10

Políticas públicas tornam Açailândia a 6ª cidade que mais cresce no Brasil

Vista aérea do município de Açailândia

Nas últimas semanas duas das principais publicações do país – Veja  e Valor Econômico – divulgaram reportagens destacando o desenvolvimento de Açailândia.

O município maranhense foi apontado por ambas como “metrópole do futuro”.

O prefeito Ildemar Gonçalves

As políticas públicas estruturantes – sobretudo na adminsitração Ildemar Gonçalves (PSDB) – foram fundamentais para destacar Açailândia no cenário nacional.

Desde 2009, inclusive, a cidade já vinha sendo percebida como celeiro de desenvolvimento. O IBGE apontou o município como detentor do 2º maior PIB do estado, atrás apenas da capital, São Luís.

Outro importante indicador, o PIB Per Capita, que se concebe como a divisão de todas as riquezas pelo quantitativo populacional, colocou Açailândia em 1º lugar.

Mas a Veja apontou como destaque apenas o pólo siderúrgico, desprezando setores importantes da economia açailandense,como a qualidade do maior plantel bovino, a maior bacia leiteira do Estado.

O agronegócio é hoje o segundo contribuinte para as riquezas do município.

Além disso, Açailândia tem comércio forte, de referência para toda a região, bem como as centenas de empresas prestadoras de serviços.

Só a gestão pública injeta na economia do município cerca de R$ 4 milhões por mês, apenas com a folha de servidores

 Além disso, mantém frentes de trabalho gerando emprego, renda e cidadania.

Marco Aurélio D'Eça

10 Comments

  1. Açailandia é uma cidade com vocação para o crescimento, estamos localizado numa micro região que converge para nossa economia oito Municípios circunvizinhos, dependem do nosso comércio, serviço geral e serviço Bancário. Só a Caixa econômica dispõem serviços e valores muito grande para a população de Açailândia e região na área imobiliária, no entanto não tem nenhum prefeito com políticas publica voltada a moradia. Precisamos sim de políticas publica na área habitacional, na infra-estrutural das vias públicas, e vacinais, no planejamento urbano, Educacional e Cultural e com investimento de obras públicas Municipal feita com licitações transparente.
    -políticas publica com vocação para o crescimento é o que estamos carentes, essa vocação para sermos GRANDE É EMINENTE!!!

  2. Açailandia com certeza é uma cidade de progresso. Mas, cresce porquê tem um grande potencial, e não por causa do poder público. A grande maioria de nossos conterrâneos, vão à procura de uma vida mais digna porque em nossa cidade não hà tantas oportunidades como se falam por aí!…
    O nosso estado vizinho é quem nos “tira da forca”, (Pará).
    Porquê hoje é como um “Estados Unidos brasileiro”, dando oportunidade pra quem procura sobreviver com dignidade. Os principais destinos são: Marabá e Parauapebas no sudeste paraense. Com certeza estão crescendo mais do que nossa querida cidade.

  3. Crescer é bem diferente de inchar. Açailândia é uma cidade anarquizada com problemas de todo ardem. Um amontoado de aventureiros, que estão pouco se lixando para cidade.

  4. ESTÃO PUXANDO O SACO DO PREFEITO PORQUE ISSO FAZ PARTE DO ACORDO DELE PARA APOIAR A ROSEANA QUANTA FALTA DE VERGONHA !

  5. Marco,
    Voce ja esta sabendo do dossie que esta “rolando” na cidade?
    Da vida pregressa do Senhor Deputado Marcos Caldas.
    Vai desde tentativa de homicidio ate falsificação de dinheiro… E tudo com BO anexado…

  6. Desde quando folha de pagamento do funcionalismo é política pública?

  7. Caro Marcos
    Sou jornalista e tenho um vasto conhecimento da situação administrativa e o desenvolvimento do meu município. Por muito pouco não concordei em gênero, número e grau com os seus comentários. É notório que todos os números e perspectivas apresentadas pela Revista Veja e Valor Econômico é a pura realidade de Açailândia, não para o futuro, pois a “cidade do ferro, do gado de corte e do leite” já vive esse momento, apesar da crise no setor siderúrgico. Crise esta que já tem data marcada para terminar, pois já foram descobertas várias jazidas de ferro em fazendas localizadas no próprio território açailandense e logo, logo a nossa cidade também será auto-sustentável também na produção do ferro-gusa, a exemplo da energia gerada no município que move as indústrias aqui instaladas. Até concordo com você quando citou o prefeito Ildemar como um dos contribuintes para este fato, mas somente no seu primeiro mandato de 2004 à 2008, pois os números apresentados dizem respeito a exatamente esse período em que o prefeito fez uma administração “Mea Boca”. No entanto a sua reeleição vem sendo um grande desastre administrativo, onde só quem está se dando bem é a sua família. Quase todos os setores estão definhando e se não houver uma ação por parte do governo do Estado e uma mudança de postura política da própria população, Açailândia poderá voltar ser aquela “curretela” que foi o início de sua criação.
    Wilton Lima.

  8. Pessoas como está me dão muito orgulho nessas horas, pois nosso estado é visto lá fora como um “celeiro de bandidos na politíca” por quase toda imprensa brasileira. Politicas públicas implantadas e consolidadas com seriedade em Açailândia a colocam entre as seis que mais crescem no BRASIL, fruto de um trabalho voltado para o cidadão. Parabéns Sr Ildemar Gonçalves, hoje o senhor me fez sentir orgulho em ser maranhense.

  9. Açailandia é um paraíso, Caxias outro, Paço do Lumiar é o Maior produtor de maxixe , vinagreira e joão gome do país. Estamos realmente no primeiro mundo.
    Ah sim, o Maranhão tem também a imprensa mais séria do mundo.

  10. Será que alguem resolve na Secretaria de Saude, aquele caso do pastor da grande cidade do maranhão, eleitor da governadora, que com risco de perder o pé, por diabete, tem de se tratar em fortaleza. o primeiro processo de março foi extraviado pela assessoria do secretário. O atual secretário mandou refazer o processo em junto, depois foi protocolo/advogados/procuradoria/financeiro/orçamento/financeiro. Ele não pode viajar porque não rembolsoaram as despesas de primeira vez do tatamento, e agora se não for logo perde o pé. descasquem esta. Maria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *