitando na 2ª Vara da Fazenda Pública, sob a custódia do juiz Carlos Veloso.

Ontem, esta ação da 2ª VFP, recebeu a juntada do pedido de inquérito feito pelo também deputado Raimundo Cutrim (DEM) ao delegado-geral de Polícia Civil, Nordman Ribeiro.

Cutrim quer que Castelo seja investigado pelos crimes de formação de quadrilha e falsidade ideológica, junto com os secretários Mário Bitencourt (Fazenda) e Domingos Brito ( Obras).

Uma outra ação contra João Castelo parte da seccional maranhense da Ordem dos Advogados do Brasil. A entidade também quer a suspensão da cobrança de IPTU por causa de fraudes na elaboração da Planta Genérica de Valores.

E a procuradora-geral de Justiça, Fátima Travassos, ainda nem decidiu se denuncia o prefeito pelas fraudes apontadas pelo promotor José Osmar Alves, da Promotoria da Ordem Tributária.

Como se vê, João Castelo é pressionado por todos os lados na questão do IPTU.

Será que só ele está certo???

São Luís-400 anos
Tags:, ,

Quanto custa a Beija-Flor???

Este blog foi o autor do anúncio, com exclusividade, das tratativas do governo Roseana Sarney (PMDB) para uma homenagem da Escola de Samba Beija-Flor aos 400 anos de São Luís no carnaval carioca de 2012.

Desde então, especulações e críticas foram feitas de todos os lados, mas o governo calou-se no essencial.

Afinal, quanto custa – ou custará – a encomenda artístico-publicitária  à escola de Nilópolis?

Neste período, já se falaram em R$ 8 milhões, R$ 800 mil e R$ 1 milhão.

E o governo nada, embora as negociações não pararam.

Desde o anúncio do blog, o carnavalesco Laíla e sua turma já estiveram várias outras vezes em São Luís , sem que o governo se disponha a explicar o que está acontecendo.

Mas tem obrigação de dizer como se dará a homenagem, quanto custará e o que trará de benefícios ao estado e à cidade.

São Luís-400 anos
Tags:, ,

Caema e Prefeitura não se entendem… e o povo paga a conta

Esquina da Boa Esperança com Existente: parece pequeno, mas é um buracão

As fotos que ilustram este texto são da região da Nova Cohama.

Mais precisamente na Rua Boa Esperança – que liga a Daniel de La Touche à São Luís Rei de França, passando por vários bairros – e na travessa que separa o Residencial Manoel Beckman do São Domingos I.

Na Boa Esperança, tem quase um mês que a Caema abriu uma vala para consertar um cano estourado, bem na entada da Rua Existente, no São Domingos I. 

O buraco, tapado apenas com o barro retirado do próprio local, virou lama e agora prejudica a entrada dos moradores da rua Existente.

Exemplo acabado da falta de comunicação entre a Caema e a Secretaria Municipal de Obras.

Descaso do poder público que leva o cidadão pagador de impostos ao abandono.

A travessa do Manoe Beckman com São Domingos I: só lama e poeira

Do outro lado da área, exatamente no final da rua Existente, existe a travessa que separa o São Domingos do Manoel Beckman – ou pelo menos o que sobrou dela, depois de mais de cinco anos sem recapeamento.

O asfalto foi embora e as crateras dão lugar à lama no inverno e poeira no verão.

Vários carros da prefeitura já foram à área para recuperar o asfalto. Mas fazem o recapeamento apenas nas proximidades da avenida Gerônimo de Albuquerque, mais visível.

Como a travessa já fica dentro do conjunto, restrita à visão apenas dos moradores, a Semosp dá de ombros para  apelo dos contribuintes.

E o que era afalto vai virando imundície…

São Luís-400 anos
Tags:, ,

Pra que servem os agentes de Trânsito???

Este é um dos estacionamentos proibidos na Cohama

Dia após dia, dois agentes de trânsito são deslocados para a região da Cohama, exatamente a área do semáforo de retorno e saída da Cohama antiga – na área onde ficam a lanchonete do Big Gago e o restaurante Dona Doura.

Não servem pra nada os dois agentes.

Mesmo com as placas de advertência, motoristas estacionam tranquilamente em área proibida, ao lado da Big Gago – mais precisamente em frente à lojinha de frango assado.  E os agentes batendo papo o tempo inteiro.

O acesso ao retorno também é proibido para quem vem da Nova Cohama pela rua que fica entre o Big Gago e o Dona Doura. Ninguém respeita, diante dos olhos complacentes dos agentes de trânsito.

Por conta destas irregularidades, o transito se torna um caos.

Com os veículos estacionados, a área de pista diminui, o que causa lentidão e engarrafamentos.

Da mesma forma, o acesso ao retorno pela via proibida também gera lentidão e até ameças de batidas, já que o carros que seguem pela via certa acabam sendo cercados pelos irregulres.

Se não servem pra nada, o que fazem ali o agentes???

São Luís-400 anos
Tags:, ,

Críticas a Castelo têm levado a fraudes na Internet

Chegou às raias da irresponsabilidade as críticas à falta de ação da Prefeitura de São Luís.

Na tentativa de desqualificar o prefeito João Castelo (PSDB), membros de comunidades virtuais e redes sociais acabam desqualificando a própria crítica com montagens e até divulgação de imagens fraudadas.

A foto ao lado é um exemplo.

Foi distribuída ontem à tarde pela rede social Facebook, como sendo em uma rua de São Luís.

Muita gente acreditou, mas ficou a dúvida: em que local da capital maranhense aconteceu isso?

Sem resposta dos Bombeiros, o blog foi investigar e descobriu: trata-se de uma foto publicada originalmente no Mato Grosso do Sul, mais precisamente na cidade de Dourados.

Foi publicada originalmente no dia 16 de abril, como ilustração de um texto sobre responsabilidades por buracos em ruas e avenidas. (Leia aqui)

A Prefeitura de São Luís de fato não vive um bom momento.

Mas inventar para desgastar prefeito é uma irresponsabilidade sem tamanho.

Que acaba enfraquecendo a cobrança dos verdadeiros cidadãos…

São Luís-400 anos
Tags:, ,

Castelo cancela contrato de obra no canal da Cônego Tavares; outros seguem em ritmo preocupante…

Obra da Cônego Tavares: cancelada

O prefeito de São Luís, João Castelo (PSDB), cancelou o contrato com a empres que deveria realizar a obra do Canal da Cônego Tavares, no Anil.

Iniciada há mais de um ano, a obra não andou e outra licitação já está em andamento.

A prefeitura tem cinco canais em obras, mas apenas uma segue de forma sistemática, a do Rio Gangan, na região do Turu – todas as outras apresentam algum problema.

Canal do Gangan: bem adiantado

A do Mercado Central vai mais ou menos bem, mas é considerada lenta.

A do Renascença, atrás do Tropical Shopping, anda a passos de cágado. É a mais antiga delas e ainda não tem previsão de  conclusão.

O canal do Coroado inspira cuidados.

Canal do Coroado inspira cuidados

A empresa que realiza a obra já deu inúmeros sinais de que não tem lastro financeiro e profissional para concluí-las. A obra passou vários meses parada, o que pode ter comprometido a estrutura já feita.

Além destas obras, a Prefeitura de São Luís já iniciou processo para construção do Canal do Cohatrac, um dos mais antigos e problemáticos da cidade.

O prefeito espera entregar pelo menos a maioria dos canais, prontos, até o final deste ano…

PrefeituraSão Luís-400 anos
Tags:, ,