17

Livrar de quê???

Da revista Época

” Você é evangélico? – ela perguntou.

 – Sou! – ele respondeu, animado.

– De que igreja?

– Tenho ido na Novidade de Vida. Mas já fui na Bola de Neve.

– Da Novidade de Vida eu nunca tinha ouvido falar, mas já li matérias sobre a Bola de Neve. É bacana a Novidade de Vida?

 – Tou gostando muito. A Bola de Neve também é bem legal. De vez em quando eu vou lá.

 – Legal.

– De que religião você é?

– Eu não tenho religião. Sou ateia.

 – Deus me livre! Vai lá na Bola de Neve.

– Não, eu não sou religiosa. Sou ateia.

 – Deus me livre!

 – Engraçado isso. Eu respeito a sua escolha, mas você não respeita a minha.

– (riso nervoso).

 – Eu sou uma pessoa decente, honesta, trato as pessoas com respeito, trabalho duro e tento fazer a minha parte para o mundo ser um lugar melhor. Por que eu seria pior por não ter uma fé?

 – Por que as boas ações não salvam.

– Não?

– Só Jesus salva. Se você não aceitar Jesus, não será salva.

 – Mas eu não quero ser salva.

– Deus me livre!

– Eu não acredito em salvação. Acredito em viver cada dia da melhor forma possível.

– Acho que você é espírita.

– Não, já disse a você. Sou ateia.

– É que Jesus não te pegou ainda. Mas ele vai pegar.

 – Olha, sinceramente, acho difícil que Jesus vá me pegar. Mas sabe o que eu acho curioso? Que eu não queira tirar a sua fé, mas você queira tirar a minha não fé. Eu não acho que você seja pior do que eu por ser evangélico, mas você parece achar que é melhor do que eu porque é evangélico. Não era Jesus que pregava a tolerância?

– É, talvez seja melhor a gente mudar de assunto…

(…)

Se Deus existe, que nos livre de sermos obrigados a acreditar nele.”

Leia aqui a íntegra do texto

Marco Aurélio D'Eça

17 Comments

  1. Marco, ateísmo não é religião. Reconheça teu erro, não há nada de mais nisso.
    No mais, respeito quem acredita em fábulas sumerianas adaptadas pelos judeus e adotadas pelos “cristãos”.

    Resp.: Eu não estou dizendo que Ateísmo é Religião como concepção científica ou histórica. Eu disse, e repito, que eu – EU, apenas EU, como concepção doutrinária – é que considera ateísmo tão religião quanto cristianimo, catolicismo, evangelismo, espiritismo e outras pragas da sociedade moderna. Deu pa entender agora?

  2. Boa tarde, Marco Aurélio.

    Na minha primeira analogia eu comparei o ateu ao calvo pelo desinteresse deste em uma disputa sobre qual cor de cabelo seria melhor, pois inútil.

    Já na segunda analogia, quem não coleciona selos pode achar que os filatélicos perdem seu tempo com o que acreditariam ser uma “inutilidade” (não é a minha posição sobre filatelia), mas não batem de porta em porta ou fazem discursos em ônibus ou púlpitos pedindo para as pessoas deixarem de colecioná-los.

    Assim como ocorre com os ateus, que exatamente por não acharem pessoalmente relevante o assunto teológico (apesar de ser inegavelmente relevante do ponto de vista histórico e sociológico), não necessitam se reunir pare reforçar uma certa “não-fé”.

    Por fim, nenhuma religião me incomoda, somente quando seus praticantes querem regular os outros pela régua do seu “livro de regras” (qualquer deles que seja).

    Abraço.

    Ps.: Dizer que argumentos são superficiais ou tolos não são contra-argumentos, mas somente falácia “Argumentum ad Hominen”, pois somente critica seu contrapositor. Isso é tolo.

    resp.: Você se equivoca quanto aos ateus. Quem disse que eles não se interessam pelo assunto teologia? O ateísmo militante (digo miltiante por que é assim como os católicos, com praticantes e não-praticantes) estuda a teologia tanto quanto os defensores da existência de Deus.Conhecem a Bíblia e pontuam cada versículo exatamente para contestá-la. Esta é a diferença entre mim e um ateu. Não estou preocupado em saber, sentir ou provar a existência de Deus. Se ele existe ou não existe, isso não tem a menor importãncia.

  3. Ah, ia esquecendo, se Ateísmo é Religião, então não colecionar selos é hobbie.

    resp.: Quem não coleciona selos – ou outra coisa – não fica fazendo campanha contra quem coleciona. É diferente com o ateísmo. O ateísmo prega contra a existência de Deus, portanto, é a antítese das vertentes que pregam a essência divina. Portanto, tola a sua analogia.

  4. Marco Aurélio, dizer que ateísmo é religião seria o mesmo que dizer que calvície é cor de cabelo.
    Abraço!

    Resp.: Seja mais profundo. Seus argumentos são muito superficiais. Nem dá para entrar no debate.

  5. Quer dizer que você só aceita comentários que sejam do seu agrado?? e aonde fica a liberdade de expressão? e você ainda se julga o “melhor” e o “mais” “premiado” jornalista do Maranhão? quer dizer que você pode ofender qualquer pessoal nesse teu blogzinho e ninguém tem o direito de reclamar e discordar das suas asneiras???? Pra mim tu sempre vai ser um jornalistazinho de Merda!!! To esperando a parte que você vai da de mim… estou de segunda a sexta das 07:00 as 13:30 na APM. aparece la…

    Resp.: Atenção coronel Frank Pacheco, coronel Vieira, coronel Jefferson, secretáio Aluísio Mendes!!!A responsabilidade pelo que me acontecer é de vocês. O Ministério Público, o Judiciário e a minha família já estão cientes de tudo e preparados para saber o que fazer. Vocês já foram avisados: as ameaças deste bandido de farda, antes veladas, estão cada vez mais claras. Repito: a responsabilidade é de vocês.

  6. (…)

    Reps.: vou tomar o cuidado de saber onde você é lotado na PM e tratar de evitar proximidade. Mas vou encaminhar também uma reclamação formal contra você ao comando da polícia e da Segurança Pública. Afinal, com este tipo de comportamento, você é inabilitado para estar nas ruas – absolutamente nocivo à sociedade.

  7. Que saia justa passou o taxista hein? A verdade é que estamos, ou melhor, os evangélicos, de uma forma geral, estão criando uma cultura em que se vc não for evangélico está dominado pelo Diabó; talvez até o Diabo não seja essa figura tão ruim assim (rrrrsssss….). Amor ao próximo, tolerância e solidariedade não estão unica e exclusivamente nas portas das igrejas evangélicas, mas em todo homem justo e sensato. O ateu talvez seja mais cristão que o evangélico, pois este último crê que já encontrou a salvação enquanto que o primeiro está em busca da verdade.

  8. E o teu irmãozinho que é pastor? O que será que ele acha desse post? kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Tu é um atoa e muito mais…..

    resp.: Por que não pergunta a ele mesmo? EWle pensa por ele. Eu penso por mim. simples assim.

  9. A religião é falha porque os homens são falhos!

    Com certeza a maioria dos religiosos são intolerantes até com eles mesmos, ademais com o ceticismo e o ateísmo? Inteiramente normal para seres humanos cheios de orgulho próprio e presunçosos. Porém afirmo isso com Infelicidade! Pessoas como essas da paródia e necessariamente o crente, mesmo que ficticio está perdido dentro de sua própria religião.

    Fico a frase de Jesus Cristo: “Nisso conhecerão os meus discipulos, se diverdes amor um pelos outros”. O evangelho de São João 13:35

  10. Excelente texto Marcos. Na Europa cerca de 40% dos alemães não tem religião ou são ateus.
    Deus foi criado pelo homem para explicar oque ele não entendia, o trovão, a chuva, o fogo, a morte.
    O pior da religião é a hemenêutica, cada um interpreta como quer, há dezenas de ramos protestantes que divergem por detalhes irrelevantes.
    Enquanto isso os muçulmanos radicais querem matar todos os infiéis (como você e eu!) que não crêem em Alá.
    Religião é um tema que cresce na terra fértil da ignorância.

  11. A palavra chave é sensatez, cada um sabe o que é melhor p/ si, devemos defender nosso ponto de vista de algo até onde começa o direito do outro, E ponto final. Tenho certeza que viveriamos em um mundo bem melhor. As vezes me irrito com evangélicos que querem por na cabeça da gente de que eles estão certos! Só não consigo entender em que! Mas tb não tô generalizando (p/ os mais exaltados).
    O tema do texto deveria ser ( salvar de quê?).

  12. Muito boa postagem, parabens, na verdade todos os evangelicos, deviam parar com esta bobagem de apenas olhar pro seu umbigo, chega de teoria vamos viver…

  13. Você é ateu?

    Resp.: Não! E já respondi isto um milhão de vezes aqui? Ateísmo também é Religião. E eu considero a Religião uma desimportância no mundo moderno.

  14. Parabéns Marco pela Matéria postada, o fato é que alguns evangélicos (eu disse alguns)não chegaram a entender o verdadeiro amor de Jesus, que é a tolerância, a paz,a solidariedade, mais principalmente que todos são iguais, tanto perante a lei de Deus, como também diante da lei dos Homens, a nossa própria CF/88 nos garantiu..a final, “Só quem entende a beleza do perdão pode julgar seu semelhante. (Sócrates).”
    Em suma, devemos respeitar todos independente da religião que acreditam ou não acreditam. Todas as religiões são capazes de salvar as pessoas, como também todas não são capazes….o que depende é cada um praticar o que Deus ensinou para seu Filho Jesus, para tanto quem não entende isso, deve consultar o Código Maior da Vida. A Bíblia Sagrada.

  15. O grande problema desses posts é que eles praticamente sempre são generalizando, existem igrejas que pregam a intolerância mas também existem muitas que ensinam bons valores para seus membros, ninguem é obrigado a servir a Deus ou não, isso é uma escolha que tem que vir da pessoa. Mas qualquer um tem o direito de acreditar no que quiser. Muitos evangélicos erram e erram muito, mas em sua maioria (não todos, também não vou generalizar) são pessoas de bem que você não vê por ai causando problemas, são pessoas que tem bons valores, assim como também fora das igrejas existam pessoas assim, gente errada tem em todo lugar!

    Resp.: mas quem está dizendo que são todos os evangélicos? Quer dizer que por que não são todos não podemos falar? Se falarmos vão entender que estamos generalizando??? E bobagem, essa cantilena toda vez que se fala no assunto. Já sabemos que não é geral, não preisa ficar ponderando toda vez. Não precisamos ficar cheios de dedos para tocar nun assunto. A gente faz o comentário e, onde a carapuça couber que use. Não fixco por aí patrulhando quem critica jornalistas. É patrulhamento querer se manifestar falando de generalizações toda vez que se fala de evangélicos.

Deixe uma resposta para Tiago Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *