18

Prefeitura em horário integral na gestão holandina…

Holanda Júnior: o foco será o trabalho

Quem espera ter uma nomeação no secretariado da futura gestão Edivaldo Holanda Júnior (PTC) com o objetivo de ter espaço para fazer política, terá que mudar o pensamento.

É desejo do prefeito eleito estabelecer o horário integral na adminsitração municipal.

Secretários de perfil eminentemente político serão raros – e apenas nas pastas que exigem exatamente este perfil do titular. E mesmo assim, mesmo as funções políticas terão qeu cumprir metas de gestão.

Holandinha quer impor um ritmo intenso de trabalho já nos primeiros meses de administração, para estabelecer a imagem do seu governo.

Aqueles que pretrendem usar o cargo para projetos pessoais e políticos – sem muito apreço ao trabalho, por exemplo – nem devem ir atrás de vaga.

E buscar outra fregeusai para fazer política…

 

Marco Aurélio D'Eça

18 Comments

  1. Quando ele foi vereador as duas vezes, foi o mais faltoso. e as vezes que comparecia, saía antes muito do horário…kkkkkkk

  2. Na verdade, o horário de trabalho em toda a Prefeitura de São Luis já é integral, no entanto, pouquíssimos órgãos cumprem. Concordo com o comentário de que meio expediente é muito pouco para se trabalhar, desde que TODOS os órgãos obedeçam ao mesmo horário, ainda que um dos horários fosse para trabalho interno, pois muitas vezes não se pode dar andamento a determinados processos pelo fato de algumas Secretarias, bem como a Controladoria Geral do Município, Procuradoria Geral do Município e CPL não funcionarem como deveriam, ou seja, em tempo integral. Esperamos que com essas mudanças os servidores, inclusive os cargos comissionados tenham mais compromisso com os horários de trabalho.

  3. Achei legal da sua parte publicar essa notícia, pois você somente o critica. Ao menos ele está disposto a trabalhar e fazer o mesmo com quem o cercará.

    Vejamos se dará o resultado esperado aos ludovicenses…

  4. Além de horário integral, deve ser cobrada, também, a produtividade dos funcionários, exercício de função por meritocracia pois, cada vez mais os gestores, sejam eles privados ou públicos, têm que mostrar desempenho. Se assim proceder – e esperamos que seja -, o prefeito estará demonstrando que sua administração poderá ser boa.

  5. O atendimento ao público em tempo integral por parte da Prefeitura de São Luís é uma excelente medida a ser adotada pela futura administração. PORÉM há que se ressaltar que qualquer acréscimo da jornada de trabalho deverá assegurar o pagamento dos adicionais fixados na legislação vigente para os servidores que se sentirem estimulados à cumprir a jornada extraordinária de trabalho. Tudo isto certamente será objeto da fiscalização – zelosa e independente – por parte das combativas entidades sindicais representativas desses trabalhadores. MAS acredito que o prefeito eleito Edvaldo Holanda Junior haverá de considerar todos estes fatores e encaminhar tais inovações da próxima administração municipal, dialogando de forma aberta, direta, transparente, democrática e constante com as entidades sindicais do funcionalismo municipal, compomisso esse assumido publicamente por ele ainda no primeiro turno. Além disso há que se considerar também a imperiosa necessidade de se conhecer o número real de servidores pagos hoje pelo Erário Público Municipal, o que pode permitir inclusive o atendimento da população em tempo integral sem a adoção do aumento da jornada dupla de trabalho para o funcionalismo. São as ponderações que tenho para o momento. Cordiais saudações. ANIBAL DA SILVA LINS – Vice Presidente da CONFEDERAÇÃO DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO BRASIL (CSPB)

  6. ESSE NEGOCIO DE PREFEITURA INTEGRAL NUNCA FUNCIONARA EM SAO LUIS.QUANTO A ESSA SUPOSTA VIAGEM DE HOLANDETE A BH ISSO JÁ MOSTA O GRAU DE RELAÇÃO QUE ESSES PSEUDOS COMUNISTAS ESTAO COMPROMETIDOS ATE O TALO COM ESSES PICARETOES EMPRESÁRIOS MINEIROS DE TRANSPORTES DE PASSAGEIROS DA CAPITAL. AGUARDEM O PRÓXIMO AUMENTO DAS PASSAGENS DE ÔNIBUS!

  7. É disso q o povo de são luis precisa, governantes comprometidos com sua funçao no poder.

  8. Agora, o maior faltoso da Câmara em Brasília, querer cobrar horário integral? Casa de ferreiro, espeto de pau! Isso é lenda! alguém duvida?

  9. Holanda Jr tem tudo pra mostrar à comunidade politica e para os formadores de opiniao que ao contrário de Collor la atrás e Arnaldo em Altamira do MA, por estar mais próximo da minha realidade, o Jovem tem capacidade de gerir com sabedoria e competência o futuro dos cidadãos, e moralizar a maquina publica. O bom gestor tem que ter personalidade, pulso firme, mas sem perder a humanidade.

  10. O PREFEITO TEM TODA RAZÃO, POLÍTICO QUANDO PEGA UMA SECRETÁRIA ENCHE DE BAJULADORES E PREGUIÇOSOS E PASSA TODO O TEMPO FAZENDO POLITICAGEM PRA SE PERPETUAR DE GESTÃO EM GESTÃO, TORNANDO O CARGO MUITO CARO PARA O MUNICÍPIO. É SÓ PERGUNTAR PRO CLODORMIR QUE É A NOSSA MAIOR AUTORIDADE NO ASSUNTO……….ADORA UM GABINETE PÚBLICO.

  11. Cara, se ele conseguir fazer isso, já vai ser um grande vencedor. Porque o que tem de secretário que usa a secretaria somente pra se promover, não tá no gibi! Então, se boato de que vereador(a) pode ganhar uma secretaria, já ta descartado, porque como pode alguém está na Câmara e na Secretaria? Com certeza, fará um “governo” medíocre, e quem se lasca com isso é o assistido. Parabéns Holanda Júnior, pela idéia.

  12. Sou totalmente a favor, pois nas empresas em geral o horário é em tempo integral, por que só na prefeitura é meio expediente? A população só tem a ganhar, e muito.

  13. Marco,
    Parece que o novo prefeito está mesmo disposto a trabalhar. Nem nos municípios pequenos é possível realizar um bom trabalho com meio expediente por dia. Quando se quer trabalhar, o tempo integral é pouco. Se colocar mesmo o horário integral, a população de São Luis só tem a ganhar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *