14

Qualificar é só o primeiro passo…

Se levado a efeito, o projeto lançado hoje pela governadora Roseana Sarney (PMDB) pode, sim, alavancar o desenvolvimento do Maranhão.

A qualificação de quase 30o mil trabalhadores coloca a mão-de-obra maranhense no ponto de competição com a de outros estados.

E serão 240 mil postos previstos para os próximos cinco anos.

Mas não basta capacitar. O governo precisa impor aos empreendimentos a prioridade na contratação de mão-de-obra local.

E este é o segundo passo.

Refinaria Premium, jazidas de petróleo e gás, extrativismo para celulose e papel, siderurgia, hidrelétricas e portos são alguns dos investimentos previstos para o estado – num total de R$ 100 bilhões.

Treinar a mão-de-obra é fundamental para envolver a classe trabalhadora maranhense no projeto de desenvolvimento econômico.

Mas garantir a empregabilidade deste contingente depende, também, de políticas públicas.

De qualquer forma, o programa “Maranhão Profissional” é um passo nunca dado.

Que pode, de fato, mudar a realidade maranhense…

Marco Aurélio D'Eça

14 Comments

  1. Deça, amigo sou seguidor de seu blog , acho interessante , mais amigo fala-se muito em melhoras para o futuro ,mais como ? se seus servidores(Roseana) qualificados pós graduados vivem na miséria , a espera não sei desde quando, que futuro esses pobres barnabés terão?

  2. Um humilde conselho para a NOSSA GOVERNADORA GUERREIRA para realmente fazer o melhor governo da vida dos maranhenses: Tome um revólver calibre 38 e dê um tiro na cabeça.

  3. Caro Deça, o Programa de Capacitação era pra ter sido lançado no começo da semana, como a equipe de governo já sabia dos dados do IBGE nada mais oportuno que lançar na data de hoje, tudo muito bem pensado, o que ocorre no nosso querido estado é que a Governadora Roseana tem que atentar para a primicia: Não adianta mudarmos o corpo se não mudarmos a mente. Vou citar alguns exemplos do por quê dessa legião de miseráveis que tem renda menor que R$ 70,00. Durante muito anos a distribuição de renda desse estado ficou na mão de poucos grupos, quem não conhece DUCOL do grupo Duaulibe (todas as grandes obras na área de construção, agora o espigão da Ponta da Areia) ATLÂNTICA grupo Cantanhede (Contratação de mão-de-obra; Shopping do Cidadão e muitas outras) e para ser mais contudente esses que citei são amigos pessoais da familia que governa essa estado, pior foi o Chinês que vendeu um projeto de polo de confecção em Rosário financiado pelo BNB e que foi um grande calote, até hoje grande parte da população de Rosário com restrição no CPF, pois os próprios cooperados eram avalista dessa operação de crédito. Mas, não posso ficar só nas experiências fracassadas da gestão dos Sarney, que não se depara com o retrato do centro de São Luís (Ginásio Costa Rodrigues) na gestão do grande secretário de esportes Weverton Rocha e tantas outras na curta passagem do saudoso Jacson Lago. Deça, nossa geração nem a dos nossos filhos vai conseguir ver mudanças, propaganda em televisão só consegui influenciar um público cada vez menor. GOVERNADORA se quiser fazer o melhor governo da sua vida, acorde todo dia, faça uma oração e lembre-se da palavra COMPROMETIMENTO.

  4. Marcos
    Eu ja vi esta estória antes com o Meu Primeiro Emprego.
    Cadê os resultados dados ao longo de tantos anos que essa governadora vem dando aos maranhenses?
    Eu não vou me enganar mais não.
    Eu não sou besta.

  5. O desemprego esta cada vez maior, e o governo só aumentando a propaganda falsa. O exemplo do aumento do desemprego esta lá no Viva Cidadão de 1.000 pessoas que ali vão 750 é pra dar entrada em seguro desemprego e ainda não conseguem pois o viva cidadão so atende 45 pessoas por dia ou ate mesmo não tem estrutura.

  6. Beira a insanidade essa visão megalomaníaca de Roseana Sarney. Governadora pela quarta vez, com um estado que a possui a maior população de miseráveis do país, ela anuncia investimentos de trocentos bilhões de reais. Isso tudo é bom pra ela e sua familia que a cada ano enriquecem cada vez mais. Essa premissa é irrefutável: O Sarneys enriquecem da cada mandato, a cada ano. Como? Às custas dessa miséria do povo.

  7. é mais uma megalomania, como essa dos 70 e tantos hospitais???
    tenha dó dessa gente pobre que vive(ou morre) à míngua neste chão.

    crueldade pura em forma de enganação. o maranhão é mesmo muito forte, parece inesgotável. mas os indicadores recentes do IBGE dão claro sinais de que essas ações pontuais, desconexas, desencontradas, marcadas pela corrupção, não alteram em nada a vida da população. tem haver políticas inclusivas integradas, articuladas, participativas, que gerem emancipação e renda. agora, tudo isso é incompatível com esse jeito de governar de rosena e ricardão.

    saudações

    demóstenes

  8. Deça, em virtude de sua grande audiência, sugiro a criação de um post para discutirmos as causas e as soluções para o fato de o Maranhão ter 25% da população vivendo abaixo da linha de pobreza. Proporcionalmente a maior do Brasil.

  9. Marcos, quem vai executar esse grandioso projeto, digo qual é a sercretaria? Faço essa pergunta por ter ouvido que isto vai ficar a cargo da secretaria de indústria e comércio. Sabes se isso é verdade?
    Uma outra coisa: qual é a monta do projeto?

    resp.; A coordenação é da Indústria e Comércio, mas a execução envlve todas as pastas do governo, órgãos sociais e entidades privadas

  10. para mudar a realidade maranhense é preciso tirar sanguessugas que vivem da miséria e analfabetismo do povo.

  11. É sempre assim! Roseana e suas propagandas! Resultado: nada. Marco, diz aí oq vc achou dos dados do Ibge divulgados na terça -feira, em que o MA aparece como o estado com maior numero de miseráveis do país, com 25% da população recebendo até R$ 70 por mês? Preciso de sua opinião. De um leitor atento. Obrigado.

  12. Tudo papo furado.
    Em primeiro lugar NÃO se pode IMPOR a contratação de mão de obra loca em detrimento da mão de obra importada , pois só que joga dinheiro fora com “empregados” incompetentes é o poder público, pois mesmo os “homens públicos” de nossa amada terra, contratam e exploram empregados qualificados.
    Com relação a capacitar 300 mil almas é uma utopia, pois “capacitar”, não é tão simples assim pois, a maioria de nossa “mão de obra” precisa ANTES voltar aos bancos das escolas ( não só nível médio, mas principalmente o pessoal do terceiro gráu).
    Ora, o pessoal que sai dos nossos cursos médios, na maioria das vezes não sabem LER de forma correta um simples texto, e o pior é que o mesmo acontece com nossos “doutores” oriundos das arapucas privadas ( CEUMA, SEST, UNDB e outras merdas), ou das arapucas públicas ( UFMA e UEMA).
    Não é atõa que só os estados de COMA ou os de CALAMIDADE PÚBLICA, sejam piores do que o Estado do Maranhão.
    Mas tambem, o que dizer de um estado governado por espectro, com a capital comandada por um delinquente extremamente incompetente?

  13. caro marco . vc disse bem -se levado a efeito-.acontece que o governo de roseana ja esta por demais desgastado o povo nao acredita mais nessas conversas. triste de um povo que nao confia mais em seus governantes.agora mesmo saiu no ibge o maranhao como estado mais pobre em rrenda no Br ,com vcs no poder ha 40 anos ,que vao dizer?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *