15

Pedro Meireles é condenado à prisão por crime eleitoral…

Citado no assassinato do jornalista Décio Sá e investigado como suspeito de envolvimento com quadrilha de agiotas, delegado federal prejudicou a investigação ao se recusar a entregar relatórios de escutas telefônicas que poderiam comprovar compra de votos do então candidato João Castelo (PSB), nas eleições de 2008.

 

http://www.gazetadailha.com.br/wp-content/uploads/2012/08/delegado.jpg

Del. Pedro Meireles: mais um problema na Justiça

exclusivoO delegado de Polícia Federal Pedro Meireles foi condenado a 3 meses de detenção na Justiça Eleitoral.

Ele foi denunciado pelo Ministério Público por ter prejudicado uma investigação de crime eleitoral, ao não entregar os relatórios de interceptações telefônicas de suspeitos de compra de votos nas eleições municipais de 2008, em São Luís.

A sentenção, assinada pelo juiz Jesus Guanaré de Souza Borges, foi dada no início de maio.

Enquadrado no Artigo 347 do Codigo Eleitoral, Meireles também vai pagar dez-dias multa, equivalente a 1/3 do salário mínimo. Ele já recorreu da sentença ao pleno do Tibunal Regional Eleitoral

O fato

Durante a campanha de 2008, a Justiça Eleitoral recebeu denúncia de que o então candidato do PSDB, João Castelo, estaria comprando votos em São Luís. Foi determinada a quebra do sigilo telefônico de vários aliados do candidato, o que ficou sob a responsabilidade do delegado Pedro Meireles.

Ocorre que ele nunca entregou os relatórios da investigação ao juiz eleitoral, apesar dos vários pedidos para que o fizesse.

– O acusado deixou de enviar, como era sua obrigação, o resultado de interceptação telefônica autorizada pelo Juizo Eleitoral, diligência esta necessária para apuração de possívbel captação ilícita de votos, descumprindo ordem judicial que determinou essa remessa reiteradas vezes, prejudicando a invetigação, posto que tal diligência referia-se ao pleito de 2008 – diz a denúncia do Ministério Público, acolhida pelo juiz.

Com a retenção dos dados dos grampos telefônicos, Meireles acabou beneficiando os acusados.

Réu Primário

Apesar de ser pequena –  e de ser pouco provável que o delegado vá mesmo cumpri-la – a condenação, assim que transitar em julgado, tira de Pedro Meireles a condição de réu primário.

O delegado foi citado nas investigações do assassinato do jornalista Décio Sá e é investigado sob suspeita de fazer parte de uma suposta quadrilha de agiotas, comandada por Gláucio Alencar, preso como mandante da morte de Décio.

Após ser denunciado pelo MP, Meireles tentou trancar a ação, alegando prescrição do crime. Também não aceitou a transação penal ofertada e se recusou a ter a pena transformada em prestação de serviços e limitação de fim de semana.

E ainda não deu notícias das escutas telefônicas – que, aliás atingiram vários aliados e ex-aliados do ex-prefeito João Castelo.

Mas esta é uma outra história…

Sem categoria

Marco Aurélio D'Eça

15 Comments

  1. Quem exerce a função que esse delegado PF exerce, tem que saber escolher as amizades e ver com quem anda. Mesmo não havendo vinculo criminoso entre os dois, não é admissível que um policial desse nivel, não tenha se dado conta da gravidade do encosto de Glaucio. De qualquer forma vacilou feio. O órgão em que trabalha não refresca. Estando confirmado o envolvimento é punição administrativa rigorosa na certa. A criminal fica a critério da Justiça. É aguardar pra ver.

  2. assim como postaram que Glaucio ia assistir formula um em sao paulo, juntamente com um certo delegado da PF, ninguem olhou por ai Glaucio andando com o matador Jonhatas souza,como capanga do empresario do mal.

  3. Esse rapaz, ja,ja estara fora da policia federal. Quem seria conivente com as praticas de um PF que se une a gangueiro como glauciete alencar,bolete,jonhatas e outros…..
    Nem quero acreditar nisso…..seria um absurdo se o que dizem eh verdade…..

  4. Tinha nesse delegado um rapaz,serio e ficava animado com as operaçoes que ele fazia,agora o vejo como um bandido ai mi pergunto em quem nos vamos confiar? Deus nos ajude.

  5. E COMO A PROPRIA NAMORADA DE PEDRO MERRECA FALOU (VOCES ESTAO TODOS ENROLADOS NESSA MORYTE DE DECIO SA). AGORA PEDRO MERRECA ESTA MESMO NA MESMA CANOA FURADA DE GLAUCIETE ALENCAR). A CASA CAIU PEDRETE….KKKKKK….

  6. Dr. Guanaré é um excente juiz,não há como contestar suas decisões . Age sempre com insenção.

  7. A Justiça está do lado da verdade, essa quadrilha precisa ser desbaratada. Ainda tem alguns integrantes que precisam levar uma ¨prensa¨ da Justiça, principalmente, aqueles que anda ameaçando prefeitos e ex-prefeitos que devem dinheiro ao Gláucio Alencar, eles deviam ter mais cuidados porque esse povo todo estão sendo monitorados pela PF e pela Polícia Civil, o serviço de inteligência está atuando e em breve teremos mais novidades.

  8. Marcos fui varias vezes com Gláucio,Pedro Meireles e outros no mandamentos da lagoa curtir a noite e Gláucio sempre falava q ir assistir formula um com Pedro em Sao Paulo ele saia na frente e ele logo depois é só comparar as viagens dos dois!!

  9. Esse delegado de m….gosta de ameaçar as pessoas aqui no Parque Shalom.

  10. Algumas pessoas podem não entender o que vem a ser uma condenação na justiça. O problema desta condenação é que o delegado sai do status de réu primário e perde algumas importantes condições a sua pessoa tanto de Delegado como de Cidadão comum. Dentro da sua instituição sua imagem fica arranhada tudo bem ele ainda pode reverter no TRE, mais olha a imagem dele fica arranhada. Principalmente por que a população via nesse delegado federal uma moral elevada e sempre estava fazendo prisões atuando e agora começa a aparecer coisas não muito boas e ainda sofre uma investigação dentro da PF e uma ação penal sobre o caso Décio Sá. Sinceramente espero que ele saia dessa situação pois o Pais poderá perder um profissional altamente especializado e que foi investido muito em sua formação, porém se comprovado desvio de conduta espero que seja aplicado a lei com o rigor que deva ser realizado.

  11. Marcos, Eu conhêço a conduta do Dr. Guanaré, com ele não tem esse negócio de “a” ou “b”; A lei sempre vai está em primeiro lugar. Pois, foi dessa maneira que ele atuou na região do vale do Pindaré, com dureza e respeito ao ordenamento jurídico.

  12. Marco,
    Apenas um detalhe: Os Prejudicados seriam o João Castelo e e a Gardeninha- a mesma que é citada nas investigações do Caso Décio, como ligada ao agiota Gláucio, que tb, que por outro lado seria ligado ao Delegado.

    Resp.: Curioso, não?!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *