8

Criminoso violento será transferido de Pedrinhas

Aspecto do presídio federal de Campo Grande; rebeliões caem 80%

Vinte condenados da Penitenciária de Pedrinhas – entre eles os líderes da rebelião que resultou em 20 mortes – foram transferidos nesta madrugada para o Presídio Federal de Campo Grande (MS).

Esta foi uma das medidas adotadas pela Secretaria de Segurança para evitar novos motins.

Outras dez vagas estão garantidas e serão usadas atinda este mês para transferir os líderes de facções – outros que participaram da rebelição.

– Conseguimos ainda mais 20 vagas, que ficarão como reserva. Quem cometer crime violento, será trasnferido, utilizando estas vagas – afirmou o secretário de Segurança, Aluísio Mendes, em audiência, hoje na Assembléia Legislativa.

De acordo com o secretário, a ameaça de transferência é uma forma de intimidação do sistema para evitar que os presos cometam violência na Penitenciária.

– Os presos temem muito estas transferências. Então, é uma forma de intimidá-los a evitar violência – disse.

O temor dos presos se dá pela dureza da vida em Campo Grande e, principalmente, pela distância que ficarão dos familiares.

Assim, pensa Mendes, nenhum deles irar querer se envolver em confusão.

– O fato é que eles já estão cientes. Não vou tolerar mais este tipo de ação sem razão. E quem cometer violência será trasnferido – concluiu o secretário.

Marco Aurélio D'Eça

8 Comments

  1. ALUISIO BEM QUE PODERIA SER UM PRESO DE PEDRINHAS.
    ASSIM COMO SER O 19º
    O QUE LHE AFASTA DA CADEIA É UNICAMENTE O CARGO DE SECRETÁRIO DE ESTADO.
    POIS O MESMO VAZOU INFORMAÇÕES PRIVILIGIADA DA PF PARA A FAMILIA SARNEY.
    EM TROCA GANHOU UM CARGO PARA LIVRA-LO DO XADREZ.

    • Isso sem falar que ele atropelou um PM dentro do qurtel, fugiu sem prestar socorro e até hoje com certeza nada foi feito em relação ao fato….

  2. Marcos,
    Só uma curiosidade: transfereir preso de um lugar para o outro vai ao menos minimizar o problema?
    Se os criminosos são violentos aqui, e como capacidade de “liderança” vão ser subservientes e bem comportados em outros presídios?

    Resp.; Os presídios federais são os mais seguros do país. è lá que estão “cidadãos” como Fernandinho Beira-Mar e aquele colombiano trafiante, preso no Brasil com uma fortuna. Portanto, lá, estes bandidinhos maranhenses não têm a menor chance de fazaer o que fazem aqui. Por isso é que a ameaça de trasnferência os fazem pensar duas vezes antes de tentar gerar fatos.

  3. Isso nos mostra que a segurança do Maranhão esta uma merda em forma de politica.

  4. O Deputado Raimundo Cutrim, um dos mais presentes parlamentar da Assembleia Legislativa mesmo acometido de Forte gripe, febre e dor na cabeça, marcou presença na audiência convocada pelos deputados para ouvir o secretário de Segurança Aluisio Mendes a respeito da chacina de Pedrinhas que vitimou 18 detentos, sendo 4 destes decapitados.

    resp./; Bom, mas o eminente parlamentar não fez uma intervenção sobre o assunto chacina. Só se manifestou qundo o assunto foi o caso dos índios de Barra do Corda. Porquê?

    • FOI PARA MOSTRA QUE O DEPUTADO CUTRIM NÃO ENTENDE APENAS DE SEGURANÇA PÚBLICA, SUA INTERVENÇÃO DEIXOU CLARO QUE SEU CONHECIMENTO NA POLITIVA É DE FORMA HOLISTICA. A SAÚDE INDIGENA TBM É DE RESPONSABILIDADE DA ASSEMBLÉIA DO MARANHÃO.

    • Porque para era não era interessante, visto que tinha dedo dele no que havia acontecido no presídio, Cutrim quer tomar o cargo a qualquer preço, é só lembrarem da época em 2008 que ele ajudou a Governadora a tomar vários cargos a força assim que ela assumiu.Ora uma rebelião que já estava marcada a dois meses atrás, detalhe logo para depois das eleições, tempo este que ele já estaria pleitiando o cargo de secretário de volta.Toma cuidado ALUÍSIO ele não pensa, ele agi…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *