2

PDT entre Castelo, Edivaldo e até Washington…

Castelo é a opção prioritária do PDT, mas pode não levar

Ainda envolto nas questões internas que lhe tiram o brilho histórico em São Luís, o PDT já trabalha com três hipóteses nas eleições da capital maranhense.

O apoio ao prefeito João Castelo (PSDB) é hegemônico, mas já começa a dividir espaços com a tese de aliança com o deputado federal Edivaldo Júnior (PTC) e até coligação com o PT,de Washington Oliveira.

Pelas relações históricas, Oliveira também entra no páreo

Mesmo com seu presidente nacional, Carlos Lupi, afastado do Ministério do Trabalho, o PDT mantém-se na base da presidente Dilma Rousseff (PT). E como tal, não se vê à vontade para dobradinha com tucanos no Maranhão.

Júnior: opção mais pragmática

Por isso, existe a hipótese de apoio a Washington Oliveira, ainda incipiencte nos bastidores do partido.

A articulação com Edivaldo Júnior tem fins mais pragmáticos.

O deputado, que se elegeu na coligação com o PSDB e com o PDT em 2010, tem como suplente ninguém menos que Weverton Rocha (PDT), hoje a principal figura pedetista no Maranhão.

Definida a crise interna, com a provável confirmação de Julião Amin para o comando regional, o PDT vai começar a discutir as eleições de 2012.

E o que parecia encaminhado poderá não ser tão simples assim…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Mas aí o Edivaldo Jr. não sai candidato pela tal Unidade Popular, certo?

    resp.; Por que não? Basta que os demais partidos o apoiem. mas é preciso que ele participe ativamente, não apenas por intermediários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *