18

Energia oscila perigosamente em São Luís; Cemar silencia sobre o assunto

A energia tem apresentado problemas com as chuvas

Vários bairros enfrentam oscilações de energia desde as primeiras chuvas registradas em São Luís, na última sexta-feira.

Bastou a primeira chuva para que o problema acontesse. As oscilações de energia são perigosas por que podem levar à queima de aparelhos eletro-eletrônicos.

Não há um comunicado da Cemar tratando do assunto – para explicar ou, pelo menos, orientar sobre o problema.

Desde a sexta-feira, a companhia se limita a divulgar na imprensa explicações dos motivos que levaram a eventuais interrupções no fornecimento de energia em alguns bairros – sempre pondo a culpa em terceiros ou em fenômenos da natureza.

Para quem tem estabilizadores ou módulos isoladores em casa, as oscilações são percebidas com os estalos dos aparelhos – na tentativa de regularizar a tensão. Para quem não tem, ficam evidentes com a menor ou maior intensidade na luminosidade das lâmpadas.

As oscilações são causadas por sujeira ou má qualidade da rede elétrica.

E significa, entre outras coisas, que os seus aparelhos e equipamentos estão sob constante risco de queima.

E quem pagará a conta???

Marco Aurélio D'Eça

18 Comments

  1. Hoje dia 08.01.16 quando chegamos para trabalhar, tivemos uma surpresa, não havia energia no posto de combustível que fica na Av Guajajaras em frente a rolimão e Rei dos parafusos, posto com a bandeira da BR, passamos o dia todo ligando pra CEMAR mas infelizmente não fomos atendidos, parabéns pelo péssimo serviço da CEMAR. Quem vai arcar com dia de prejuízo sem vendas?

  2. ja resolveram alguma coisa?? ja nao tenho mais o prazer de usar meu pc ou ate mesmo otro aparelho sem ele desligar o tempo todo, aqui no bairro sao francisco ta impossivel nao aguento mais esta ocilaçao de energia o que faço?

  3. Dormir mal, de acordo com especialistas, acarreta inúmeros distúrbios para o organismo humano, pois, o sono é condicional fundamental para o bem estar físico e psicológico.
    Porém, moradores de São Luis, e adjacências, incluindo eu, que moro no Araçagy, município de São José de Ribamar, não só perdem o sono com o descaso total da Cemar, quanto às suas principais prerrogativas. Perdemos muito mais…
    Pelo que sei, concessões são dadas à quem tem capacidade de arcar com as responsabilidades de tal permissão. A Cemar não tem sido merecedora de méritos quanto à sua função precípua, o fornecimento qualitativo de energia elétrica. Os casos de deserviços desta companhia se multiplicam e a população, orfã, se vê cada vez mais prejudicada, humilhada, ludibriada.
    Onde estão as autoridades competentes para representar o povo contra a Cemar?
    Alimentos putrefados, frutos do suor do trabalho, não são exemplos suficientes para autuar a Cemar e o seu mau serviço?
    O sono, que alivia o ser humano do cotidiano estressante, está sendo roubado com total desrespeito.
    A luz paga não está sendo fornecida de maneira adequada, queimando eletrodomésticos, ocasionando caos no que seria o refúgio da população, suas casas.
    Quem à de socorrer esta população que acaba arcando com todos os ônus, físicos, materiais, morais e psicológicos provenientes da incompetência operacional e funcional da Cemar?
    Aguardo o Ministério Público se pronunciar, e, envio este grito silencioso aos principais meios de comunicação da capital e, também, à redes sociais, para que a esperança, abstrata, porém presente, se transforme em ações concretas à favor da coletividade.
    Nagibi Abdalla
    Bibliotecária, professora e funcionária pública.

  4. Caro Marco, parabéns por tocar nesse assunto. Mudei a dois meses para o araçagy, loteamento altos do jaguarema, e estou sofrendo no paraiso. Com as chuvas piorou tudo. Sem falar que a equipe da cemar demora muito, da ultima vez que faltou enegia a equipe só apareceu no outro dia e nao resolveu o problema. Para vc ter uma ideia eu registrei mais dez chamadas, tenho todos os protocolos.
    Acho que precisamos de um MP atuante, coisa dificil no Maranhão.
    abraço!
    Profº Claudinei Rodrigues

  5. Meu caro Jornalista D’eça, alguém tem que tomar sérias providências contra esta “empresa”, sou morador do araçagi município de Ribamar e qualquer chuvisco, a energia oscila e quando se liga para um certo 116 que é atendido em Imperatriz, somos informados que é pra termos paciência que o problema será resolvido no máximo em até 04 horas. Que ABSURDO! Fiz quaze 10 ligações tentando resolver a oscilação de corrente na minha residência semana passada sem êxito, e o que é pior uma bomba d’água queimou e quaze 06 kilos de carne estragaram, como sorvete, queijo, presunto, enfim foi tudo para o lixo por causa do descaso e despreparo desta empresinha que é a cemar, ficamos mais de vinte e quatro horas com a energia oscilando. Pagamos a luz mais cara do País e temos um serviço de PÉSSIMA qualidade. Faço um apelo as Autoridades do Estado para que tomem sérias providências contra a cemar ou seus “diretores” pois serviços básicos e de necessidades, tem que ser dados a quem tem RESPONSABILIDADES para com a população. Uma outra irregularidade é a equipe de terceirizados dessa empresa que, além de ANALFABETOS, são MAU EDUCADOS e DESPREPARADOS pois estão cortando a luz de pessoas com contas pagas quando na verdade deveriam enviar um pré-aviso quando o cliente estivesse inadiplente. Até quando vamos continuar com este monopólio. Já chega, temos que dar um Basta nesta PRAGA ou ficarmos na ESCURIDÃO.

  6. A CEMAR tem prestado um serviço de péssima qualidade em todo Maranhão. Aqui em Zé Doca não é diferente, existe apenas um carro de manutenção para atender toda cidade, inclusive povoados que ficam a mais de 100 Km de distância. Só pra ter uma idéia uma “canela” que desarma em um poste no centro da cidade leva mais de 4 horas para ser religada. O consumidor deve anotar os protocolos de reclamação é mandar um e-mail pra ANEEL que ela multa a CEMAR. Conheceço diversos casos de multa que foram aplicadas nessa empresa e dinheiro que foi pago ao consumidor, por conta da má qualidade dos serviços prestados. Recorram à Justiça e a ANEEL que a CEMAR logo encontra uma forma de resolver o problema. O pior de tudo é que em Zé Doca o Ministério Público nada faz em favor dos menos favorecidos.

  7. A CEMAR é uma merda.
    Hoje, você NÃO ENCONTRA um só engenheiro com competência técnica para resolver quaisquer questões técnicas.
    Com a privatização, a CEMAR demitiu toda a velha guarda e contratou novos engenheiros com salários em torno de 40% daquele que eram pagos aos demitidos. Hoje, a tensão entre fases na maioria dos alimentadores não passa de 12 KV ( deveria ser 13.8 KV ) e, com TODOS os trafos de distribuição sobrecarregados ( não existe nenhum trafo de distribuição ( 13,8 KV /380/220 VCA) com menos de 90% de carga comprometida.
    Em São Luís, por ser área litoranea, TODOS os isoladores dos alimentadores de média tensão deveriam ser lavados pelo menos duas vezes por ano, fato que não acontece e, no inicio de cada periodo chuvoso acontece o caos, pois, com os isoladores cobertos por uma camada fina de NaCl ( o nosso velho e conhecido sal de cozinha) que desidratado é isolante mas, por ser altamente higroscópico, absorve umidade e torna-se um excelente condutor, criando vazamentos perigosos e tirando de serviço alimentadores e derrubando as proteções dos transformadores.
    Um multiteste amador custa algo em torno de R$ 80,00 e pode perfeitamente ser utilizado para verificar os níveis de tensão de cada usuário.
    Se o usuário for fazer essa verificação, vai ter uma surpresa pois a tensão entre fase e neutro não passa de 200 V ( deveria ser 220 VCA) enquanto que a tensão entre fases sempre é inferior a 330 VCA o que contraria as normas da ANEL.
    A CEMAR sabe disso , a ANEL sabe disso e TODO mundo sabe disso mas ninguem faz nada.
    Cadê a agência Estadual Reguladora de Serviços Públicos?
    Resumindo, a CEMAR é uma MERDA.

  8. O pagamento pela indenizaçã do aparelho quiemado por si só não resolve , pois tem indenização que (leva tres meses) demora para ser pago. Acha que deveria ser cobrado danos morais pelo transtorno causado pela inutilização do aparelho elétrico no periodo, não é verdade??

  9. a suspeição da questão, tem sido a camara de são luis não rever ou exigir melhoria na prestação do serviço publico municipal concessionado da cemar (e caema), em razão da oscilação da tensão, apagão, e tensão abaixo de 220v. êta penca de edis m… essa que temos infelizmente na capital maranhense.

  10. Além de ações judiciais já mencionadas, administramente a ANEEL assegura ao consumidor que estiver sofrendo com variações no nível de tensão que este pode solicitar através do 0800 da concessionária um serviço chamado verificação de nível de tensão. A empresa instala um equipamento na entrada da rede do consumidorque mede a cada 10 minutos o nível de tensão. Se for constatada irregularidade a empresa tem um prazo de aproximadamente 30 dias para consertar o problema sob pena de ter que conceder um desconto ao consumidor proporcional a variação de energia que está acontecendo. A CEMAR normalmente desestimula o consumidor ao avisar que caso não seja encontrada irregularidade o serviço de verificação pode ser cobrado (aproximadamente R$ 10). Uma forma do consumidor verificar empiricamente se tem problema na sua residência é verificar o funcionamento de ar condicionados e geladeiras, cujos compressores precisam de energia de qualidade. Todos devem exigir qualidade pois a energia fornecida pela CEMAR é uma das mais caras do país.

    resp.: Esta medição não passa de burcocracia que apenas protela ainda mais a agonia do consumidor, não acha professor Zagallo? A Justiça, o MP e as instituições que protegem os consumidores deveriam ter dispositivos mais urgentes para resolver a questão. Assim como a Cemar tem quando há atraso no pagamento. Simplesmente ela corta a luz.

    • Todas as insituições mencionadas devem funcionar, assim como também a Câmara de Vereadores e Assembléia Legislativa poderiam promover audiências públicas sobre o tema. Aliás, é de se registrar que a Assembléia Legislativa já realizaou audiência pública sobre esse tema há cerca de 3 anos. Seria um momento para retomar o assunto.
      O consumidor deve lançar mão de todos os meios legítimos que disponha para defender seus direitos.
      Quanto à verificação de nível de energia eu mesmo já acionei esse serviço e fiquei por 2 meses sem pagar conta de energia pois a multa pela variação no nível de tensão era maior que o valor da conta. Mas o melhor foi que a CEMAR teve que fazer obras na rede de energia que me atendia e o problema foi solucionado.

      Resp.; ô, meu professor, audiências públicas são outras “encheções e linguíça”! É só blá,blá,blá sem efeito prático. O que precisa são ações contretas, do tipo: errou, tá punida. Não é assim que as empresas fazem com os consumidores, com o apoio das instituições? Portanto, o que precisa é um dispositivo que puna automaticamente a companhia pelo erro comprovado. Já chega de blá,blá,blá. O senhor conseguiu resovler o problema, também, por que é um avogado, conselhiero da OAB, que tem acesso às informações. As coisas são masi fáceis assim. Mas o que dízer dos joões e marias das periferias, do interior, humilhados por equipes da Cemar, que se setnem oprimidos até ao solicitar ums erviço que lhe é devido?

  11. marcos, a CEMAR, desrespeita o consumidor em todo Estado, o que tem de ações no judiciário contra ela é uma festa. e o pior é que esse tal de PLPT não está sendo feito como deveria, em Coroatá e Pirapemas a empresa contratada (CONSTEL) de propriedade do SR. Mozart Barcelar irmão do Mágno No 10,está lezando os proprietários das comunidades rurais cobra pra colocar a energia e alguns casos não coloca, é um vedadeiro descasoo e alguém da CEMAR ou do Estado tem que tomar uma providencia. vou citar alguns povoados que eles não fizeram o serviço completo (bagaceira em Pirapemas e bruteiro em Coroatá) é só a CEMAR mandar fiscalizar e constatará.

  12. Olha, já ganhei R$ 3.000,00 na Justiça por conta dos danos provocados por oscilações elétricas na rede desta concessionária em períodos chuvosos pretéritos!
    Pelo visto, vou bater as portas da Justiça outra vez, neste ano…

  13. olha, se for por estalos no módulo isolador é melhor fechar a cemar…o meu estala várias vezes durante o dia…a cemar tem prestado um péssimo serviço a população e um fator que inibe essa má fama é a “compra” de diversos veículos e profissionais de comunicações através dos patrocínios. cita-se aí a tensão da energia q deveria ser 220…a cemar tem a sorte de contar com um ótimo assessor que é o sr luiz carlos q se mata pela empresa e ela nao reconhece por tal…em detrimento de uma empresa de assessoria q nao sei o nome, mas é péssima

    • Péssimo serviço não. Ela não presta serviço nenhum…
      Passei 10 dias com problemas de energia na minha casa: simplesmente não tinha, e por problemas no poste. A Cemar não resolveu, tive que contratar/pagar um eletricista pra fazer um serviço que a CEMAR já é paga pra fazer.
      É o maior relaxo…n ão tão nem aí pro consumidor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *