56

Que serviço Silas Malafaia prestou a São Luís???

Malafaia: lucros em nome da fé

Ridículo, sob todos os aspectos, o Título de Cidadão de São Luís que a vereadora evangélico-comunista (?) Rose Sales (PCdoB) quer dar ao controvertido pastor evangélico Silas Malafaia.

Malafaia é um daqueles mercadores televisivos, que enriqueceram com a exploração midiática da fé evangélica a partir de meados dos anos 90 e hoje dominam a programação das sub-redes de televisão no país.

Não há qualquer ação de Malafaia em São Luís que justifique um título de cidadão.

Rose Sales quer, portanto, mais uma vez, fazer proselitismo religioso com o mandado que lhe foi outorgado pelo povo.

Não justifica sequer o fato de, como pastor evangélico, ele estar diariamente levando mensagens de suposta esperança e paz.

Até por que, junto com as mensagens vão também a venda de livros e produtos “santos”, assinatura de revistas, passagens e bilhetes para eventos protagonizados pelo próprio.  

Silas Malafaia é só o titular de uma indústria milionária que cresce às custas da fé religiosa – como muitos outros, a exemplo de Edir Macêdo, RR Soares, Robson Rodovalho e Marco Feliciano.

O caminho é sempre o mesmo: a fortuna – a exemplo dos dois primeiros – ou a política, como Rodovalho e Feliciano.

Deveriam ter vergonha – ele e a vereadora – de cogitar uma comenda destas…

Marco Aurélio D'Eça

56 Comments

  1. Interessante é pensar que se o titulo de cidadão fosse dado à algum macumbeiro ninguem reclamaria… a governadora é amiga de Biita do Barão e todo mundo acha lindo… mas qd é evangelico o homenageado todo mundo chia… poupem-me.

    resp.: Um macumbeiro que tivesse serviços prestados ao Maranhão seria digno de receber o título. Um de fora não. Esta é a essência do título.

  2. “Não importa o quão religiosos ou não-religiosos sejam, as pessoas estão cansadas de ver a religião como arma de ataque”
    vejam o discusso de barack obama sobre religão e democracia, é massa!

  3. Fico impressionado com tanta bobagem contida nos comentários postados aqui. Como podem, os envangélicos, defenderem o direito de discriminarem os homossexuais baseados em argumentos tão inconsistentes?
    O estado é laico e pronto! (como disse o jornalista).
    Não se pode nem deve misturar Religião e Estado. A História já nos mostrou e provou como isso acaba.

  4. (…)

    Resp.: Com você o assunto está encerrado. Seja feliz do jeito que quiser.

  5. D’Eça,
    confesso que desconheço (minha ignorância) sobre essa invenção de Paulo. Até onde sei… Ele organizou o Cristianismo sob uma ótica. Falando como os marxistas…essa correte se tornou hegemônica.. Existiam diversas comunidades, essas foram se organizando….em diversos lugares e sob diversas teologias… Paulo buscou estabelecer uma unidade…historicamente é isso… Gostar ou não..é outra coisa.
    Jesus entrou nos templos. Que templos? Judaico. Assim como Marx não era marxista e Freud não era freudiano..Jesus não era cristão…
    Que Jesus tinha postura Política… sim, mas só se tomada de forma ampla..incluindo a visão de bem comum… Não militou nas facções que enfrentavam os romanos… nesse aspecto Ele foi uma decepção…para os que esperavam um salvador nos moldes dos heróis e guerreiros do Antigo Testamento… Foi político quando se preocupou com a fome..etc..
    Existe fé para além de religião e de misticismo.. A cultura cívica é a prova disso…é uma crença, construção social e histórica…não um dado de natureza. Diferença crucial para a fé religiosa é que no civismo há laicidade..
    O importante é a tolerância com a diferença… e a garantia da liberdade… Não acho baboseiras, nem idiotices o pensar e a livre expressão de niilistas e de ateus de qualquer vertente (comunista, anarquista etc)… Só adoro ser Cristão, e dos paulinos. Opção. As outras opções de fé (religiosas ou não) fazem parte de um universo que se quer plural.
    Porém, o grande lance do título para Malafaia ..já murchou… Hoje no twitter..li de twitteiro do partido da vereadora…que a mesma desistiu.
    Sucesso!

  6. Tens uma facilidade de chamar as pessoas de “idiota” Primeiro, idiota e PQP. Segundo, não defendo “vagabundo” independente do seu credo, ideologia política e tudo mais. Quando escrevi minha opinião sobre o post acima não estava compactuando com a vereadora Rose Sales, e sim ironizando a câmara ao banalizar uma honraria que devia ser concedida a pessoas que realmente prestam ou prestaram serviços relevantes aos Ludovicenses. No mas modera teus adjetivos.

  7. Como seria o nobre jornalista sendo mediador de um debate de presidenciáveis na poderosa Rede Globo, tendo como candidatos: Luiza Erundina, o saudoso Clodovil, Fernando Gabeira, Edir Macêdo, Marcelo Crivela, Marcelo Rossi, Astro de Ogum, Bita do Barão, Paulo Maluf, Fernando Henrique, Lula, Dilma, Serra, Tiririca, Romário, Cantora Gretchem, Cantor Lobão, Cantor (ou Padre) Fábio de Melo e outros. Seria um ótimo programa de família para o domingo à tarde para substituir o imoral Domingão do Faustão (que também seria um “ótimo” candidato). Para completar esse belo domingo, o “fantástico” faria uma “fantástica” cobertura sobre o “primeiro casamento comunitário de homosexuais no Brasil”, onde milhares de homosexuais teriam seus “direitos” garantidos e ao final, todos os “casais” dariam aquele tradicional beijo, uns com direito a excessos, como de praxe. Depois de ver tanta esculhambação, as nossas famílias, principalmente nossas crianças, dormiriam como anjinhos. Com todo respeito meu Caro Marco, caso você não seja ludovicense, quem realmente merece título de cidadão de São Luís é você, pelos relevantes serviços prestados à nossa cidade com o debate promovido por essa matéria. Com tudo isso, deu pra perceber que você é um excelente comentarista político.

    Resp.: O que impressiona mesmo é a insegurança dos evangélicos. É incrível como um povo que se declara servo de Deus e se diz abençoado viva o tempo inteiro inseguro, com medo e assustado com o mundo que eles mesmos declaram “jaz no maligno”. Não tenho nenhum problema com nenhuma destas situações do dia-dia. Não me preocupa nem um pouco a liberação da maconha, o casamento homossexual a liberação do aborto – e muito menos a programação da TV – por que, simplesmente, pocuro mostrar à minha família o que é necessário para se defender e sobreviver neste mundo. É o bastante.
    Os ensinamentos que eu e minha mulher damos às nossas filhas são exatamente: estudo consistente, busca total do conhecimento, amizades sólidas, respeito às diferenças e, principalmente, a orientação de que elas serão responsáveis pelo próprio caminho, pelo própio futuro.
    Às vezes até me pergunto, tentando encontrar justificativas para tanto ódio, tanto medo: em quê me incomodaria um casamento gay? Que ofensa estariam me fazendo um casal gay passeando de mãos dadas em um shopping ou numa praça poública? Sinceramente, com toda franqueza, não consigo ver nada que pudesse me afrontar em nenhuma dessas situações.
    E aí passo a me perguntar: será que este temor, esta insegurança, este ódio são ensinados nos púlpitos?
    Quando era criança, aprendi que Deus é absoluto. E ao longo da vida, fui entendendo cada vez mais o sentido do termo “absoluto”. E absoluto é aquilo que é maior, melhor, completo, intenso, insuperável. E aprendi que, “Se Deus fizer, ninguém desfaz”. Desde então entendi que nada acontece se Ele não quiser. Portanto, uma conclusão: se Deus decidir que será assim, que posso fazer eu? Se Deus decidir que será “assado”, que mais posso fazer?
    Isto, sim, é a soberania de Deus, não cabendo nenhuma responsabilidade a nós. Portanto, é inexplicável a resistência, a insegurança e o medo que demonstram os evangélicos diante do avanço da humanidade. Isto depõe contra a própria soberania de Deus. Depõe contra a pregação dos próprios evangélicos, que passam o tempo a repetir palavras-de-ordem de prosperidade, poder e vitória, mas, no dia-dia, mostram uma inseguança e até um pavor de tudo que possam entender como perigo. Ora, e aquele povébio famoso: “Querendo Deus, quem impedirá?”.
    Não estão com Deus? o que temer, então?

  8. Chico Viana, você que não tem voto, e só assumiu mandato de vereador graças a uma licença do titular da vaga, não deveria se expor tanto…. Queria saber como vc reagiria se soubesse que seu filho, ou filha estivesse levando para seu quarto, viadinho ou uma sapatão para se agarrarem em sua cama…..

    Seus argumentos, meu caro vereador, visam apenas garantir os votos das bicinhas e sapatão, voto que por sinal já estão sendo disputados pelas outras vereadoras: ” A Ivaldo Rodrigues” e A Astro de Ogum.

    Respeite o direito da maioria de ser contra essa berração!!!!!!!!!!

    resp.: Você é muito agressia, minha cara. Boca-suja, vulgar. Acho até que não é mulher, usa apenas um pseudônimo. Coisa de quem realmente tem desejos incontidos.

  9. “O que não pode é querer impedir que os religiosos se expressem. Isso é crime. O que não pode é querer usar a fé para impedir que os homossexuais alcancem direitos civis estabelecidos para todos na Constituição. Isso também é crime. A igreja tem obrigação de determinar ao seus fieis que preceitos seguir. Mas não pode querer usar o estado para impor estes mesmos preceitos ao demais brasileiros que não professam esta fé.” Primeiramente, sou contra o título e concordo com vc nesse comentário que fez acima a uma pessoa de condinome Livre, mas o que o Malfaia defende e que eu entendi é sobre o PL 122, que possui alguns dispositivos que se forem aprovados da forma como estão, impedirá as pessoas que professam a fé Cristã, de pregar contra o homossexualismo que é condenado na Bíblia e essa proibição também invade não só a esfera de liberdade de expressão dos fiéis, mas também a liberdade religiosa. Uma Lei não pode jamais, tutelar direitos de um grupo e ao mesmo tempo, restringir direitos de outros, até porque a tão propalada liberdade de expressão garantida na Carta Maior não pode ser restringida por leis infraconsticuionais, por ser esta lei, obviamente inconstitucional (em alguns pntos ese Projeto é flagrantemente inconstitucional). Vc não crê na existência de Deus, é um direito que tem, como também o tem aquele que crê. Eu não vejo as outras religiões serem alvos de ataques tão pesados quanto Cristianismo. Dizer que alguém é alienado, bitolado porque é Cristão é uma coisa desrespeitosa e vc sempre pega pesado nesse ponto. Mas é seu direito de expressão… E Esse é o meu.

    Resp.: O PL 122 não impede a profissão de fé cristã, minha cara. Isto é uma mentira que vem sendo pregada pelos lídres religiosos para tentar impedir a sua aprovação – apenas por que se sentem incomodados com a legalização da união homossexual. Ninguém pode ser punido pela fé que tem. Os patotres, os evangélicos, os católicos podem continuar normalmente fazendo as suas pregações cotnra a homossexualidade, baseadas na Bíblia. O que els não vão poder mais é querer exigir que todos os brasileiros – mesmo aqueles que não professam sua fé – tenham que seguir estes preceitos. E a questão não é que eu não creia em Deus. Não é isso. Minha postura é: se ele existe ou não existe, isso não tem a menor importância.

  10. ESSES EVANGÉLICOS SÃO MUITO CONTRADITÓRIOS, COMO DIZEM, ACENDEM UMA VELA PRA DEUS E OUTRA PRO DIABO. CONHEÇO UMA PESSOA QUE TORNOU-SE EVANGÉLICA APÓS UMA SEPARAÇÃO, ASSUMIU A AMANTE, PORQUE SEGUNDO OS PRECEITOS DA IGREJA, NÃO PODERIA VIVER EM PECADO, E NÃO ASSUMIU UM FILHO QUE JÁ TINHA, QTA FALSIDADE! QUER DISSER QUE A VISÃO DE FAMILIA É MEIO DETURPADA, JÁ QUE ASSUMIR UMA AMANTE É ALGO QUE A IGREJA IMPÕE PORQUE NÃO PODE VIVER EM PECADO E UM FILHO, SANGUE DO SEU SANGUE É UM LIXO DESCARTÁVEL E QUE OS PAIS NÃO TEM NENHUMA OBRIGAÇÃO! QTA CONTRADIÇÃO, E É ESSE FALSO MORALISMO QUE MUITOS PASTORES QUEREM IMPOR. ESSAS PESSOAS QUE SE DIZEM SANTAS, PODE CONTAR SÃO AS MAIS SAFADAS QUE EXISTEM, AGEM DE ACORDO COM AS SUAS CONVENIÊNCIAS.

  11. “Por que vês tu, pois, o argueiro no olho do teu irmão, e não vês a trave no teu olho? Ou como dizes a teu irmão: Deixa-me tirar-te do teu olho o argueiro, quando tens no teu uma trave? Hipócrita, tira primeira a trave do teu olho, e então verás como hás de tirar o argueiro do olho de teu irmão.” (Mateus, 7:3-5).
    Como por exemplo na epígrafe, a hipocrisia tem rondado tanto o mundo real quanto o virtual. Em todos os lugares encontramos aquele tipo de pessoa que se julga melhor que as outras, que se guinda acima de um patamar que merece, simplesmente pelo prazer de aparecer ou por questões de soberba mesmo.
    Uns acusam outros de mentirosos, mais se escondem por trás da capa da meia-verdade; outros denigrem a imagem de alguns, pois se julgam perfeitos perante Deus e os homens; e vários outros aplaudem, sem conhecimento de causa naquela de “eu não quero saber quem morreu, eu quero é chorar” E as acusações, as críticas e ironias percorrem por meio de mexiricos, rádio-corredor, e-mails, orkut, artigos e comentários variados.
    E assim perguntamos: o que lucram essas pessoas com isso as que acusam? por que não se olhar primeiramente no espelho antes de atirar pedras? Por que não gastam o tempo o tempo dedicado a essas mesquinharias com coisas mais construtivas, que edificam tanto uns aos outros? Por que, ao invés de formar panelinhas reais ou virtuais, não criar grupos de ajuda aqueles que necessitam, ainda que seja apenas de uma palavra de conforto ou de apoio moral?
    Nãos seria melhor seguir os conselhos de nosso mestre, como na epígrafe, e não se esquecendo que Deus vê tanto estes quanto aqueles? Julgar não cabe a nós. Somos pequenos , falhos e parciais demais para isso.

    Resp.: A epígrafe acima é apenas um ensinamento para um período histórico epsecífico da vida humana. Exatamente na época dos patriarcas, onde as pessoas eram ensinadas a acatar tudo o que os reis e juízes diziam, sem questionamentos. Onde para, preservar o poder do patriarca, os oráculos (profetas) ensinavam que era preciso não apontar o dedo. Assim perdurou por dois mil anos, sob o domínio da Religião obscurantista.
    Veio o século das luzes e com ele o conhecimento. E para citar a mesma referência da epígrafe acima, quando a verdade apareceu, a verdade libertou. O homem passou a ter uma visão própria do mundo – sem a interferência dos sacerdotes – e começou a defender mais liberdade, a condenar os crimes dos reis e patriarcas que dominavam todos os aspectos da vida a ferro e fogo.
    E daí em diante a história se envolveu numa velocidade que fez o mundo evoluir em apenas uma década tanto quanto evoluiu em mil anos na Idade das Trevas.
    Resultado disto é o jornalismo, o Ministério Público, as entidades como OAB, ABI, Fenaj, Associações e ONGs. Exatamente para não deixar que aqueles que sobrevivem dos métodos e dos conceitos da Idade das Trevas possam prevalecer, possam fazer o mundo regredir. Por que estes medievais querem exatamente isto que você prega: que, ao vermos uma injustiça – como um título de cidadão dado apenas por interesses mesquinhos do proselitismo religioso – apenas baixemos a cabeça e saiamos calados, não acusando para não ser acusado.
    Mas este mundo de covardia já passou.
    Viva o mundo! Viva a Liberdade! Viva a Imprensa!

  12. Caro Marco:
    Sem querer irreverente e respeitando a opinião dengosos, se formos tão rigorosos e intransigentes com o “pecado” dos homossexuais, como seria se o fossemos com todos os que pecam infringindo os dez mandamentos inscritos na táboa sagrada? Será que seríamos assim tão implacáveis? Teríamos o número suficiente de puros que evitassem a destruição de nossa Gomorra hodierna?

    Resp.: perfeito Chico. O problema é que a patrulha aos homossexuais não tem nada a ver com pecado. Os religiosos apenas vêem na possibilidade de legalização da União Civil e na aprovação da PL-122 uma paulada no seu discurso proselitista. Por isso as igrejas quererm obrigar o estado a fazer o que elas não conseguem fazer por si só.

  13. Viu como o assunto rende? Afinal o que você é? evangélico, espirita, católico, ateu, budista, macumbeiro etc, etc, etc. Pareceque não é nada pois não respeita niguem, apesar de dizer que respeita, pois ódio estar caracterizado em seus comentários, quer ser dono da verdade;isso normalmente acontece com pessoas que estão posuídas por espiritos malignos, parese ser o teu caso. Mas Deus é aquele que tudo ver, e sondas os corações, e ver o bom e o mau, só a ele pertence a verdade.

    Resp.: Não sou nada. Sou um cidadão que considera a religião algo absolutamente desnecessária á sua sobrevivência. Também não me importo se você considera que esteja eu possuído por espíritos malígnos, simplesmente por que estas bobagens também não existem. O que é exite é Ciência, história, conhecimento, tecnologia. Foram estas coisas que trouxeram o mundo até aqui – e consweguiram libertá-lo da escravidão religiosa. E tenho muita fé. Tenho fé que estas coisas ainda levarão o mundo muito longe, cada vez melhor para se viver, em todos os aspectos – sociais, econômicos, de saúde, de longevidade, de paz.

  14. Um dos argumentos da dinâmica e respeitável Rose foi de que ” JESUS OS AMA, COMO AMOU OS LEPROSOS, OS CEGOS, OS ALEIJADOS”.Fiz ver-lhe, na mesma hora como é arragaido o preconceito, já fixado no sub-consciente das pessoas. Alinhar os homossexuais como recebedores de uma clemência dada aos portadores de doenças, e graves como a lepra, é considerá-ls todos doentes dignos da compaixão do SENHOR.E não é assim que ei os vejo.
    Quanto ao óbice levantado por muitos pelo fato de que o título só deveria ser outorgado à pessoas residentes em São Luis, nativos, ou não e só aquelas que tivessem serviços relevantes prestados de maneira direta à população, entendo que tem personalidades que não moram em nossa cidade, mas.
    fizeram muito por seus moradores, que são brasileiros também.Quantas pessoas saíram da miséria com a bolsa família
    aqui de São Luis? Quantas ludovicenses puderam adquirir
    medicamentos para curar ou aliviar seus males com os genéricos? E os aidéticos que recebem o coquetel gratuíto? Será que Albert Sabin que descobriu a vacina para pólio que evitou em todo mundo mortes e paralisias, aqui em São Luis inclusive, não
    mereceriam nossa homenagem?

  15. Só para deixar um registro:

    Ontem quando minha esposa chegava em casa na companhia dos meus filhos tinha uma rodinha de adolescentes que costumeiramente ficam em uma rua perto da minha fumando a maldita DIAMBA (maconha pra quem não conhece), e no meio da rodinha estavam duas adolescentes de aproximadamente 15 anos escanchadas uma na outra se lambendo igual cachorras, fazendo um sabãozinho.

    Meus filhos, que ainda são crianças ficaram chocados com a cena e, pelo PL 122 (que o D’Eça acha que é bom), ninguém poderia reclamar, pois elas iriam alegar estarem sofrendo homofobia.

    Acontece, que a prática de atos obcenos em vias públicas é infração penal, independete de quem esteja realizado: homem, mulher, gay, lésbica ou simpatizantes (e toda a trupe GLBTperêpêpê).

    Acho que os homossexuais devem ser respeitados como também os que defendem os bons costumes e a moral. Sou contra todo o tipo de injustiça, inclusive a que querem implantar com o tal PL 122, contra a família brasileira.

    Voltando ao caso das adolescentes lá da rua perto de casa, chego a uma Conclusão: As drogas só levam as pessoas a fazerem loucuras, inclusive a que eu citei. Um abismo chama outro.

    Ainda vão dizer que sou homofóbico.

    Por isso, parabéns Pr. Silas por combater a pouca vergonha que querem empurrar guela abaixo em nossa nação. Sou pela família e pela moralidade.

    Me incomoda ver meus filhos presenciarem coisas dessa natureza, a vc não?

    resp.; mas esta cena é tão atentatória quanto se fosse um casal heteossexual fazendo sexo em plena rua. É caso de prisão. Só os tolos religiosos é que usam estes argumentos para tentar desqualificar o PL 122. Não acho bom não. Assim como não acharia se, no lugar delas, fosse qualquer outro casal. Seria tão agressivo quanto, por que é desrespeitoso – como você está sendo. Mas será que você teria esta mesma verve se, no lugar das meninas fosse um rapaz e uma moça? Aí seria normal transar no meio da rua. Sob qualquer ponto de vista qu se argumente com os olhos do preconceito religioso, meu caro, se estará sendo injusto. Apenas covardes usam este argumnento para atacar o projeto.
    O PL 122 garante aos homossexuais apenas os direitos civis que lhe são negados por causa do preconceito. E este mesmo preconceito é que faz com que ele não seja votado. E a canalhice das lideranças evangélicas usam este argumento para manipular as mentes enfraquecidas pelo jugo religioso, que se danam a poroliferar argumentos tão tacanhos.

  16. Hoje não posso chamar-te de meu “caro” D’Eça,

    pois o seu post foi tão infeliz quanto as suas respostas àqueles que discordaram de vc.

    Entendo que, se as normas regimentais da Câmara dos Vereadores faculta aos membros da casa concederem títulos e outras homenagens a pessoas que na sua visão são merecedoras, o Silas Malafaia é, sim, merecedor do título.

    Foi assim com o José Serra, Silvio Santos e tantos outros que, em nossa visão, não mereciam o título mas que na visão do proponente fez por merecer.

    O que não podemos é oferecer pontos de vistas tão radicais como os seus, que parecem mais externar uma ferida, mágua ou revolta que vc nutre pelos líderes espirituais, aliás, pelos pastores.

    Acho que vc deveria ter um pouco mais de ética ao comentar assuntos que envolvam pastores, pois os seus seguidores que professam a fé evangélica, como eu, merecem um pouco mais de respeito no que diz respeito aos seus líderes.

    Sempre que aparece alguma oportunidade você está a ofender os pastores, colocando a todos em uma vala comum, onde são taxados de tudo menos de santos.

    Suas mágoas não devem ser expostas de forma tão desrespeitosa, pois há sim – e são a esmagadora maioria – pastores honrados que fazem a obra do Senhor Jesus de boa mente.

    Jesus, este, que não é mais um profeta como afirmas, desqualificando sua deidade, e sim o Filho de Deus e Deus conosco.

    Portanto, acho que a vereadora tem razão ao conferir o título ao Pastor Silas, pois é regimentalmente possível. Acho que vc deveria ser mais ético ao referir-se aos pastores, afinal, em todas as profissões existem códigos de éticas (ou na de jornalista não?), e ainda, nas respostas que vc vem dando aos seus seguidores.

    Menos, D’Eça, Menos!! Você não é o dono da verdade.

    Resp.: Aguarde amanhã e verá a impossibildiade do título a Silas Malafaia.

  17. Marco,

    Acho que nao leu direito o que coloquei,… pois na minha opniao o Malafaia nao merece receber a comenda, pois nao vi nenhum trabalho dele em prol dos Maranhenses!!!
    Onde esta a liberdade de expressao na PL122???

    Quando citei a RELIGIAO, foi pra dizer que eh muita IDIOTICE ficar discutindo que Igreja eh melhor que a outra,…

    Mas,… cada um com seu pensamento,…

    De que serve mesmo essa comenda oferecida ao Malafaia???

    Nossos vereadores deveriam prestar servico a cidade, pois esta sim,… precisa!!!

    Afinal,…
    Um so aparece pra falar de Igreja Evangelica!!!
    Outro so pra defender a bibalhada!!!
    O outro,… pra defender os buracos do prefeito!!!
    Ahhhh,… e o Pererinha heimmmm??? Nao vai aparecer pra defender o Alberto Ferreira???

  18. Quanta intolerância…

    Contra cristãos, ateus, protestantes, católicos, homosexuais e comunistas…

    Esses comentários e seu post mostram o nível do debate sobre a tolerância em nosso estado…

    É mais um especto de miséria maranhense!

  19. Quero parabenizar o blogueiro pela visão racional sobre o assunto, a despeito do linguajar “incisivo”, que, a propósito, é marca notória dos grupos religiosos. Em que pese ser um católico, portanto um adepto da religião, não posso deixar de reconhecer que, muitas das vezes, a Igreja perde a essência do seu discurso ao querer impôr sua visão de “dignididade humana”. Fá-lo, paradoxalmente, atacando a dignidade de grupos minoritários, como os homossexuais, ao tempo em que se omite de observar que, mesmo no comportamento dos animais irracionais, por natureza instintivo, a prática é observada (mais “natural” que isso, impossível!)… Fico mesmo abismado como as pessoas se escondem atrás de Deus para livremente expressarem seus preconceitos.

  20. Agora , pronto!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! A ‘minoria’ classe das bicinhas, agora querem impor as decissões na maioria….

    Marco ‘Deça’ vez vc foi longe com seus comentários…Além do mais, vc é mais arrogante do que aquele a quem vc critica: o pastor Silas Malafaia…

    Quando eu falo na familia, me refiro à criação( gestação, nascimento) da raça humana. Sem a familia, vc não teria ‘exisitido’. Outra coisa, conheço muitas pessoas que são pai, mães…, mas por debaixos dos panos, estão satisfazendo sua vontade sexual com o lado que sempre esconderam e continuam esc ondendo. Não sei se é o teu caso, mas pelos seus comentários, acredito que sim.

    Agora me responda uma coisa: como vc reagiria, se seus filhos menores de idade, ‘precensiasse’ um casal gay se beijando em praça pública?????

    Talvez para vc seria algo normal, mas para seus filhos seria algo diferente, estranho….. É disso que estou me referindo quando saio na defesa da familia…. A verdade é uma só: somos um pais laico, como vc afirma, mas não estamos preparados para aceitar tamanha berração. E mais: a maioria dos brasileiros são contra o casamento de pessoas do mesmo sexo. Os núemros não são de enquete, mas de pesquisas oficias do IBGE. Por tanto, respeite o direito da maioria de ser contra a esta berração.

    Resp.: Ponto por ponto.
    1 – Se a “classe das bicinhas” como você classifica (na certa aprendeu na igreja, não?) é tão minoria quanto a dos evangélicos, que também querem impor seus preceitos religiosos ao restante da sociedade.
    2 – Por acaso os homossexuais também não foram criados? Você conhece a pesquisa do Estrogeno e da Testosterona? (Sabe o que é isso?). Nesta pesquisa (eu já divulguei aqui), foi comprovado que os homossexuais acionam a mesma parte do cérebro que as mulheres, quando em contato com as zonas erógenas do homem. Esta parte não consegue se manifestar quando os gays são expostos às zonas erógenas femininas. São partes que ficam no hipotálamo. Ou seja, os homossexuais teriam a mesma configuração genética do cérebro que as mulheres. E daí? E daí que, se é genético, significa que veio desde o nascimento. Então foi Deus quem criou? E Deus, onde fica? Em lugar nenhum, por que ele não tem importância neste contexto. Aliás, em contexto algum.
    3 – Você pode ter certeza que tenho a minha personalidade muito bem definida para, se fosse o caso, assumir uma homossexualidade. Teria eu vergonha de quê? De Você?
    4 – Já presenciei – ao lado da minha mulher e das minhas filhas – vários casais gays (masculinos e femininiso) se beijando e se tocando como namorados. Aliás, tenho vários amigos gays que frequentam os mesmos lugares que eu. Apoiávamos a Parada do Orgulho Gay (até que ela se transformasse em um carnaval fora-de-época e sem sentido) onde íamos com nossas filhas. E isso nunca foi motivo de escândalo pra nenhum de nós. Estas bobagens preconceituosas e tolices religiosas só existem nos guetos medievais da religião, minha cara.
    5 – Não estamos preprarados para isso exatamente por causa de gente como você, alienada pelas igrejas, pelos dogmas religiosos que aprisionaram o mundo por quase dois mil anos. E se continuarmos com a mente cauterizada como a sua, certamente nunca avançaremos.
    O restante do seu texto, mas uma vez, são tolices regilioas que nem merecem resposta.
    Grato.

  21. VÁ BLASFEMANDO E TE PREPARA PARA ACERTAR AS CONTAS COM DEUS. DESSE NEM SARNEY TE LIVRA .

    Resp.: Como assim “acertar as contas?”. Significa que ele é capaz de me fazer mal como vingança? Então é mais cruel do que se pensa? Eu, heim?!? Deus me livre. kkkkkk

  22. A HOMENAGEM É MAIS QUE LEGÍTIMA!

    SILAS DEFENDO EM NÍVEL NACIONAL ( E ISSO INCLUI SÃO LUÍS) A VERDADEIRA FAMILIA, SEM ABERRAÇÕES COMO CASAMENTO E ADOÇÃO HOMOSEXUAL, QUE NÃO TEM PREVISÃO NA CONSTITUIÇÃO NEM NO CÓDIGO CIVIL!! NEM CIENTÍFICAMENTE POIS NÃO EXISTE CROMOSSOMO GAY ( OU É X OU É Y) NEM HORMÔNIO GAY (OU É TESTOSTERONA OU PROGESTERONA) NEM ÓRGÃO SEXUAL “EXTRA” (OU É PÊNIS OU VAGINA).
    ALÉM DISSO JORNALISTA, O REFERIDO PASTOR COMBATE A IMPOSIÇÃO ARBITRÁRIA DE UMA MINORIA QUE QUER DETERMINAR O COMPORTAMENTO E A ORGANIZAÇÃO SOCIAL BASEADO EM SUA PRÁTICA E PREFERENCIA SEXUAL, E PIOR: CRIMINALIZANDO (!) O DIREITO AO CONTRADITÓRIO E À LIVRE MANIFESTAÇÃO DE PENSAMENTO.
    QUANTO À QUESTÃO FINANCEIRA: TUDO O QUE SE FAZ DE RELEVANTE PARA A SOCIEDADE REQUER DINHEIRO E INVESTIMENTO. E AS PESSOAS DÃO PORQUE QUEREM. AO CONTRÁRIO DA TUA “PATOTA” QUE FAZ PARADA GAY COM DINHEIRO PÚBLICO E DE POLÍTICOS (QUE TB NÃO DEIXA DE SER DINHEIRO PÚBLICO)!

    VIU COMO ELE, ATRAVÉS DE SEU PROGRAMA E PREGAÇÕES, CONTRIBUI COM A NOSSA CIDADE??
    “TOMA” ESSA! E PUBLICA………. SE FOR HOMEM!

    Resp.: Voltou seu tolo religioso? Não era você que não mais viria aqui? A “verdadeira família” pra quem? Para os evangélicos? O que os evangélicos acham não pode ser considerado verdade absoluta só por que eles querem. Pode servir pra você e seu guetozinho alienado – e eu respeito. mas a sociedade não tem que pensar igual a vocês do gueto. A união civil homossexual não tem previsão constitucional exatamente por que os tolos recalcados evangélicos fazem chantagem com a Câmara dos Deputados. E a Câmara cede por causa dos votos dos tolos evangélicos, que têm aos milhares nos currais controlados por pastores inescrupulosos, como este Silas Malafaia. Você quer discutir Ciências com os olhos tolos da fé e sempre perde. Cromossomo? A homossexualidade é uma condição, não uma opção. Isso porque a pessoa nasce assim. E se nasce, foi Deuz quem fez? Engraçado, por acaso aqueles mais de R$ 400 mil dados aos retiros evangélicos durante as eleições não eram públicos? Na época, Roseana era abençoada. Agora, é só minha “patroa”! Meu caro, ponha-se no seu lugar: você é só um tolo escravizado pelos dogmas religiosos, cada vez mais alienado e manipulado pelos mercadores da fé. Apenas isso.

  23. Meu caro Marco, assim como aqueles que deixaram seus comentários nesse espaço, acompanho também o seu blog e juntos contribuimos para o espetacular número de acessos registrado. Merecemos, no mínimo, respeito. Os seus textos nos informam, esclarecem e denunciam, sempre dentro do limite dos nossos conhecimento. Selecionamos aquilo que entendemos ser útil e assim absorvemos e ponto final. Por isso, imagino que você não tenha nenhum leitor idiota, respeite a opinião dessa pessoas. Não o considero um idiota por não respeitar as religiões, a sua “base científica” não lhe dá esse direito. Li o texto em discussão e concordo plenamente com você de que o Pastor não tem nenhum serviço prestado ao povo de São Luís para merecer o título de cidadão, a não ser introduzir em nossa cidade “a sua indústria milionária que cresce às custas da fé religiosa”. Isso é bom só pra ele. Quanto à questão da homosexualidade, também concordo que não é uma questão de opção e sim uma anomalia ou não é? E só por isso os seus direitos civis têm sim que ser preservados. Para por ai. Dai, constituir família através do matrimônio, adotar filhos, entre outros “direitos”. Atropela os limites da natureza perfeita. O judiciário brasileiro se deixou levar por uma minoria barulhenta e muitas vezes sem vergonha. Podemos sim garantir os direitos e deveres desses “homens e mulheres” sem banalizar, independente de religião, a mais antiga das intituições: A família. Que o ser superior continue a abençoar a sua família e que os seus descendentes a mantenha nos moldes “tradicionais”. Entendo que serão mais felizes assim.

    Resp.: Ah, meu caro, me desculpe, mas tenho sim, muitos leitoes idiotas. Assim como tenho muitos leitores de excelente nível intelectual. E os tenho por que eles – idiotas e intelectualizados – compõem o conjunto da sociedade.
    É possível até concordar de que a homossexualidade possa ser uma disfunção genética – ou uma “anomalia” termo usado po você. Mas exatamente por isso é que eles devem ser respeitados – assim como os albinos, por exemplo, que também têm anomalia. Quem definiu a natureza pefeita? Como pode algo que ainda está em construção ser perfeito? A família é só uma parte da sociedade. E muda com ela, em todos os seus aspectos – sociais, culturais, tecnologicos, médicos. Só o aspecto religioso é o mesmo sempre por que não admite evoluções. Os mesmos dogmas que se defendiam há três mil anos, continuam sendo defendidos hoje pela religião, a despeito de todo o avanço da ciência, da história e da tecnologia, que já mostraram não passar de balela vários mitos tidos com verdades bíblicas.

  24. Recomendo entender o comentário, que não questionou a crença, e sim a liberdade de opinião e expressão. É simples.

  25. Discutir religiao, politica e futebol eh complicado,… mas,… vou tentar expor meu ponto de vista!!!

    1- Religiao,…
    O problema aqui eh religioso ou eh a comennda que querem dar ao Silas Malafaia?
    Cada um tem a fe da forma que achar correta, e isso nao deveria ser motivo de brigas,… pois o Deus que eu acredito, no qual tenho fe e o sigo,… ele prega a UNIAO, o AMOR!!! Quem prega a DESIGUALDADE, EXCLUSAO, e BAIXARIA eh o Zezeu!!!

    2- Comenda,…
    Pra mim, ele nao merece a comenda, pois efetivamente nao fez nada pra ajudar o povo Maranhense!!! E concordo plenamente quando falas que as Igrejas hoje nao propagam mais a fe,… CLAMAM APENAS O AMOR AO DIZIMO E AS OFERTAS!!!

    3- Homofobia,…
    Apesar de ser Catolico, acho que a comunidade GLBT tem todo direito de viver da forma que achar correta, pois vivemos numa sociedade “livre”! Porem,… acho que a PL122 eh exagero!!! Afinal, se eu contrato uma pessoa pra cuidar de minha casa e de meus filhos,… e ela eh homossexual,… eu nao aceitaria!!! Acho que tenho o direito de escolher que tipo de educacao quero que meus filhos tenham dentro de casa!!! Conviver na escola, na rua eh uma coisa, mas, dentro de minha casa, escolho eu!!!

    4- Liberdade,…
    Sera que essa PL122 nao eh uma afronta a liberdade de expressao???

    P.s.: Nao cabe a ninguem concordar ou discordar, afinal, apenas coloquei meu ponto de vista! Pode ele (meu ponto de vista) estar certo ou errado!!!

    Abraco.

    Resp.: Bom, se nem você tem convicção no que pensa, não tem nem o que discutir. Mas vamos por ponto, de baixo pra cima:
    4 – Ao contrário, meu caro. A PL 122 é que garante a libedade de expressão, que as igrejas quererm manter restrita apenas a elas.
    3 – Você não é obrigado a contratar nenhum homossexual para trabalhar em sua casa. Você só não pode estabelecer que não faz isso pelo fato de o homossexual ser uma pessoa menor. Por que não é. Contraditório que voc~e conviva na rua, nas escolas, mas impeça dentro de casa. Mas isso não é culpa sua. É culpa da igreja e da sociedade medieval, que impuseram isso como arquétipo ao longo dos tempos.
    2 – Só o fato de ele não ter prestado serviço algum a São Luís tira a legitimidade do seu título de cidadão. Se perceber, em momento algum o texto do blog trata de homofobia ou posicionamentos reiligiosos-culturais do pastor Silas Malafaia. Critica apenas a concessão do título e o seu modo de ganhar a vida. A homossexualidade foi trazida ao debate pelos alienados evangélicos, que não pensam em outra coisa.
    1 – Este blog já expôs mais de uma vez:Religião – todas elas: evangelismo, catolicismo, umbandismo, espiritismo, judaimo, ateísmo – são uma desnecessidade no mundo.

  26. Se partimos desse pressuposto quase nenhuma das figuras que já receberam essa homenagem mereceriam. Já acompanhai tantos corruptos e cafajestes recebendo isso, que até acho que seria melhor o pastor não recebe-la.

    Resp.: Ele será só mais um canalha agraciado com tão honrosa comenda. Só isso.

  27. O único tolo e imbecil aqui é você que se diz jornalista e não sabe conduzir um debate sem partir para xingamentos levianos. Aprenda a ser Jornalista. Isso se você já passou algum dia em um banco de faculdade!

  28. Caro D’Eça,
    Quanto a fé…trago a minha, mas também não duvido da fé de ninguém…principalmente dos que creem no nada ou na ausência de ser divino… Basta-me crer que existe… Também não sei explicar essse meu próprio sentimento …o Filósofo Cioran confessou, perto da sua morte, que sentia sua “inveja” em relação aos que acreditavam… pois ele era incapaz de acreditar… Tempos antes Pascal fez uma reflexão…e até tentou provar a existência de Deus através de cálculos etc. Seu dilema foi resumido no seguinte: SE não existir não vai fazer diferença, mas se existir pode ser tarde. Na dúvida… acredito (assim resumiu seu dilema). Porém, o considero crucial do post é comenda, homenagem ao senhor Silas… Realmente…quais os critérios são usados na Câmara de vereadores para tal honraria? Isso não tem critério? Também me pergunto..Como essa Câmara trabalha para conceder título de cidadão para pessoa de fora (outsider) e não faz nada para defender a cidadania dos moradores da cidade, do povo de São Luís? Quem merece receber algo é povo de São Luís, esse merece ver sua cidadania respeitada. A cidade está destruída e 90% dos vereadores foram inoperantes ou cúmplice desse Caos.
    No mais…. não colocando faca ou revólver para arrancar o dinheiro (assalto) … acho que doa quem quer… o indivíduo não pode ser o tempo todo idiotizado…
    Quanto ao catolicismo…. discordo do Jornalista… não foi essa religião que inventou a existência de um Ser Superior e Divino… Deuses existiram bem antes do catolicismo… e em diversas culturas e civilizações… Nem monoteísmo é uma exclusividade católica… Próprio do catolicismo é que Deus é único e ao mesmo tempo três, que jesus é filho de Deus e é Deus, Maria engravidou sem pecado. Além disso, o catolicismo não aceita a tese de reencarnação. Os cristão da linha de Silas…não reconhecem a importância da mulher (Maria) na histórica salvífica de Deus… Já testemunhei um cristão da Assembleia de Deus dizer que Maria era coisa do demônio… Logo pensei: Se Jesus nasceu de Maria (está na Bíblia) como Ele pode ser Deus nascido de um ventre do demoníaco? Conheço várias pessoas da Assembléia que pensam diferente… A Fé e a religião são experiências e vivências marcas intensamente pela subjetividade.. É sempre muito complicado julgar o todo por uma parte ou a parte pelo todo…
    Fé e religião viva é o Amor…e isso você demonstrou quando citou sua família…suas filhas e esposa.. O Jesus que verdadeiramente liberta é o Amor.
    Bom trabalho…

    Resp.: Pois eu parafraseio Pascal em parte: Se Deus existe ou não existe, isto não tem a menor importância.
    Tanto os cristãos da Assembléia de Deus, quanto os católicos e outros se digladiam exatamente por não ter convicção no que crêem. Deus, demônio, Maria, Espírito Santo, são apenas dogmas, sistematizados pela igreja católica, que viu nesta fé uma forma de escravizar o povo e dominar o mundo. São apenas baboseiras bíblicas. Só Jesus é real. mas Jesus, não o Cristo. O Cristo também é uma invenção – esta de Paulo, que viu na nova fé insurgente em Roma uma forma de ter poder. Paulo é o inventor do Cristianismo, não Jesus. Jesus foi apenas mais um dentre tantos profetas, que lutaram para defender o seu povo da opressão romana e foi crucificado por crimes políticos. O Cristianismo deveria se chamar Paulinismo, pois criado por um canalha tão inescrupoloso quanto muitos pastores de hoje em dia.

  29. Marco, sempre estou contrária a você, quando o assunto é a política maranhense. Mas isso faz parte da discussão normal, em que cada um possui opinião própria. Com esse post, fica visível como a religião – cega, dotada totalmente da proibição da liberdade de expressão, atrai cada vez mais ovelhas alienadas, com promessas quase sempre subsidiadas a alcançar uma vida financeira bem sucedida (tudo em prol do dinheiro). Não sou a favor do casamento gay, até porque é anticonstitucional, mas também sou contra a forma preconceituosa como esse pastor trata o assunto. De forma vil, insciente e ignorante. Aposto que por trás disso tudo isso tem um interesse político em breve. Em relação a Rose Sales, foi a primeira vez que soube o nome dela, é uma pessoa tão insignificante eleita com votos de evangélicos dessa pobre ilha….VIVA O MARANHÃO!!

    Resp.; Você pode ter ceteza que Silas Malafaia já manifesta desejo de disputar cargos políticos. Assim como outros que vieram antes dele, como Rodovalho, Marco Feliciano, etc…

  30. Muito bonito:
    1) O Pastor Silas receber um título imerecido;
    2) O “jornalista” descendo do salto na refutação de alguns comentários.

    Resp.: mas, com certeza, é feio você se escodner atrás de um pseudônimo covarde.

  31. Meu caro Marco D’Eça, em muitas situações acabamos divergindo, mas nesta, eu tenho que parabenizar o seu “post”, essa indústria que enriquece às custas da fé do “povo” é um verdadeiro câncer na sociedade atual. Levam a “palavra de Deus” com ônbus a perder de vista, e o pior é que fazem uma lavagem cerebral nessas pessoas, que passam a venerar esses embusteiros como imagens sagras.E eles ainda afirmam com todo o evangelho que não cultuam imagens, que contradição. Uma verdadeira vergonha.

  32. Interessante, José Serra (nutre ódio velado aos nordestinos) que nunca fez nada por São Luís recebeu o título de cidadão ludovicense em 2010 proposto pelo vereador (esclarecido) Chico Viana. E se não falha a memória não ouvir ou li nenhuma manifestação contra ou até rixosa por parte da mídia. Se Serra pode por que o Silas não pode? Se tu acredita em alguma coisa ou não é irrelevante, pois não és o senhor da verdade. Cabe a Câmara decidir, afinal há votos de todos os credos e não credos ou outra forma altruísta ou qualquer que seja a convicção na Câmara Municipal. Eu sei que o Silas têm muitos defeitos e o teu irmão que é Pastor (e eu o conheço) sabe disso, mas estamos numa democracia, onde o cidadão tem direito a liberdade de opinião e de expressão. Não há nenhuma bizarrice na proposição da vereadora. Pôde Serra conclui que podes Silas e outros da umbanda, dos homossexuais, das minorias, dos negros, dos índios etc, etc, etc.

    Resp.: Recomendo tratar a memória, pois ela está falhando. Não se discute aqui quem crê ou não crê. Este debate é apenas secundário no caso. O título do post é claro: “O que Silas Malafaia fez a São Luís para merecer título?”. É só esta a pergunta. Não se pode questionar o título a Malafauia apenas pelo fato de ser ele homofóbio ou não. Isto nãoe stá em discussão. A questão é: fazer pela cidade que o agracia. Não pode Serra, não pode Silas, nem homossexuais, nem candoblé, nem ninguém que não tenha serviços prestados a São Luís, como preconiza o texto da lei que instituiu o título.

  33. Que Senhor dos Ceus te salve dos seus pecados, e olha que vc ainda se acha evangélico. Dobre os seus joelhos no chão e peça perdão dos seus pecado, tá pregando falso testemunho, levantando aleivo, e desespeitando o evangélho. O senhor Deus mandou: Ide por todo mundo e pregai o evangelho a toda criatura, os que crerem serão salvos e os que não crerem serão condenados a vida eterna de sofrimento no inferno. Esse irmão, através da televisão leva o evangelho aos quatros cantos da terra e o que Deus determina ele faz, e faz com amor. MERECE sim o titulo não só doe São Luís como do BRASIL, de honra por levar até sua casa palavras de amor, conselho a respeito do caminho a ser seguido conforme as escrituras sagrada. Vamos orar para que Deus esteja sempre com ele e que através dele, da sua palavra, vidas sejam restauradas, jovens sejam libertos das drogas e casais unidos pela unção de Deus.

    Resp.: Baboseiras bíblicas, nada mais…Nem merecem resposta.

  34. Inclusive ele já está investindo na indústria da política, elegendo seu filho deputado federal pelo RJ. Compre-me um bode, ela quer fazer média acusta do povo da Ilha, quantas pessoas, mesmo desconhecidas, mais batalhadoras mereciam esse título e nunca receberão porque não estão em contato com o mundo sujo da política.

  35. Por conta da fé cega, sem uma visão crítica do que é religião e religiosidade é que pila ntras como esse Malafaia se dão bem explo rando os incaltos. Você está correto, Marcos. Pergunte a essas pessoas que creem nas enganações desse cara para onde leva sua fé e eles dirão é é à vida eterna. A vida não é eterna, o corpo perece. O espírito sim, esse é eterno. Nunca morre. Eu creio em Deus e na imortalidade da alma, mas não em baboseiras ditados pelos dogmas.

  36. Caro Marcos há muito a fé vem sendo usado de forma a ascensão pessoal de alta cúpula das entidades religiosas e quando estas pessoas chegam ao poder fica sem saber o que fazer como é o caso da vereadora, ai ela sai como uma dessas idéia maluca de homenagear o guru de sua igreja. Vejamos se todos os parlamentares resolverem homenagear seu guru vai ser uma loucura.
    O estado de direito já deveria ter enfrentado o cartel religioso no Brasil, abre-se templos como se abre bar, em qualquer lugar tem uma pessoa que representa um pastor arrecadando dinheiro e pregando sem nenhuma preparação. É uma vergonha e se não forem tomadas as devidas providencias para separar as questões políticas das questões religiosas os políticos de verdades vão ficar refém desses picaretas.

  37. Marco, por que Marx combatia a religião? Porque para Marx a religião era usada como forma de exploração dos trabalhadores. Assim, comunismo e religiosidade não combinam. Então, como pode a vereadora ser comunista e evangélica ao mesmo tempo? É má-fé ou ignorância? Não sei… Só sei que Marx estava certo. A religião é usada sim para explorar o povo. Veja que os burgueses usaram a religião para alcançar seus interesses de enriquecimento e conquista do poder político.
    Justamente isso que está ocorrendo hoje com algumas igrejas evangélicas.
    Ou seja, estamos vendo a volta do modo burguês de agir.
    Isso é um retrocesso.
    Conquistamos o Estado laico justamente para não deixar o povo ser explorado. Mas, essa conquista está correndo o risco de ser esquecida.
    Em outras palavras, a democracia contemporânea está em risco.
    Se a missão de um pastor é fazer a aliança entre o homem e Deus, de que lhe serve um título?
    “Vaidade das vaidades, tudo são vaidades”

  38. ROSE SALES ATÉ QUE VINHA BEM. COM ESSA PERDEU MEU VOTO.

    Resp.: Vinha bem? Como assim? O mandato de Rose Sales é uma inutiliade, eu caro. No primeiro ano ela se deu bem com emendas liberadas pela prefeitura para obras de seu próprio instituto, dirigiro por seu marido. No ano seguinte, foi omissa na discussão do IPTU e, depois, ainda criticou a Assembléia por questionar o imposto. Agora sai com esta de dar título de cidadão a um merador da fé. Isso é qu é mandato…

  39. Não sei por que esses teu desassossego com essa “honraria” que a Câmara quer conceder ao pastor Malafaia. O que tem de “pilantra” com esse titulo da para encher um Maracanã.

    Resp.: Por isso o pilantra novo também tem que ganhar? Po que alguém errou no passado tem que se erra de novo? Não seja idiota, meu caro. Todos estes pilantaras que voc~e cita deveriam ter o s títulos revogados. E a Câmara deveria ter vergonha de aprovar um título para este Malafaia.

  40. Silas Maracutaia vendia Bíblias Sagradas por R$ 1.000,00. Depois de muitas críticas recebidas pela extorção praticada, ele baixou o preço para R$ 917,00.
    A mesma Bíblia que pode ser comprada por RS 45,00 em qualquer livraria.
    Silas é o que de pior pode existir para o cristianismo, pois vive atolado em todo tipo de maracutaia da fé, desde receber propina de Edir Macedo – para não atacar a IURD – até a propagação do fanatismo religioso.
    Quem quer saber mais sobre esse picareta da fé, ouça o que pastor Caio Fábio (que o conhece muito bem) tem a dizer, Está tudo no youtube.

  41. O mais engraçado é que você defende o respeito aos gays e dizem que os Evangpélicos são intolerantes! e você, meu caro? isso o que você faz se chama INTOLERÂNCIA RELIGIOSA! O fato de você crer ou não não lhe dá o direito de agredir a fé dos outros, ou será que só a causa gay é que merece respeito para você? Seja ponderado, seu tom raivoso é que lhe desqualifica para qualquer debate sobre religião, você simplesmente é movido por um ódio irracional. E esse seu extremismo é coisa de fanático!

    Resp.: Mais um idiota falando por meio do que aprendeu no púlpito. Minha crítica às religiões – não só a evangélica, mas todas elas, incluindo o ateísmo – se baseia em pesquisas histórico-científicas. Considero alienação e exploração a manipulação propagada pela Igreja Católica, mãe de todas as demais igrejas… Mas nunca tentei impedir que estas tolices possam ser propagadas no Brasil. Os tolos também têm liberdade para se expressar, sobretudo por que o país é laico. Da mesma forma, defendo os direitos civis a todos os brasileiros, independente de sua condição sexual. E falo condição também com base científica, uma vez que também é tolice essa pregação de que o homossexualismo é uma questão de opção. Não é. Por isso mesmo – por esta condição – é que defendo o respeito a eles. As igrejas têm o direito de determinar aos seus fieis que sigam os preceitos bíblicos – inclusive os que condenam o homossexualismo. Mas não podem querer inteferir na vida de quem não segue sua religião, chantageando o governo para forçar aprovação de leis que beneficiem apenas as igrejas. E é esta a corrupção do meio evangélico: usam a fé para eleger deputados que, no Congresso, estão apenas defendendo os interesses das suas igrejas. Querem, de certa forma, obrigar os brasileiros, todos eles, a seguirem os preceitos de sua fé – inclusive os que não têm fé alguma. E isto é um crime.

  42. marco, todo comunista nao e ateu me responde essa como uma comunista pode se evangelica ?

    Resp.: Mas até o chefe dela, Flávio Dino, se declara comunista-cristão.

  43. Meu caro, como sempre objetivo e enfático em suas respostas (ótima resposta ao 1° comentário)! Tem minha admiração. Abraços e estou sempre na leitura. Já de muito que deixo minha revolta à parte por desserviços como este prestado pela referida vereadora. Muitos se elegem pra eles e não pra nós!

  44. Pelos comentários que li aqui, tenho total descrença da mudança do Maranhão pelas mãos do povo, que na sua maioria se mostram com mentalidade retrógrada, equiparada a da Idade Média.
    Sempre recorrem ao argumento da defesa da família. Defesa da família é o TOTAL RESPEITO de todos às opções dos integrantes da família, quer por religião, quer por sexualidade, por ideologia política… o que praticamente ninguém tem hoje em dia. Não se constrói uma família feliz e unida sem RESPEITO.

    O que essas pessoas (lê-se R.R. Soares, Silas Malafaia e outros) não nos dizem é porque eles enriquecem tanto às custas desses fiéis tresloucados. Vocês mesmos, que fazem esse tipo de comentário que os pastores impõem à vocês, não se atentam que eles enriquecem cada vez mais com essa fidelidade de vocês à esse mercado religioso que está hoje em dia.
    Eu acho simplesmente insuportável de alguns evangélicos é que eles querem impor de toda a forma a sua religião para os outros, com cada vez mais programas evangélicos na TV, a indústria da música gospel, que quem não vai à Igreja todo dia não ama Deus… Só porque eu não vou à Igreja quer dizer que Ele me ama menos do que vocês? Ele ama TODOS por igual!
    Longe de mim não respeitar a religião de vocês, mas eu tenho a minha e quero que a respeitem, e não a imponham.

    Vocês dizem da banalização do homossexualismo, mas o que me dizem da grande disseminação desse ‘evangelismo’ que não coloca ideias na cabeça das pessoas, mas só querem impor a opinião deles e que todos acreditam?

    Quem era Silas Malafaia? Começou a querer criticar os homossexuais e ficou famoso. Vai ver que era tudo que ele queria, além do dinheiro que tá ganhando às custas do dinheiro do povo…

  45. Que discussão boa… nem todos que professam a fé em Cristo é leigo e/ou analfabeto. “Cuidado”, isto também é intolerância. Mas, o principal tema aqui é – ROSE SALES. Se é para homenagear um pastor, independente do seu credo, temos muitos sacerdotes, padres, bispos, morando em São luis, anônimos, fazendo um excelente trabalho social. Pensem nisso.
    AMEM!!!

    Resp.; Criticar a religião não é tolerância. É liberdade de expressão. Assim como criticar a condição homossexual também o é. O que não pode é querer impedir que os religiosos se expressem. Isso é crime. O que não pode é querer usar a fé para impedir que os homossexuais alcancem direitos civis estabelecidos para todos na Constituição. Isso também é crime. A igreja tem obrigação de determinar ao seus fieis que preceitos seguir. Mas não pode querer usar o estado para impor estes mesmos preceitos ao demais brasileiros que não professam esta fé.

  46. cuidado o que você fala,qualquer dia você vai passar no tomento grande e você vai pedir a ajuda de DEUS, ele vai te ajuda,com isso vai saber que DEUS existe.

    Resp.; EÉ, né? Então, tá!

  47. ACHO É BOM E SABE PQ, PQ TÁ CHEIO DE MANÉ DA FÉ, PESSOAS BOBAS, OTÁRIAS, IGNORANTES QUE SE DEIXAM LEVAR PELA BELA E ENTUSIASMADA PALAVRAS DESSES PICARETAS MEDÍOCRES QUE APROVEITAM DOS MESMOS ATRAVÉS DA FÉ RELIGIOSA, PARA EXTORQUIREM E ANIQUILAREM FINANCEIRAMENTE ATÉ A ÚLTIMA GOTA. HOJE NÃO É MAIS ADMISSÍVEL PESSOAS QUE SE DEIXAM ENGANAR POR ESSES ESPERTALHÕES. POR ISSO, ENQUANTO ELES (PESSOAS BOBAS) EXISTIREM ESSES PASTORES PICARETAS VÃO SE DÁ MUITO BEM.

    Resp.; Mas fica uma pergunta: Pra que serviu o mandato da vereadora Rose Sales? Suas ações se dividem entre proselitismo religioso, omissão aos atos da prefeitura e busca de itneresses próprios.

  48. Venho aqui denunciar a passagem de onibus pela avenida da universidade do Cohafuma. Qualquer dia um morador vai ser acidentado, os motoristas passam em alta velocidade. O que devemos fazer? Esperar a avenida virar pista de corrida? Nos ajude

  49. Caro jornalista o seu ponto de vista está um pouco exagerado, pois quando fala desta forma, você está sendo grosso com todos aqueles que acreditam em Deus, inclusive eu, não precisa ser tão enfatico no que você acredita e nem usar de ofensas, ok? a discução aqui é se ele merece essa comenda….claro que não, levar a palavra de Deus para dentro de nossas casas é muito bom, mais isso não o dignifica receber uma comenda dessas, até pq cidadão ludovicense ele não é, e serviços prestados para com o nosso povo ele não tem. Na verdade a discusão deveria ser outra: O que a vereadora Rose Sales fez, ou melhor, faz para com a nossa cidade? Que infelizmente esta sendo destruída por esse covarde que se chama de prefeito, João castelo!

    Resp.: Belo comentário, amigo. Parabéns. Coerente e equilibrado.

  50. Cuidado Marco d´ça com que fala, se você não crê em Deus ou não gosta do Pastor, isso é uma decisão sua, mas não blasfeme dizendo que Deus não criou coisa alguma; ele criou sim inclusive você, e você é o que é apenas por permissão de Deus, e pode deixar de ser tambem por permissão de Deus. Não estou defendendo o Pastor, apenas te dando um alerta sobre a bobagem que falou sobre Deus.

    resp.: Como você pode não crer em uma coisa e temer a esta coisa? É incoerência, não acha? Se eu não creio, pouco importa pra mim o que pode acontecer, meu caro.

  51. Fico me perguntando…Vc faz uma defesa aos homossexuais, ou ataca o pastor apenas por atacar????

    Seu texto já foi melhor, mas ele, inclusive, mostra de que lado da sociedade vc está: do lado contrário à familia…..

    Verdade seja dita: seu maldoso texto é simplesmente pq o pastor prega a defesa da familia e contra a banalização de merd.. chama homofobia, uma ‘lei’ criada pelos Gays e Lesbica para condenar quem as discliminar…. Mas vem cá! Deus criou homem para mulher e virse e versa. Ele não criou o homem para o homem, muito menos a mulher para a mulher….Isso quem tenta colocar na cabeça da opinião pública são vcs bando de viados

    Resp.: O pastor, minha cara, é um bandido, que ilude a fé alheia e enriquece a luz do dia. E é preconceitusoso mesmo. Preconceituoso e covarde, já que se esconde atrás da fé para atacar não só os homossexuais, mas todos os que vão de encontro aos seus interesse.
    Não sou contra a família, não minha cara. Sou casado há 15 anos, tenho duas filhas maravilhosas e vivo em paz com elas, com minha mulher, com meus pais, meus irmãos e meus amigos. E respeito mesmo a todas as condições de gênero, porque entendo que todos têm os mesmos direitos civis num país laico como o Brasil, se rasguem ou não os religiosos por isso.
    O restante do seu texto são apenas bobagens religiosas, idiotices alienantes. Nem merecem discussão. Deus não criou coisa alguma, minha cara – nem homem, nem mulher, nem coisa alguma. É apenas uma bobagem inventada pela Igreja Católica para escravizar seres como você. Só isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *