26

AL se despede em clima tenso: Ribeiro confirma candidatura a presidente; Leitoa se mantém na Casa e PV decide sobre Mesa Diretora

A sessão extraordinária de hoje da Assembléia Legislativa, convocada para apreciar MPs do governo, parecia que transcorreria em clima morno. Mas três fatos ocorreram durante a manhã que deram novos rumos ao que era discutido em plenário, com repercussão política nos pórixmos dias.

1 – O deputado Maoel Ribeiro (PTB) ocupou a tribuna para confirmar sua candidatura à presidência da Assembléia, na próxima terça-feira.

– Não sou candidato do Palácio; sou candidato dos deputados do Maranhão – afirmou o parlamentar, que garatiu submeter o seu nome aos colegas na eleição da próxima terça-feira. 

2 – O suplente Luís Pedro de Oliveira chegou cedo à Assembléia para tomar posse por 24 horas, baseado em decisão do desembargador Jaime Ferreira de Araújo. No meio da sessão, os advogados do deputado Chico Leitoa (PDT) chegaram com a cassação da Liminar, derrubada pelo mesmo desembargador, que se considerou induzido ao erro.

– Não tinha como prosperar. Um desembargador não pode mudar decisão de um ministro – resumiu o advogado Abdon Marinho.

Após achegada do Mandado de Segurança em favor de Leitoa, a sessão foi  suspensa para aque a Mesa Diretora decidisse o que fazer. E decidiu manter Chico Leitoa no mandato até segunda-feira.

3 – O presidente do PV no Maranhão, deputado estadual e secretário do Meio Ambiente, Victor Mendes, anunciou reunião da bancada para decidir as indicações para composição da Mesa Diretora da Casa.

– Vamos reunir para defnir o nome. Se era por falta de reunião, então vamos nos reunir – declarou Victor Mendes, numa clara referência ao colega Edilázio Júnior, que cobrou uma posição oficial da legenda.

A última sessão da atual legislatura da Assembléia termina, portanto, como um vedadeiro parlamento.

Com polêmicas políticas em todos os níveis…

Marco Aurélio D'Eça

26 Comments

  1. Vitória,
    Você precisa rever a história ou se é muito nova precisa conhecer mesmo os embates políticos entre os deputados Manoel Ribeiro e Ricardo Murad, para entender o que estou dizendo. O deputado Manoel Ribeiro é um líder em jogo sujo e baixo, e pelo visto, essa prática não foi banida da carreira política do mesmo. Pesquise por exemplo a disputa entre os dois sobre o comando do diretório estadual do PSD, que você vai começar a entender. Hoje o governo tem um candidato de consenso à presidência da Assembléia que é o próprio deputado Ricardo, então como é que de repente aparece o deputado Manoel Ribeiro do mesmo grupo se dizendo candidato sem dizer com o apoio de quem ? Isso não é um meio de intimidar, visto que até outro dia o mesmo deputado estava na casa do deputado Ricardo se dizendo amigo e mostrando ter superado suas maldades do passado ? Pesquise sobre os dois deputados que vai saber quem é o falso e traidor dos dois.

  2. Agora, cara Karine Carneiro vamos a 2ª parte da avaliação.

    O Ricardo Murad estava rompido com o grupo e se lança candidato a governador a revelia das orientações jurídicas. Na ocasião, consideravam-no inelegível por ser cunhado da governadora, Roseana Sarney. Porém, como a teimosia compõe o seu DNA, recorreu aos tribunais superiores e, mesmo sem obter uma resposta legal, lançou, assim mesmo, a sua candidatura a governador e concorrera as eleições, disputando com Jackson Lago e José Reinaldo. José Reinaldo foi o mais votado, mas, no entanto, não obtivera votos suficientes para se eleger no primeiro turno. Jackson fica na segunda colocação e o Ricardo em terceiro lugar.
    Eis que, numa manobra política espetacular, o Ricardo Murad é instigado e abre mão do processo, tornando nulos seus votos e conduzindo o José Reinaldo ao Governo do Estado no primeiro turno.

    O custo desta negociação, certamente, foi elevadíssimo para o Grupo, transformando o Ricardo Murad, auto intitulado, coringa do Grupo Roseana… intocável, inatingível e, assim, deve continuar a pensar e a se sentir, por ter sido a arma letal usada contra a oposição.

    O Ricardo, por sua vez, desempenhou com fidelidade o seu papel de “EXTERMINADOR” e com punhos de aço nocauteava e na sua boa retórica demolia, sem piedade, aqueles que ousassem fazer oposição ao “SEU” grupo.
    Entrou na Justiça contra a Lei do Subsídio, do governo Jackson, denominando-a de “Lei do Cão”. Ficou lado a lado com os policiais civis, na mais longa greve da história da categoria e foi, a meu ver, o maior mentor intelectual da cassação do Governador Jackson Lago.

    Jackson cassado, Roseana volta e convoca o Ricardo Murad para Secretaria de Saúde. Secretaria esta, que lhe gera um conflito de idéias, indecisões mentais. Sair ou não, para disputar o mandato legislativo! Depois, que se desincompatibilizou, chegou, ainda, a pensar em rever a sua posição.
    Eis o meu questionamento: será que o Ricardo Murad, hoje, consideraria o custo desta operação já amortizado, fatura política quitada, satisfação plena? Será que o Grupo teria a coragem de indicar, realmente, votos ao Manoel Ribeiro?
    Será que o Ricardo Murad, eventualmente, perdendo a eleição da Assembléia para o Manoel Ribeiro continuaria no Grupo ou se rebelaria, aliando-se, mais uma vez, a oposição e, inexoravelmente, apontaria a sua metralhadora giratória para seu, hoje, grupo político, de forma passional?
    Será que o Grupo teria a coragem de pagar prá ver?
    Caso a decisão, hipotética e conjetural, venha a se materializar, o saldo final para o Grupo seria pró-positivo?
    Esta é mais uma avaliação despretensiosa, cara KARINE CARNEIRO.
    Agora, cara Karine Carneiro vamos a 2ª parte da avaliação.

    O Ricardo Murad estava rompido com o grupo e lançou a sua candidatura a revelia das orientações jurídicas. Na ocasião, consideravam-no inelegível por ser cunhado da governadora, Roseana Sarney. Porém, como a teimosia compõe o seu DNA, recorreu aos tribunais superiores e, mesmo sem obter uma resposta legal, lançou, assim mesmo, a sua candidatura e concorrera as eleições para governador, disputando com Jackson Lago e José Reinaldo. José Reinaldo foi o mais votado, mas sem votos suficientes para elegê-lo no primeiro turno. Jackson fica na segunda colocação e o Ricardo em terceiro lugar.
    Eis que, numa manobra política espetacular, o Ricardo Murad, abre mão do processo, tornando nulos seus votos e conduzindo o José Reinaldo ao Governo do Estado no primeiro turno.

    O custo desta negociação, certamente, foi elevadíssimo para o Grupo, transformando o Ricardo Murad, auto intitulado, coringa do Grupo Roseana… intocável, inatingível e, assim, deve continuar a pensar e a se sentir, por ter sido a arma letal usada contra a oposição.

    O Ricardo, por sua vez, desempenhou com fidelidade o seu papel de “EXTERMINADOR” e com punhos de aço nocauteava e na sua boa retórica demolia, sem piedade, aqueles que ousassem fazer oposição ao “SEU” grupo.
    Entrou na Justiça contra a Lei do Subsídio, do governo Jackson, denominando-a de “Lei do Cão”. Ficou lado a lado com os policiais civis, na mais longa greve da história da categoria e foi, a meu ver, o maior mentor intelectual da cassação do Governador Jackson Lago.

    Roseana volta e convoca o Ricardo Murad para Secretaria de Saúde. Secretaria, esta, que lhe gera um conflito de idéias, indecisões mentais. Sair ou não, para disputar o mandato legislativo. Depois, que se desincompatibilizou, chegou a pensar em rever a sua posição.
    Eis o meu questionamento: será que o Ricardo Murad, hoje, consideraria o custo desta operação já amortizado, fatura política quitada?
    Será que o Grupo teria a coragem de indicar, realmente, votos ao Manoel Ribeiro?
    Será que o Ricardo Murad, eventualmente, perdendo a eleição da Assembléia para o Manoel Ribeiro continuaria no Grupo ou se rebelaria, aliando-se, mais uma vez, a oposição e, inexoravelmente, apontaria a sua metralhadora giratória para seu, hoje, grupo político, de forma passional?
    Será que o Grupo teria a coragem de pagar prá ver?
    Caso a decisão, hipotética e conjetural, venha a se materializar, o saldo final para o Grupo seria pró-positivo?
    Esta é mais uma avaliação despretensiosa, cara KARINE CARNEIRO.
    Abraços.

    OBS: fiz estas duas avaliações para obter uma resposta convicente dos experts políticos.
    Abraços.

  3. Olá Marcos!

    Nada contra o Manoel Ribeiro, nem tão pouco contra o Ricardo Murad. Entretanto, o lançamento da candidatura do Manoel Ribeiro denota, numa breve avaliação, que tem sustentação “implícita” de alguém com muito poder dentro do grupo, caso contrário, o Manoel Ribeiro, jamais, iria duelar com o Ricardo Murad, nesta ocasião.
    Talvez, a disputa da FAMEM, onde o Ricardo rivaliza com o Luis Fernando, no apoiamento dos nomes ali colocados para disputa, jogando água na fervura do desejo da Governadora, Roseana, em lançar um candidato único, seja a causa deste lançamento surpresa.
    A teimosia do Ricardo, certamente, provocará uma fenda, mesmo que pequena, mas, conseqüentemente, criará um mal estar dentro do grupo.
    A atitude do Ricardo no tocante as eleições da FAMEM, projeta no “imaginário” de muitos políticos a concepção de um Ricardo beligerante para 2014. O que, poderá resultar, por conseguinte, na quebra da hegemonia do grupo.
    Para o grupo, diante do histórico do Ricardo, quando lá estivera, e hoje de retorno, o Manoel Ribeiro é de longe mais fiel e mais confiável.
    O Ricardo Murad, como presidente da Assembléia Legislativa, por quatro anos, pode conspirar contra as possíveis pretensões da Governadora em lançar o Secretário da Casa Civil, Luis Fernando, como o candidato natural a sua sucessão.
    Por isso, entendo que: o lançamento da candidatura do Manoel Ribeiro se não tiver um desdobramento real, pelo menos, provocará um susto no Ricardo, fazendo com que ele calce as sandálias da humildade.
    É como vejo, numa avaliação despretensiosa.

    • Avaliação corretissíma a sua meu caro. Para o Sarney e para a Roseana todos sabemos que o Manoel Ribeiro é melhor nome…

      • PS: Tá todo mundo de saco cheio das loucuras e dos ataques de Ricardo Murad… Dizem por ai que todos os secretários se reuniram no palacio na sexta feira e decidiram formar uma comissão pra defender a candidatura de Manoel Ribeiro. Ninguém mais aguenta Ricardo Murad.

        resp.; Bobagem! Ricardo será presidente da Assembléia e tem cacife próprio para isso.

  4. O fato do deputado Manoel Ribeiro ser condidato não
    esta derespeitando ninguem. Josué vc esta equivocado!
    isso tá parecendo desespero e olha que Ribeiro deixou
    para lançar a candidatura faltando 4 dias. Ele como sempre
    joga limpo e pediu voto para quem vota ou seja seus colegas
    parlamentares.

  5. Obrigado Marcos pela atenção, seu blog pra mim não se trata apenas de um veículo de comunicaçã, vai mais além com seus comentários e ponto de vista sobre os principais assuntos da atualidade.

    Um verdaeiro espaço democrático.

    Sucesso parceiro!!!

  6. Marco seria interessante nesse momento a oposição lancar um candidato , pois, só a situação tá lancando dois cand. Como a oposição do MA é frouxa talvez não lance ninguém. Eu não sei qual é a de Manoel quase não se elege.

  7. Marco,
    O deputado Manoel Ribeiro está apenas sonhando com o passado. Quando acordar vai ver que os dias de hoje são outros.
    Temos vistos que o deputado Ricardo Murad vem respeitando o deputado Manoel Ribeiro sem que o mesmo mereça alguma consideração. Esse jogo sujo faz parte do passado e jamais pode ser repetido.

    • Todos tem direito de serem candidatos e isso não é desrespeito, desrespeito é falar mal pelas costas, desrespeito é mentir, desrespeito é prometer o que não pode cumprir.

  8. Até concordo que manoel Ribeiro tem grande prestígio do Grupo Sarney, mas acredito que Ricardo Murad está mais preparado para a ssumir a casa hoje…não desconsiderando os talentos que manoel possui, pois ele tem uma grande história na política maranhense e por várias vezes tem sido presidente…Hoje Ricardo Murad precisa mostrar também sua competência na administração da Assembléia, tendo em vista, passar isso para todos nós…

    • Acho que o Deputado Ricardo Murad é o melhor candidato, mas somente para o Fantastico Imaginario Mundo Dele!!!!
      Junto com os 72 hospitais que ele prometeu!!! Que mundo maravilhoso, gostaria que nos maranhenses participacemos desde…

      • O melhor nome é Manoel Ribeiro. Ele é preparado, é o que mais tem experiencia em comandar o legislativo. E se os deputados não gostassem dele não o teriam deixado ele ficar tantos anos lá. Esse homem não faz promessas malucas ele simplesmente faz. Manoel Ribeiro ficou esses meses todinho calado, não dizia nada derrepente se lança candidato. Acho que ele tá sempre nos surprendendo. E pq que a governadora se mandou pra ilha e não falou nada? Acho que Manoel Ribeiro sabe se articular bem melhor que outros candidatos. E como diz uma regra da politica: quem lança sua candidatura meses antes da eleição serve como boi de piranha.

  9. Caro Marco D’erça, tenho acompanhado seu blog diariamente e inclusive postando algumas matérias suas dando os devidos créditos. Temos aí umam atéria sobre a juventude, ver a possibilidade de republica – la.

    Abraços,

    Ver. Assis Filho
    98 8149 1458

    VELEU ROSEANA, GOVERNADORA ENVIARÁ MENSAGEM À ASSEMBLÉIA TORNANDO ORDINÁRIA E COM ORÇAMENTOS A SECRETARIA DE JUVENTUDE

    Sem dúvidas nenhuma é mais um compromisso de campanha firmado e realizado pela Governadora Roseana (PMDB) ao instituir a Secretaria de Juventude como órgão de estado e com orçamento.

    A atitude da governadora reflete o sonho de muitas e longas lutas de jovens maranhenses.

    Ainda no governo Zé Reinaldo, a política de juventude começou a engatinhar quando foi criada uma coordenação de juventude ligada a Secretaria Extraordinária de Solidariedade Humana.

    Com Jackson Lago, a secretaria deixou de ser coordenação e tornou – se extra-ordinária, porém sem orçamento e servindo apenas para contemplar, naquele momento, os militantes da juventude do seu partido – o PDT. Ainda no governo pedetista, depois da morte do titular do esporte, Mauro Bezerra, Jackson Lago decidiu fundir a Secretaria de Esporte com a Juventude, permanecendo Weverton Rocha na pasta. A fusão foi alvo de grandes protestos por militantes e intelectuais do movimento de juventude, para eles as políticas de esporte com a juventude eram diferentes e não daria certo. De fato não deu. A situação do Costa Rodrigues e do Castelão são provas do erro e da falta de ouvidos do ex – governador.

    Para o melhor mandato da sua vida, a Governadora Roseana mostra sensibilidade com a juventude. Durante a campanha eleitoral, por várias reuniões e encontros, foi solicitado a então candidata que trata – se no seu próximo governo, a política de juventude com exclusividade de uma pasta. Promessa cumprida. Na sua primeira reforma administrativa Roseana desmembrou a Juventude do Esporte. Acertou a governadora.

    Com mais atenção ao segmento que mais cresce no Maranhão e no Brasil, Roseana vai mais além e atende as vozes das ruas. Logo no inicio de fevereiro, com o retorno dos trabalhos da nova assembléia, a governadora encaminhará mensagem tornando ordinária a secretaria de juventude, provavelmente na quinta – feira (03 de Fevereiro). Com isso, Roseana atende o que esperávamos, só não esperávamos que fosse num futuro tão próximo. A partir daí poderemos falar em SECRETARIA DE ESTADO DA JUVENTUDE, são poucos os estados brasileiros que possuem na sua estrutura administrativa uma secretaria de peso como será a NOSSA no Maranhão. Com uma grande equipe e com orçamento, a nova equipe de juventude do governo pretende fazer o melhor governo da vida de Roseana para a juventude. É só esperar.

    Para assumir a pasta a governadora convidou o ex – secretário de Esportes e Juventude e atual deputado Roberto Costa (PMDB), trata – se de mais uma decisão acertada. Roberto passou pela pasta e fez um grande trabalho, resgatou o crédito da juventude com o governo e deixou o cargo para ser candidato sem deixar a secretaria em maus lençóis, como outrora. Roberto tomará posse na Assembléia, dia 1º de Fevereiro, como deputado, deve votar no projeto que tornará a secretaria ordinária e só depois assumirá a pasta.

    Isso se resume em prestígio e força!

    Em um ano de Conferências de Juventudes a governadora dar exemplo pra todo Brasil: política de juventude se faz com prioridade, com uma boa equipe e com orçamento.

    Valeu Roseana!

    http://vereadorassisfilho.blogspot.com/

    Reps.: Obrigado, Assis. Vou ver a possibildiade de publicá-la ná página de texto.

  10. Marco o que o povo tá falando é que o Manoel Ribeiro recebeu um telefonema do presidente Sarney e depois que terminou a ligação pediu a palavra e se lançou candidato. Quem tava no plenário viu quando o telefone celular dele tocou e ele atendeu. Será que era o Senador Sarney mesmo? A fofoca que tá rolando aqui nos corredores é essa mas todo sempre soube do enorme carinho e prestigio que o Manoel Ribeiro tem com o Sarney, afinal de contas ele foi pessoalmente inaugurar o comitê do Ribeiro. Acho que a coisa tá pegando fogo na politica do Maranhão…

  11. Marcos,
    Só uma curiosidade: os deputados foram “convocados” para votar o que mesmo? Você saberia dizer quanto vai custar essa “convocação” no bolso do contribuinte?
    Meu amigo, essa classe política do nosso Estado é de lascar… não estão nem um pouco interessados em buscar soluções para os graves problemas que assolam a vida da nossa gente sofrida, especialmente os menos aquinhoados que vivem em condição de miséria absoluta como bem demonstra os dados do IBGE e tantos outros relatórios produzidos por entidades outras que apontam o nosso Estado com os piores indicadores em tudo.
    Um parlamento que se “reuni” para deputado ficar dizendo que vai convocar reunião para discutir o sexo dos anjos demonstra o tipo de político que temos como defensores dos reais interesses da população.
    Estes senhores precisam entender que como parlamentar devem trabalhar para contribuir com o desenvolvimento do nosso Estado, ajudando o governo a bem servir ao povo como projetos que aponte para as mudanças de que tanto necessitamos, e não ficar fazendo seninhas como essa do deputado que quer voltar ao comando daquela Casa só para se servir assim como fora durante longos anos e nada fez para melhorar ao menos o funcionamento interno, pois sob seu comando a casa sempre foi usada para servir de cabide de emprego para os seus assim com tem sido até o presente momento.
    Desculpe a franqueza, mais dar nojo ver a forma como aquela Casa cuida dos interesses da sociedade.

    Resp.; A convocação não tem custo nenhum aos cofres públicos, Desde o final da década de 90 que as convocações extras não geram pagamentos a deptuados. De qualquer forma, a sessão extra é inútuil, já que não votará absolutamente nada.

  12. O QUE NÓS TEMIAMOS ESTÁ PARA ACONTECER.MAIS UM GOLPE DO DEP.MANOEL RIBEIRO PARA SE PERPETUAR NA ASSEMBLÉIA E LEVAR SUA ANTIGA ‘TRUPE’ PARA JUNTOS DISECAR E SECAR A COMBALIDA ASSEMBLÉIA.QUEM NÃO SE LEMBRA O QUE O DEP FEZ NA SUA LONGA PASSAGEM PELA PRESIDENCIA DA CASA.O HENRIQUECIMENTO DA SUA TURMA, A MESMA DE SEMPRE, FOI TOTAL.POBRE ESTADO SE ISSO VIER A ACONTECER

    • Com esse NÍVEL de gramática tu se acha capaz de tecer algum comentário, rapaz?

      • Aff!! Eita que tem gente se mordendo de medo de Manoel Ribeiro voltar. Um homem sério, honesto, justo, corajoso, leal e amigo de todos. Um homem que sempre lutou pelo seu povo. Manoel Ribeiro é um homem leal e todos são testemunha de sua integridade. É o melhor nome pra comandar a Assembléia. Manoel Ribeiro não faz distinção partidaria, Manoel Ribeiro sabe transitar entre a oposição. Roseana precisa de Manoel Ribeiro na presidencia da Assembleia pra fazer um bom governo e o pai dela que é um homem experiente sabe disso.

  13. Não acredito que agora que os políticos resolveram fazer política….4 anos se passaram, só vimos Eliziane Gama como destaque, porque presidiu espantosamente a CPI da Pedofilia, mas ninguém aparece em destaque..

    O que lamento é o fato de o desembargador tentar corrigir um erro digno de cassação diplomática, querer em tempo não mais oportuno, impossar um novo Deputado…Sabe o que deveria acontecer agora, era fazer Luiz Pedro assumir o Mandato como se tivesse sido eleito na eleição passada….Algo que eu ñunca ouvir comentários na história política brasiliera….

    Agora Dep. Manoel Ribeiro saindo como candidato, significa insatisfação do grupo político do Governo, gerando então, uma oposição interna no grupo….

    Victor Mendes, precisa acordar ainda, pois dorme muito..tudo bem que ainda é jovem e tem muito que aprender…mas parabéns pela iniciativa, mesmo que tarde dimais….

    • Marcos, é de grande surpresa que isto ocorra, pois até então, O Deputado Ricardo Murad se sentia o próprio dono da Assembleia e do Governo do estado.
      Tenho certeza de que, pelo seu comportamento, até pela briga acirrada que ele trava com o Secretario Luís Fernando, sem saber se colocar no seu lugar, e esperar os acontecimentos, causaram insatisfações políticas nos deputados, até então, tratados com insignificânciapor Ricardo Murad.
      Claro que era público e notório que isto fosse acontecer.
      mais polêmicas envolvendo o nobre Deputado, que de tão inteligente para umas coisas, não soube ser inteligente nesta situação.
      O Deputado Manoel Ribeiro, calado, como sempre foi, esperou a hora de se manifestar, com certeza, com o aval de sarney, por que eles são amigos.
      Tendo deputados insatisfeitos a seu lado, crecerá, consideravelmente, a chance de ser eleito à Presidência da Assembleia, tendo um mandato limpo e adorado pelo povo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *