16

Desinteresse do eleitor marca 2º turno presidencial no Maranhão

Dilma Rousseff com Roseana, agora...

Os aliados da petista Dilma Rousseff e do tucano José Serra terão que trabalhar muito se não quiserem ver ampliada a abstenção do eleitor no segundo turno presidenncial no estado.

A vitória de Roseana Sarney (PMDB) governadora, no primeiro turno, encerrou a campanha eleitoral no Maranhão. Pelo que se vê nas ruas, o eleitor não parece nem um pouco preocupado com o futuro presidente.

..E com Flávio Dino, em 2008

Há um esforço dos partidários de José serra – capitaneados pelo prefeito João Castelo (PSDB) e pelo ex-governador Jackson lago (PDT) – para fortalecer a campanha de José Serra em São Luís.

serra beijou até bandeira maranhense, sem sucdesso.

Por outro lado, há uma movimentação intensa de bastidores para manter o clima de vitória da campanha de Dilma Rousseff – sobretudo no grupo de Roseana e na parte do PT que esteve com ela.

Mas a apatia contamina, inclusive, os responsáveis pela campanha.

Desinteressado no 1º turno, Jackson agora vê tábua de salvação

Não se viu mais carreatas nas ruas, como ocorriam no primeiro turno. Desapareceram os carros plotados com imagens de Dilma Rousseff ou as bandeiras do PT.

É difícil manter uma campanha presidencial sem a motivação da campanha local. E o resultado disto pdoerá ser uma ausência gigantesca do eleitor no dia 31 de outubro.

Se quiserem mobilização, precisam agir rápido.

Sob pena de abstenção recorde no Maranhão…

Marco Aurélio D'Eça

16 Comments

  1. Meu caro reporter, estive viajando nesse feriadao , observei que nao existe, nas cidades onde passei, sequer um carro de som ou plantetos,campanhas a candidata DILMA, gostaria de tecer um comentario e que com vosso poder de blogueiro, que os coordenadores da campanha da gov eleita, fizesse,novamente UMA CHAMADA AOS 180 PREFEITOS ALIADOS, para que se engagem na campanha e entrem em campo, hava vista a abstençao chegara ao patamar dos 32 %….. caso contrario, meu irmao.ADEUS REFINARIA AO MARANHAO.. estive no vale do pindaré e os comentarios que os prefeitos NAO IRIAM PEDIR VOTOS PRA DILMA.,, principalmente, na cidade de SANTA INES….. governadora, agora a senhora tem que reunir, CHAMAR OS PREFEITOS URGENTE PARA UMA REUNIAO EM SAO LUIS…
    grratos….

  2. Eu sou petista. E nao vejo nada ainda da campanha do segundo turno nas ruas, me pergunto ne te pergunto por Roseana que e a nova coordenadora de Dilma no Maranhao, nao pos o bloco nas ruas? ondfe estao os carros de som ? e se e pra ganhar por que voces estao batendo tanto nos que podem se aliar e ajudar este segundo turno. Tem muita gente pronta pra aJUDAR E JA O ESTAO FAZENDO, MESMO SEM ESSES INTOCADISSIMOS MATERIAIS DE CAMPANHA DA DILMA.
    SOMOS TODOS DILMA.

  3. Também, a fatura estadual já foi liquidada no primeiro turno. Daí o desinteresse tanto de vencedores quanto o de vencidos. Entretanto, o Grupo Sarney, pelo visto, resolveu acordar para Jesus, como diria o Marcial Lima, e irá recomeçar a campanha pró-Dilma.

    Quanto aos serristas…… estão quietos até demais. Afinal, Serra precisa, ao menos, diminuir a diferença entre ele e Dilma aqui no N/NE para que ele tenha a mínima esperança de derrotar a Sra. Rousseff…

    E aqui no MA, como é que DEM, PPS, PTB, PV, PTdoB, PMN, PP vão se comportar?? Pedirão votos a Dilma ou a Serra, caríssimo Marco?

  4. Só besteira…Lula apenas ampliou o que o PSDB criou na área social. Se as privatizações não fossem benéficas ao país o Lula teria por obrigação revogá-las! O resto é discurso esquerdóide e inconsequente. Portanto, livre-se da corrupção desenfreada dos petistas vote: Serra 45 – Presidente!

  5. Caro D’Eça,
    a questão da campanha política vai muito além do PÃO e CIRCO que você está acostumado a acompanhar em nosso estado. Acredito que estejamos mudando aos poucos esta filosofia, ou seja, escrevendo outra página em nossa história.

    Grande parte da população maranhense informada, quer discutir e encontar soluções definitivas para o problema abaixo:

    DESEMPREGO CRESCE ENTRE OS MAIS POBRES, INDICA ESTUDO:
    Baixa escolaridade e discriminação racial são apontados como motivos desse crescimento
    A parcela mais pobre da população desempregada não foi beneficiada pela reativação do mercado de trabalho nas seis principais regiões metropolitanas do Brasil. Entre agosto de 2004 e agosto deste ano, a taxa de desemprego dos 20% mais pobres (com renda per capita domiciliar inferior a R$ 203,3 por mês) saltou de 20,7% para 26,27%, enquanto o desemprego total caiu de 11,4% para 6,7%.

    Entre os 20% mais ricos (com renda per capita domiciliar superior a R$ 812,3 mensais) a taxa de desocupação despencou de 4,04% para 1,4% nesse mesmo período. As informações são de levantamento inédito feito pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) com base nos dados da pesquisa mensal de emprego do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

    Os números apontam para uma realidade mais dramática. Por si só, o forte crescimento da economia e do emprego formal não está sendo suficiente para fazer com que os mais pobres possam ter as mesmas oportunidades que as pessoas com maior renda têm de encontrar uma ocupação.

    O presidente do Ipea, Márcio Pochmann, afirmou que “as dificuldades enfrentadas por essas pessoas estão diretamente relacionadas com a baixa escolaridade”.

    A questão é que o crescimento do emprego veio acompanhado de uma competição muito grande entre as empresas por trabalhadores qualificados. Quem não está preparado geralmente fica de fora. De acordo com o levantamento do Ipea, apenas 41,8% dos desempregados mais pobres frequentaram bancos escolares por período de 11 anos ou mais. Entre os mais ricos, o número sobe para 86,1%.

    Outro fator que também pesa contra os mais pobres é a discriminação racial, tratamento injusto que ainda persiste em alguns setores do mercado de trabalho, mesmo que de forma velada. Os dados levantados pelo Ipea indicam que 23,3% dos desempregados pertencentes a famílias de baixa renda são brancos. Já a parcela dos desempregados de famílias mais abastadas é composta por 72,5% de brancos.

    O assunto acima sim, é relevante e digno de discusões.

    Continuo partidário da política de resultados, com o objetivo de construirmos um Brasil melhor para todos. Não é pelo simples fato de eu viver bem, ganhar bem, ter uma qualidade de vida muito boa; que vou esquecer que, para um país crescer, é necessário que todos cresçam. Isto significa que, só cresceremos quando nossas instituições (políticas, comunitárias e demais) forem verdadeiramente baseadas em VALORES e não em REIVINDICAÇÕES. E muito menos em PÃO e CIRCO como você imagina.

    Pense nisso!
    Leoncio Lima

  6. Grande novidade o desinteresse de botar o bloco na rua para o segundo turno. Tua patroa já ganhou e Dilma é que se dane, ela vai ver agora quem é a Sarneyzada.

  7. CARO MARCO, TU VIAJASTE NA MAIONESE. O TERMO MARXISTA É HILÁRIO, SOMENTE UMA CRÍTICA. AGORA, MUITO DA VALORIZAÇÃO DO TRABALHO TEVE SUA ORIGEM COM MARX, TALVEZ IDIOTAS QUE NÃO LEEM ACHAM QUE SOMENTE ELES SABEM DAS COISAS. NÃO EXISTE GOVERNO SOCIAL-DEMOCRATICO. O QUE EXISTE É ESTADO: SOCIAL, LIBERAL, BEM-ESTAR E NEOLIBERAL (ESSAS SÃO AS ESTRUTURAS DE GOVERNO QUE EXISTEM) – COM CERTEZA OS PROFESSORES DA UFMA COMENTARAM A RESPEITO. OS PARTIDOS SIM, SÃO SOCIAL-DEMOCRATICO, CENTRO-DIRETA, PROGRESSISTAS, ETC. ATÉ ENTENDO A TUA FALTA DE CONHECIMENTO, POIS A TUA ÁREA É JORNALISTA – NÃO SABE TUDO. O QUE NÃO PODE É ALGUÉM DISCORDAR DE VC E SER TAXADO DE IDIOTA, OU SEJA, UM IDIOTA LER O SEU BLOGUE COM IDIOTICE ESCRITAS E COMENTA COM OUTRA IDIOTICE – TODOS QUE FREQUENTAM O BLOGUE É IDIOTA, É SIMPLES. CARA, PROCURA MODOS.

  8. Meu caro jornalista, vc não tem condições racionais e encefálicas de tecer qualquer comentério sobre Karl Marx ou sobre qualquer outro filósofo que por acaso vc encontre em alguma prateleira fora da sua casa.

    Só há um jeito de vc discordar de um pensador: com outro pensamento à altura daquela que vc pretende discordar.

    Caso contrário, recolha-se a sua insignificância jornalística.

    Obrigado pela atenção e não precisa publicar esse comentário.

    reso,. Mais um totlo alienado por professores igualmente alienados. repetindo palavras de ordem e mantras esquerdóides.

  9. Quem já largou a Dilma foi Roseana !!! Cadê as centenas de carros de som que andavam azucrinando nossa paciência ???

    Roseana já conseguiu o que queria e agora by, by Dima !!!

    Esse PT é um partido de idiotas mesmo !!!

    Bem feito !

  10. É bom analisar bem os passos que serão dados e que podem trazer o FMI de volta para mandar na economia deste país! Será que estamos precisando de privatizar as nossas riquezas entregando-as para europeus e norte-americanos?

  11. SÓ SEI QUE VOU UNIR FORÇAS E AJUDAR A ELEGER DILMA, PELO BEM DO MARANHÃO,
    PELO BEM DO NOSSO FUTURO,
    E PELO FUTURO DOS NOSSOS FILHOS.
    ROSEANA E DILMA.

  12. CARO MARCO D’EÇA, O DEBATE DE ONTEM À NOITE NA BAND, MOSTROU QUE A SERRA ESTÁ CEGA E NÃO TEM UM DISCURSO QUE INTIMIDE DILMA ROUSSEFF,ESTA DIFERENTEMENTE DO PRIMEIRO TURNOPOR SEU TURNO FICOU O TEMPO TODO NA OFENSIVA. ELA BATEU NA TECLA DAS INFELIZES IDÉIAS NEOLIBERAIS DOS TUCANOS, EM PRIVATIZAR O MAIOR PATRIMONIO EMPRESARIAL, QUE É A PETROBRÁS, CRIADA NO GOVERNO GETÚLIO VARGAS, SIMBOLO DO TRABALHISMO NO BRASIL.DILMA ESTRATEGICAMENTE ATUOU NA OFENSIVA O TEMPO TODO E MOSTROU A IMPORTÂNCIA DE CONTINUAR O PROJETO DO PT DE LULA.

    AGORA É VEZ DE EXPURGARMOS ESSA IDÉIAS NEOLIBERAIS DE SERRA E FERNANDO HENRIQUE DE UMA POR TODAS E APOIARMOS DILMA ROUSSEFF PARA PRESIDENTE DA REPUBLICA.

    • Esse Técio Leite deve ensinar “Economia Marxista” lá na UFMA, só pode!!!

      • A ECONOMIA MARXISTA É MAIS JUSTA QUE A NEOLIBERAL, BASTA CONSULTAR OS LIVROS. TODAVIA, PREFIRO O ESTADO SOCIAL OU ESTADO DO BEM-ESTAR – O BRASIL DO GOVERNO LULA.

        resp.; Economia marxista? Que economia marx defendeu meu caro? Marx era um louco, que vendeu um monte de baboseiras ideológicas que, se ele mesmo pudesse ver hoje, mandaria rasgar tudo. Apenas idiootas alienados sweguem as doutrinas de Marx ao pé da letra, meu caro. apensas idootas… O que Lula implantou no país foi uma epsécie de social-democracia,. eu conjuga o desenvolvimento econômico com o bem estar social. o PT não é soicalista. pode até ter sido, mas não é. Simpelsmente porque o socialismo é uma idiotice pregada apenas por alienados de guetos.

  13. Marco,
    O principal problema da abstenção no Maranhão é por conta de que grande parte dos eleitores mora na zona rural. Quem mora longe dos locais de votação, tem que sair de casa cedo e aí vem a dor de cabeça pela falta do transporte, da alimentação, visto que o disponibilizado pela justiça eleitoral não é suficiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *