2

Caso BR construções: Fernando Falcão não prestou contas ao TCE…

Tribunal confirma suspeita do deputado Edilázio Júnior e mostra que o prefeito Adailton Cavalcante mentiu para ajudar o Detran na contratação da empresa, ligada a doadores de campanha do governador Flávio Dino

Edilázio desconfiou do atestado do prefeito, foi atrás e comprovou a fraude montada para ajudar Flávio Dino

Edilázio desconfiou do atestado do prefeito, foi atrás e comprovou a fraude montada para ajudar Flávio Dino

O deputado Edilázio Júnior (PV) recebeu hoje a resposta do Ofício que encaminhou ao Tribunal de Contas do Estado, em busca de informações sobre algum tipo de serviço que a BR Construções prestou ao município de Fernando Falcão.

A BR é aquela empresa criada às pressas para ser contratada sem licitação pelo Detran-MA na gestão do governador Flávio Dino (PCdoB). Para justificar a contratação, o Detran apresentou uma certidão da Prefeitura de Fernando Facão, atestando que a empresa já havia trabalhado lá.

Desde o início, Edilázio Júnior desconfiou da certidão emitida pelo prefeito Adailton Cavalcante.

O ofício do TCE: nenhuma prestação da BR

O ofício do TCE: nenhuma prestação da BR

– Falei e reafirmo que essa empresa foi criada única e exclusivamente para trabalhar no Detran. E eu já desafiei aqui o diretor do Detran, doutor Nunes, o governador Flávio Dino, quer que seja, que mandem um histórico dessa BR Construções. Eu quero que me desmintam, eu quero quebrar a minha cara, eu quero que alguém me mostre onde essa BR Construções, deputado Fernando Furtado, já trabalhou na vida. Foi criada única e exclusivamente para o Detran – Edilázio Júnior, à época do escândalo.

A resposta do TCE confirmou exatamente o que o parlamentar desconfiava.

– Em resposta ao Ofício 002/2015/ (…) informo que não foram identificados processos de licitação  ou dispensa, contratos ou possíveis pagamentos de serviços prestados  pela empresa BR Construções  nos documentos enviados pelos gestores do município de Fernando Falcão – diz a resposta do TCE, assinada pelo presidente, conselheiro Jorge Pavão.

Para Edilázio Júnior, isso comprova a fraude na contratação da empresa, ligada a doadores da campanha de Flávio Dino.

Ele vai encaminhar os documentos ao Ministério Público…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Escreva uma coisa Marco pra não esquecer já mais, O finado Décio Sá afirmava que onde o Marcio Jerry coloca a planta dos pés não nasce mais capim porque ele é um enterrador de governos, ou simplesmente um coveiro. Em todos esses escândalos tem sua desarticulação politica com assuntos federativos, kkkkk, tanta besteira.kkkkkkkkk, parece coisa de jardim de infancia o nome dessa pasta, kkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *