59

Coisa de delinquentes e alienados…

Este blog sempre foi crítico em relação a atuação das polícias – civil e militar – e carrega mesmo nas tintas quando um policial é pego em atitude que não condiz com a sua missão social.

Mas este blog faz um elogio público à ação da polícia de vários estados, que se vê as voltas com estas tais “manifestações” sem pé-nem-cabeça, que surgiram de uma hora para outra.

Manifestações estas forjadas por espertalhões partidários e sindicais, que manipulam toda sorte de delinquentes e alienados.

Reivindicam o nada, protestam contra o nada e têm o nada como objetivo.

Um policial não é obrigado a resistir a um facínora soltando bolhas de sabão em sua cara. Nem é obrigado a ficar olhando um babaca “pseudo-comunista” fazendo estripulias em sua frente.

Reuters/Sergio Moraes  / Manifestante chuta uma bomba de gás lacrimogênio atirada pelos policiais durante o confrontoAs “manifestações” que se alastraram de uma hora para outra país a fora não têm qualquer razão de ser. As reivindicações são tolas, os objetivos obscuros e a razão inócua.

Se quisessem mesmo protestar contra as obras da Copa do Mundo, estes imbecis tiveram tempo de sobra para isso – afinal, a decisão saiu em 2007. Se tivessem feito antes, talvez até tivessem mudado o cronograma de obras e o desperdício de recursos públicos.

Mas, agora, é oportunismo barato e vagabundo, coisa de quem não tem o que fazer – geralmente manipulados por partidos da esquerda sem rumo, sindicatos e ONGs desocupadas.

Estes mesmos desocupados já se preparam para manipular estudantes alienados, delinquentes e picaretas partidários em um movimento parecido aqui em São Luís.

Reivindicarão o quê? um aumento de tarifa de ônibus que nem ocorreu em São Luís? Gastos públicos com a copa, que nem ocorre em São Luís?

Ou repetirão as mesmas frases de efeito de sempre, contra a segurança, contra grupos políticos específicos e pela educação e saúde?

Para estes, a polícia deve estar preparada. E se precisar agir, que aja com todas as usa prerrogativas legais.

Este blog não fará gracinhas para marginais, delinquentes e alienados.

Que precisam encontrar o que fazer…

 

 

Marco Aurélio D'Eça

59 Comments

  1. Que absurdo, o Brasil é um só!! a causa tbm, o preço das passagens foi o estopim para o grito que estava preso na garganta.. Se realmente tu tens sangue e consciência olha em tua volta e verás a miséria que nos cerca, uma cidade, um estado, um país miserável; a causa dos manifestos são obvias.. deprimente esse texto

  2. você que e um delinquente sem assunto só ganha dinheiro com essa mentiras absurdas contra políticos corruptos sai de trás desse bastidores e procura o que fazer por que esse serviços de vocês não se chama de jornalismo e sim de fofoqueiro.

  3. vai trabalhar joão procura o que fazer de util ao inves de promover baderna , volto a repetir cambada de vagabundo e maconhero

  4. Não costumo comentar blogs, mas o que vi aqui achei de mais. Estou até agora sem conseguir acreditar que essas palavras saíram da mente consciente de um jornalista. Concordo quando dizes que protestar contra os gastos da copa são muito atrasados e reconheço que há uma certa violencia nas manifestações. (Se bem que para o número de gente nas ruas, o estrago não é tão grande) Mas daí dizer que não tem sentido, que são imbecis, alienados… que aqui no Maranhão não se tem do que protestar, me parece pura alienação e conformismo. Então quer dizer que não é nada o que esta família fez com o estado? Não é nada o atual governo, que não tem uma ação que benecificie o povo? Não é nada as inúmeras promessas de campanha não cumpridas nem pelo governo nem pela oposição? Não é nada uma frota de ônibus totalmente sucateada? Não é nada o total abandono do centro da cidade? Não é nada a redução da maior manifestação cultural do estado ser reduzida a uns poucos dias?… Bem, se nada disso é importante e a população deve permanecer passiva enquanto lhe roubam os direitos, a dignidade, os sonhos e a esperança, então voce tem razão. Sim, porque nem esperança temos porque até mesmo as eleições futuras não apresentam saída.

    Resp.: bom, se vc comcorda com mais da metade dos argumentos do texto, como é que pode questionar sw aairan de um jorlaiata?

  5. NÃO CONCORDO COM VC JORNALISTA, O PAÍS VIVE UMA OUTRA REALIDADE, AINDA QUE TENHAM PESSOAS QUE NÃO CONSEGUE EXPRESSAR FIELMENTE O SEU PENSAMENTO. MAS É UMA REALIDADE A INSATISFAÇÃO VIVIDA PELA CLASSE MÉDIA E PELOS RICOS. VC TÁ TENDO UMA FALSA VISÃO DA REALIDADE.

  6. Caro Marco,
    Seu comentário foi certíssimo, os alienados daqui imitam os alienados de lá. Como disse Arnaldo Jabor: o brasil é um país de m…..

  7. Caro Marco Deça,
    Adorei seu comentário, realmente isso é coisa de gente alienada, que não sabe nem contra o quê estão protestando, simplesmente imitam os imbecis de outros estados. Como disse Arnaldo Jab

  8. Concordo com vc, Marco.É puro oportunismo! Tiveram tempo de sobra pra protestar contra gastos da Copa, e a corrupção nos processos de construção de estádios desde o início, e só agora souberam quanto foi gasto? – Mecompre um bode!!! País de merda!!!

  9. ridiculo mesmo! o nosso pais simplesmente está acordando do seu eterno berço esplendido! tudo isso advém do governo petista imbecil que temos… e se segurem no palacio dos leões que ai vem bomba pra cima de vcs sarneistas.. vamos tomar o poder e por nas mãos do povo! aguarde que o Gigante adormecido está acordando

  10. Marco, não podemos confundir questão social com questão policial. Isto é: movimentos sociais não podem ser confundidos com caso de polícia. Aliás, você foi um dos que conclamou esse movimento embora direcionado para o transporte público…

  11. Concordo com vc, protestar é uma coisa depedrar o patrimônio público e privado é outra.Quando manifestantes passam a agir como marginais tem que ser tratados pela polícia como tal

  12. Em relação a resposta ao comentário da “Maria Rita”, gostaria, então, de saber se o blog não adota uma linha de pensamento? Ora, muito conveniente delegar artigos já feitos a outra pessoa para não cair no campo da contradição. Além do mais, não encontrei em nenhum post menção de quem foi o seu “escriba”, de modo que se presume, justamente por ser você o titular do blog, a autoria dos mesmos. Vale ressaltar que toda informação divulgada é dotada de responsabilização por quem a profere, sendo inadmissível, num mesmo blog, post tão antagônicos.
    Resumindo, ao bom estilo do blogueiro (ou de quem o escreve, já que não sabemos a autoria), a resposta soa mais a conversa fiada…

    Resp.: Quem decide o que é inadmissível no blog sou eu, amigo. O blog é meu e faz o que quiser, opina do jeito que quiser e publica o que quiser.

  13. Quem não apoiar o movimento simplesmente vai ficar sozinho, sem lenço e sem documento. E acredito que em alguns dias teus comentários começarão a mudar de conotação, porque tu não és burro.

  14. Inicialmente, também não concordei com essas manifestações por achar que havia um fundo político (como no caso das manifestações do Bolsa Família), mas atualmente vejo que não. Em SP reina o PSDB, o RJ o PMDB e RS – PT, etc, assim não se pode considerar que há um determinado partido por trás dessas manifestações. O que realmente noto é que a população ficou cansada com a carência de infraestrutura, saúde, educação e segurança em nosso país, além da corrupção e desvio de dinheiro. Tem alguns partidos e ideologias que querem é aparecer às custas dessas manifestações!!! Temos que mudar mesmo…já não aguento ficar sustentando políticos e suas regalias enquanto que eu vivo me lascando, pagando impostos caríssimos e sem obter nenhum retorno! Chega de esmola, o Governo tem que dar é emprego e formação. Chega de políticas e ações direcionadas somente aos excluídos por etnias ou raças, opção sexual e condição financeira , enquanto que a população, em sua maioria, fica sem proteção e sem políticas – os direitos são iguais – transporte para todos, saúde pra todos, segurança para todos – deixemos de criar desigualdades! Enfim, os problemas dessas manifestações são a falta de organização e de ideais claros, mas o que importa é que quem está revoltado é quem sustenta esse país. Imagina se deixarmos de sustentar?!?! Se quiser saber a real, procure o #Anonymousbr – Já chega de políticos corruptos feito Sarneys, Calheiros, etc. que vivem nos sugando. Cadê a refinaria? Cadê a industria de Rosário? Cadê os 72 hospitais em 2010? Cadê a ponte 400 anos? Cadê a via expressa completa? Cadê a segurança? Ainda tem muitos cadês…aguardem!!!

  15. Tenho muito medo desse negócio de ser contra e a favor, até porque ninguém aqui realmente sabe o que estão querendo os grevistas, tem tanta coisa misturada que ninguém sabe ao certo pelo que estão lutando, se é pelo preços das passagens, se é contra a PEC 37, se é pelo casamento homossexual, se é para prender Lula e sua turma, se é pela legalização da maconha, ou se é por tudo isso junto e estão aproveitando a onda para virar bicho e quebrarem tudo?! Nem mesmo os “pseudos” líderes sabem, daí fica uns imbecis lutando, brigando e gritando palavras de ordem, por isso que não levam ninguém a sério, se tivessem pelo menos uma organização nisso tudo, quem sabe o efeito não seria mais contundente?! Fica os questionamentos e a proposta por centralizar as idéias e canalizar os esforços num único proposito.

  16. FICO PENSANDO QUE TODO ESSE DESCONTENTAMENTO, JUSTO, DE NÓS BRASILEIROS É PORQUE QUEM ESTÁ NO GOVERNO É O PARTIDO DOS TRABALHADORES. ESTA É UMA PROVA DE CABAL QUE O BRASILEIRO NÃO VOTA EM PARTIDO. NO MEU ENTENDIMENTO ESSA REVOLTA DA SOCIEDADE BRASILEIRA JÁ ESTAVA DEMORANDO. NÃO SEI SE AVANÇAMOS EM ALGUNS PONTOS NO SOCIAL. TODAS ESSAS MEDIDAS, IMPLANTADAS PELO LULA, DE BOLÇA FAMÍLIA, VALE GAZ, E ETC… ÑO FUNDO SÃO MEDIDAS ELEITOREIRAS.
    NOS ÚLTIMOS ANOS TODAS AS LEIS APROVADAS NO CONGRESSO E HOMOLOGADAS PELA PRESIDÊNCIA, SE FOSSEM PARA UM PLEBISCITO NÃO TERIAM 80% DE APROVAÇÃO DOS BRASILEIROS. ISSO DEMONSTRA UM AUTORITARISMO E UMA FALTA DE RESPEITO PARA COM TODA A POPULAÇÃO.
    PRECISAMOS GRITAR E REIVINDICAR NOSSOS DIREITOS CONSTITUCIONAIS. ENQUANTO GASTÃO BILHÕES PARA FAZER AS COPAS, NOSSO TRANSPORTE PÚBLICO ESTÁ NA UTI, A SAÚDE PÚBLICA ESTÁ NA UTI, O ENSINO PUBLICO DE PÉSSIMA QUALIDADE.

  17. Parabéns ao Marco pela publicação e ao Jeferson pelo comentário: “Se querem resultados praticos o momento é as eleições legitimando seus representantes junto a democracia…. ir as ruas em qualquer situação o unico resultado pratico é imagens para venda de jornais. O momento de protestar é nas urnas.”
    Seria digno uma manisfestação responsável sim, mas isso? Quantos pais de famílias são impedidos de chegarem ao seu local de trabalho ou voltarem ao seu lar a tempo de melhorarem a educação dos seus filhos? Quantos estudantes perdem aulas por não chegarem a tempo? Professores atrasados?
    Isso tudo só contribui para um país mais ridículo, que não sabe analisar seu lideres e por isso elegem qualquer boa imagem que vendem.
    Se querem protestar deveriam ir às portas dos prédios públicos como prefeitura, secretarias, ou (como tudo é culpa dos Sarneys para os que se auto-rotulam inteligentes) palácio do governo, sem ofender, sem atrapalhar ninguém, não interromper o sistema que eles dizem querer corrigir.

  18. AMANHÃ DIA 19 AS 18 HS NA ESCADARIA DA MARIA ARAGÃO, CONCENTRAÇÃO DA JUVENTUDE CATÓLICA, TRAGA A SUA PANELA E VAMOS FAZER BARULHO.
    NOS ENCONTRAREMOS NA MARIA ARAGÃO E DEPOIS SUBIREMOS PARA A PRAÇA DEODORO. PRECISAMOS REZAR ANTES DA CAMINHADA. POR FAVOR ANTECIPE SUA IDA POIS A PARTIR DA 16:30 HAVERÁ ENGARRAFAMENTO GERAL NO CENTRO DA CIDADE. NÃO DEIXE PRA ÚLTIMA HORA.

  19. Mas a questão é que em 2007 o país estava “nadando de braçada”. A economia estava ótima. Agora, temos um componente novo: uma insatisfação que estava reprimida, calada, e parece que acordou com os problemas econômicos recentes. Espero que tenhamos resultados concretos, e não só passeatas.

  20. Marco me responde só duas pergunta: tu mora no Brasil ou no Japão? Entendeu o sentido da pergunta? Se não entendeu deixa para lá, pois ja era de esperar.

  21. Pois não são só as passagens. É a frustração de não se ver representado na política, é a péssima qualidade de vida e do transporte em nossas periferias, é um Congresso cheio de personagens de opereta discutindo a cura gay e tantas outras bobagens, são leis novíssimas que são votadas e que já nascem anacrônicas, é a judicialização do estado, é a péssima imprensa — por que os protestos via de regra buscam a Rede Globo e a RBS? — que pensa que pode mudar o protesto para algo “contra a corrupção e a impunidade”, é a editora Abril e sua Veja fascista, são os bancos, são os índios assassinados, é a classe média e seus inarredáveis e incontornáveis probleminhas, é a classe C mais informada, é o mensalão na forma como foi vendido, são as polícias militares sem comando — pois os políticos ainda se cagam quando veem uma farda –, é inclusive a corrupção e a impunidade, mas é muito mais o Planalto desconectado, que vê os manifestantes como incompreensíveis mímicos e financia a mídia que sonha em matá-lo

  22. A manifestação que terá em São Luis será para invadir a prefeitura? Se for, eu estou confirmado.

  23. Eita que medo hein? TE SEGURA PALÁCIO DOS LEÕES, ESTAMOS CHEGANDO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  24. Tem que apertar os prefeitos, esses que recebem as verbas e são os maiores desviadores de recursos públicos,para; comprar mansões,apt. de alto padrão, carros, joias e roupas de luxo, viagens ao exterior e patrocínio de festas em família, casamentos, etc.

  25. Pra mim o pior delinquente é quem vende opinião com medo de morrer de fome, e escreve um absurdo desses pra proteger o ganha pão macabro que custa o sangue de muita gente neste pequeno país encravado no peito do Brasil, e que vive em uma ditadura!

  26. Tão mal informado que não sabia nem que a tarifa de ônibus aumentou SIM em São Luís, 40 centavos, ainda pretendem aumentar ainda mais o valor. Leia um pouco antes de afirmar coisas que você não tem certeza

  27. ESTÃO REIVINDICANDO E CHAMANDO ATENÇÃO PARA PEDIR UM BASTA A AUMENTOS UNILATERAIS, À FALTA DE MUITA COISA QUE É OBRIGAÇÃO DO PODER PÚBLICO! AO FATO DE TERMOS ESTADIOS DE 1° MUNDO ENQUANTO O RESTO É DE QUINTA!!!
    ACHO ÓTIMO QUE A JUVENTUDE SAIA NA RUA E PROTESTE E MOSTRE PRA CLASSE POLÍTICA QUE AS PESSOAS NÃO VÃO MAIS FINGIR QUE NADA DE RUIM ACONTECE!!!

    SÓ NÃO CONCORDO COM DEPRECIAÇÃO DO PATRIMONIO PÚBLICO QUE É DE TODOS NÓS!!!

  28. Blogueiro alienado, em que mundo tu vive? será que és esquizofrênico, ou é mesmo só aluado.
    Dizer que as manifestações são sem razão, que não há motivos para questionar as estruturas engessadas do Poder Publico Brasileiro é no minimo falta de conhecimento dos fatos ou será que você está preocupado com o futuro disso. E com o fim do que lhe sustenta.

  29. O Sargento do 6 BPM deveria era prestar mais atenção no seu batalhão que teve três policiais militares presos semana passada por extorsão e formação de quadrilha. Logo se vê que o compromisso dele não é com a instituição que faz parte, mas com a desordem e o caos.

  30. Deça, parabéns, pela primeira vez vi você escrever algo sensato! Concordo em gênero, número e grau com você!

  31. As manifestações não é somente por passe livre e tão pouco sem pé nem cabeça, veja bem caro jornalista de arque, o pais vive em um caos na violência, estupradores a solta, assassinos livres, índices de assassinatos altíssimos, saúde precária, educação marginal. Tudo está banalizados. a sociedade sustenta uma corja de políticos e sua trupe, o cidadão de bem não pode sair as ruas. O pais está um caos, ninguém da segurança ao cidadão de bem, que paga impostos absurdos pra nada, chegaaaaaaaaaaaa. Marco vc é um total desinformado. A violência esta ai, a desgraça na saúde, educação uma lastima e vc acha que o povo não tem nada com o que se revoltar? o Problema não é copa do mundo. Se existe dinheiro pra fazer estádios, que custaram bilhões, como não ter dinheiro para a educação, saúde, segurança, etc? As manifestações são pacificas, alguns canalhas que se infiltram para tentar desestabilizar o movimento e jogar a população com os que lutam por direitos coletivos e que deveriam há muito serem respeitados.

  32. Pedi pra Aline te explicar o q tá acontecendo Marco, se é q tu não sabe mesmo. Ou tu só tá fazendo uma média para teus patrões que são exatamente os principais alvos dessas críticas?…

  33. Vc tem boa parte de razão, mas é no decorrer dessas manifestações que as razões ou motivos vêm aparecendo, talvez como uma forma de justificar o nada, a ignorância de uns, e também dizer sobre a indignação de outros tantos que, derrepente, viram ali uma forma de gritar contra tudo, não importanto contra o quê especificamente, mas contra tudo aquilo que dá angustia e indignação, sejam transporte público, violência, corrupção, saúde, educação…
    É definitivamente algo novo, que mesmo iniciado por desocupados porra louca, tomou um rumo maior e à medida que cresce também se justifica. Permita parte de um texto do Josias de Souza(folha):”Algo de muito diferente sucedeu nesta segunda-feira, 17 de junho de 2013. Há uma sensanção de prefácio no ar. Falta responder: prefácio de quê? Seja o que for, algo já ficou entendido: atrasado, o brasileiro aprendeu que, com um computador e dois neurônios, qualquer pessoa pode acender o pavio de uma revolta. Ninguém depende mais de partidos, sindicatos ou entidades.”

  34. É realmente um absurdo acreditar que existem pessoas que acham que não deveríamos esta nas ruas… UU

    Meus motivos para apoiar o #VEMPRARUA

    Políticos bem pagos que não administram, não melhoram, não inovam, não cuidam.
    Obras para melhoria do transito que só faz o engarrafamento aumentar (obras não terminada espalhada na cidade).
    É muito foda andar nos ônibos lotados (paradas desprotegidas e perigosas).
    Bairros que tem água dia sim dia não e se tem.
    Escolas públicas são surradas e atrasadas…
    Os esgotos transbordam em vários bairros (fedor).
    A cidade tem potencial turístico mais não tem representantes com o mesmo objetivo.
    Quando chove tem rua que inunda, alaga, enche.
    Asfaltamento de má qualidade não dura nem semanas.
    Saúde pública só usa quem não tem escolha…

  35. Marco, esse movimento formado por marxistas desocupados de classe media paulistana, existe há mais de 8 anos e nunca conseguiu arregimentar seguidores para seus delirios ideologicos. Recentemente com o uso das redes socias e apoio de PTralhas interessados em pertubar a ordem publica contra o governo tucano em São Paulo arrebanhou um outro numero de desocupados de toda ordem que viram na “causa” um grande balada para ocupar sua ociosidade. O grande responsavavel pelo superperdimensionamento desses baderneiros são seus colegas jornalistas engajados que amam esse tipo de comportamento endeusão os baderneiros e demonização a policia manipulando a opinião publica, primeiro mostrando a verdade dos rebeldes sem causa, após incidentes com colegas de profissão passaram a pautar suas reportagens favoravelmente aos deliquentes. Esses mesmos que hoje protestam contra a copa no Brasil devem ter saido as ruas para comemorar quando foi anunciado o evento no Brasil. Se querem resultados praticos o momento é as eleições legitimando seus representantes junto a democracia…. ir as ruas em qualquer situação o unico resultado pratico é imagens para venda de jornais. O momento de protestar é nas urnas.

  36. Muito coerente sua narrativa destes acontecimentos , primeiro precisamos saber qual a reinvindicação? o que querem ? quais os líderes ? quem são a comissão de negociação ? qual o objetivo ? enfim , garanto que a maioria nem saber porque esta lá !!!!!

  37. Os protestos espalhados ao longo do Brasil e que foram iniciados em São Paulo, vai muito mais do que os 20 centavos de aumento dado pela prefeitura de São Paulo…O protesto vai contra toda essa impunidade que existe hoje no Brasil e que é alimentada por jornalistas, que de imparciais, não tem nada. Que se utilizam de espaços que deveriam ser usados para o verdadeiro jornalismo, de caráter social, que é justamente o que você não faz…Esses protestos são contra a falta de ação do estado e de toda essa corja de políticos e seus parasitas que não estão nem aí para o povo que sofre todos os dias com a falta de infraestrutura, de segurança, de educação…Pense bem srº jornalista antes de escrever essas baboseiras e reveja seus conceitos sobre alienação, pois pelo visto o alienado aqui é você…

  38. 100 mil pessoas no RJ, 65 mil em SP, 13 mil em Salvador, 20 mil em BH, 11 mil em Belém, 5 mil em Fortaleza, 15 mil em Brasilia… isso já ta longe de ser uma manifestação sem pé nem cabeça.
    Existe um conceito chamado Onda revolucionaria, que começou com a primavera Arabe e agora chegou no Brasil. Não há como segurar a insatisfação.
    Você pode querer usar das manifestações para “achar” algum motivo para criticar Flavio Dino (eu faria o mesmo, não suporto esse cara), mas simplesmente não da mais pra aguentar o estado social que vivemos no Brasil.
    Eu não estudei em escola publica, não fiz faculdade publica, não uso a saude publica, não ando de onibus e por ai vai. Pago por todos esses serviços. Colégio Particular pros meus filhos, futuramente faculdade particular (provavelmente fora do Maranhão), plano de saúde, carro, combustivel, motorista e pago os carissimos IMPOSTOS!! Mas perai, se eu pago imposto eu deveria usar os sistemas publicos, não é?? NÃO!!!!!
    A Saúde esta falida, o sistema de educação esta falido, o transporte publico caindo aos pedaços, estamos sem segurança publica…
    Então, meu caro Deça… As manifestações não são sem pé nem cabeça, as manifestações são simplesmente um grito de BASTA!!! Eu pago impostos e quero ver o meu dinheiro aplicado em melhorias para o Brasil e não em melhorias para certos politicos!!!
    Vem, cara… Junte-se a nós, vai ser divertido!! Te prometo que você vai ser outra pessoa a partir do momento que soltar esse grito de indignação da sua garganta!!! To te esperando amanhã na Benedito Leito.

  39. É isso falou tudo to com você, bando de oportunistas, vagabundos e marginais, porrada neles policia, muita porrada mesmo.

  40. Conconcordo com vc JOANA!
    o nosso país não tem segurança publica, educação os piores indices, saúde defasada e muita corrupção, e ainda esse bobo do MARCO DEÇA diz manifestação sem pé e sem cabeça. a sua capital virou um campo de guerra quem não anda armada não se defende!

  41. Ta com medo.
    Que dizer que devemos ficar calados, pois o Maranhão ta tudo ótimo.

  42. Prezado Marco,

    Pelo que percebi você esta totalmente por fora desse acontecimento, procure observar e ler antes de falar asneira.

  43. Voce é só mais um deles. Na verdade voce é quem deve deixar claro de que lado está.

  44. Post anterior: “Mas, segundo argumentam os empresários, é impossível sustentar a situação, ou seja: a passagem vai aumentar”….e agora: “Reivindicarão o quê? um aumento de tarifa de ônibus que nem ocorreu em São Luís? Gastos públicos com a copa, que nem ocorre em São Luís?”…Depois de uma parada para reflexão constata-se para onde uma manifestação em são luís poderá descambar. Ou seja, o alvo não será o La Ravardiere e sim o Palácio dos Leões. Quanto a classificação da manifestação, com todo respeito que nutro por vc deça, discordo. Na verdade, as lideranças ainda não sistematizaram as reivindicações que são várias e legítimas. Por exemplo, no Maranhão ou mais especificamente temos várias, basta que as lideranças sistematizem as reivindicações…Talvez pareça desorganizado pq não tem o quê dos movimentos políticos (número exíguo), como sua organização e bandeiras tradicionais de luta, mas pensemos por exemplo a corrupção. O principal indutor da corrupção é a investidura, só pra ficar num exemplo quase imperceptível, de funcionários sem vínculo duradouro coma instituição (sem concurso público, ou seja, os cargos comissionados, no Brasil giram em torno de 40 mil (Eua 5 mil, Europa, no máximo 10 mil). Essa relação promíscua entre o político e os pau-mandados, já provado através de pesquisas, é a principal, ao lado da impunidade, mola propulsora da corrupção…essa causa, que parece pequenês está na base, e que poderia melhorar outros serviços (segurança, saúde, educação, etc..)…Grato pelo espaço…e continuarei aqui participando e contribuindo para o seu belo trabalho…

  45. Não entendi esse seu post! Ao que me parece ele está totalmente no sentido contrário ao que você postou aqui:
    http://www.marcoaureliodeca.com.br/2013/06/17/sao-luis-se-inspira/ e aqui: http://www.marcoaureliodeca.com.br/2013/06/17/o-estopim-da-revolta-pode-estar-proximo/ …. o que foi hein, jornalista? Acordou de ovo virado? Tá variando? Ta comendo que o protesto chegue onde? Na casa da Alcione? Falando sério, o sucateamento da frota de onibus em sao luis, a falta de mobilidade urbana e a inação da Administração Pública Municipal por si são motivos suficientes para muitas manifestações, sem “estripulias”, sem “baderna” e principalmente sem vandalismo que é o que desejamos (claro que sempre surge um grupelho para vandalizar, mas aí que deve agir a PM e impedir)… portanto, não tem nada de delinquencia ou alienação… refaça seus passos…

    Resp.: o blog ten uma equipe que tem liberdade total para se manifestar. Este é o meu pensamento sobre o movimento. A de Aline é outra. E todos ae manifestam. Isto é democracia, coisa que vc dificilmente encpntrará nos blogs ditos oposicionistas…

  46. Análise/Leonardo Avritzer
    O que as manifestações no Brasil nos dizem?

    Os protestos mostram que as políticas inclusivas e participativas do governo federal chegaram a um limite

    por Fórum de Interesse Público — publicado 18/06/2013

    O Brasil foi despertado de um certo torpor antipolítico por meio de um conjunto de manifestações públicas que tomaram as ruas das principais cidades brasileiras na última semana.

    Duramente reprimidas, especialmente na cidade de São Paulo, estas manifestações foram classificadas como desordem ou baderna por um conjunto de políticos e meios de comunicação que nos lembraram a Inglaterra no século XIX ou do Brasil antes da nossa democratização recente.

    Nada de surpreendente até ai.

    No entanto, a questão que se coloca é: qual é o significado destas manifestações?

    Na minha opinião elas são um sinal de que as políticas inclusivas e participativas do governo federal chegaram a um limite e é necessário ampliá-las e estendê-las para a área de infraestrutura. O transporte público é apenas uma questão cujo impacto pode ser ou não passageiro.

    Antes de abordar esta questão, gostaria de mostrar como eu vejo os avanços na questão da inclusão e da participação nos útimos 10 anos.

    Encontro-me entre os que acreditam existir fortes avanços na inclusão social e na participação no Brasil nos últimos anos. O Bolsa Família e os aumentos do salário mínimo foram importantes na criação de um processo de mobilidade social que não devemos subestimar.

    O Brasil é um dos países onde a pobreza mais diminuiu e onde o crescimento econômico dos últimos anos teve um dos maiores impactos distributivos.

    Ao mesmo tempo, as conferências nacionais do governo Lula, continuadas pelo atual governo, envolveram quase 6 milhões de pessoas e criaram um canal real de comunicação entre a sociedade civil e o Estado.

    Mas estas políticas ou se esgotaram ou alcançaram um patamar de estabilidade desde 2010.

    A inclusão de novos grupos na assim chamada nova classe média estagnou e, com ela, um certo aumento na capacidade de consumo. Ao mesmo tempo, a inclusão de novos grupos sociais gerou fortes problemas na infraestrutura e na oferta de bens públicos criando gargalos que hoje estão sendo enfrentados pelo governo. E aí aparece uma característica do atual governo que é preciso apontar: a pouquíssima disposição para a negociação em questões econômicas e de infraestrutura.

    É possível afirmar que a previsão de qualquer fenômeno é muito difícil nas ciências sociais. Ainda asssim, é possível afirmar que estas manifestações que varreram o Brasil na última semana foram anunciadas por um conjunto de conflitos que ocorreram no país nos últimos 12 meses, a saber: as manifestações e as ações da sociedade civil contra a construção de Belo Monte; a forma antissocial como as principais obras para a Copa do Mundo estão sendo conduzidas com remoções forçadas e ao arrepio da lei em Belo Horizonte, no Rio de Janeiro entre outras cidades; a repressão de diversas manifestações da juventude nas capitais e o assassinato de indígenas na desocupação de terras pela Polícia Militar no estado do Mato Grosso do Sul.

    Estes conflitos podem ser considerados o pano de fundo que está por trás destas manifestações: a falta de uma concepção de participação da sociedade civil e dos movimentos sociais na área da infraestrutura. Vale a pena entender melhor por que a sociedade civil brasileira tem tão pouca participação nesta área.

    A participação da sociedade civil e dos movimentos sociais no Brasil foi forjada durante as lutas pela redemocratização do País. Durante este periodo, a sociedade civil brasileira reivindicou a participação em diversas políticas públicas entre as quais valeria a pena destacar a saúde e as políticas urbanas.

    Todas estas áreas se tornaram fortemente participativas como resultado das decisões tomadas durante a Asembleia Nacional Constituinte. Mas aqui caberia a pergunta: por que não houve a reinvidicação de participação na área de infraestrutura?

    A resposta é simples: porque o Brasil viveu um apagão estrutural nesta área nos anos 80 e 90.

    Apenas nos últimos anos o Brasil voltou a se investir em infraestrutura e esta é a questão que se coloca hoje: ela tem se tornado o centro das políticas tanto do governo federal quanto dos governos municipais.

    Mas, quando pensamos a concepção de construção de infraestrutura existente hoje no país, ela é completamente antissocial. Alguns exemplos podem ajudar a esclarecer a questão: a construção do canteiro de obras de Belo Monte, por uma conhecida empreitera, foi feita em padrões que lembram os anos 70 e acabaram gerando greves e manifestações.

    A maneira como certas cidades brasileiras, entre as quais vale destacar o Rio de Janeiro e Belo Horizonte, estão construíndo a infraestrutura para a Copa do Mundo nega os direitos mínimos da população consagrados pelo Estatuto das Cidades. Ou seja, o Brasil está construindo infraestrutura urbana de forma absolutamente antissocial e este é o pano de fundo das manifestações que varreram as capitais brasileiras nas últimas semanas.

    Uma vez esclarecidos todos os pressupostos acima, cabe analisar o que é o movimento do passe livre e as suas reivindicações.

    Na minha opinião, a reivindicação do passe livre é um horizonte normativo desejável, mas impossível de ser efetivado pelas prefeituras neste momento. Mas, uma vez dito isto, cabe apontar que muito há a ser feito na área de transporte público no Brasil. Nosso país adotou um pacote pós-crise de 2008 que tinha como elemento central a redução de impostos para veículos automotores. Esta política não se coordenou com nenhuma política pública na área de transporte público.

    O número de carros nas cidades brasileiras aumentou enormemente, as condições daqueles que usam o transporte público pioraram e parte do aumento de custos nesta área está ligada ao aumento do número de carros que diminuiu a velocidade do transporte público urbano.

    Portanto, há sim uma agenda para melhorar as condições e o custo do transporte público e esta agenda deve ser abraçada pelo governo federal e pelas prefeituras dos diferentes partidos.

    O Brasil mais uma vez encontra-se em uma encruzilhada sobre como ele vai se apresentar ao mundo nos proximos 12 meses nos quais as atenções estarão voltadas para o país: ele pode se apresentar como a nação que entende os seus problemas sociais e o seu pesado legado, mas está tentando resolvê-los, ou como o país que continua marcado por uma política centenária de exclusão cujo fim ainda não se encontra claro.

    Está nas mãos de Dilma Rousseff, Fernando Hadadd, Sergio Cabral entre outros definir a maneira através da qual o Brasil irá se apresentar ao mundo.

  47. Até que eu estava contra essas tais manifestações, mas a partir de ontem comecei a ver com outros olhos. Quando você diz: – “manifestações” sem pé-nem-cabeça, que surgiram de uma hora para outra. Você não está retratando o que o povo passa, e só agora antes tarde do que nunca e com a mídia focada no Brasil para poder protestar e ser visto. O povo não está reclamando pelo aumento de 5, 10, 15 centavos na passagem de ônibus, e sim pela qualidade, mobilidade, corrupção, saúde, saneamento básico, segurança e por todas as promessas que os figurões fizeram na campanha. E aí? sem-pé-nem-cabeça é querer ser simples assim.

  48. Nossa, nunca vi tanta bobagem em um texto só. Por isso que o Brasil continua desse jeito. Pq existem pessoas que apenas ficam de braços cruzados aceitando toda a corrupção e a miséria do povo, quando uma parte pequena da população é beneficiada com dinheiro público. As pessoas estão fazendo isso de forma legítima, vivemos em uma democracia . Ficar de braços cruzados vendo as coisas acontecerem é que não dá pra ficar.

  49. PARABENS pelo preciso, oportuno e abalizado comentario no post.Quem são e o que na verdade pretendem esses energumenos? Estamos sabendo que nas cercanias do SISTEMA que você faz parte, ocorreram movimentação estranha nos ultimos dias, com caracteristicas de arregimentação para manifestação popular. Você poderia levantar os fatos e nos informar se é veridico ou não.

  50. BRASIL ABAIXO DO IMPERIALISMO DA GLOBO, GLOBO É CONTA O PRÉ-SAL E CONTRA PEC 300 E A FAVOR DA PEC 37 OU PEC DA IMPUNIDADE!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *