2

Ministério Público pode pedir intervenção em Bom Jardim…

Sem risco de afastamento, mesmo foragida, Lidiane manda "beijim no ombro" para os desafetos

Sem risco de afastamento, mesmo foragida, Lidiane manda “beijim no ombro” para os desafetos

Acéfalo desde a fuga da prefeita Lidiane Rocha (PP), caçada pela polícia por desvio de cerca de R$ 15 milhões na Educação, o município de Bom Jardim vive as incertezas da falta de comando.

A vice-prefeita Malrinete Gralhada (PP) não pode assumir por que a Câmara Municipal está impedida judicialmente de abrir o processo de afastamento da prefeita. (Entenda aqui)

Mas o Ministério Público pode pedir à Justiça a intervenção no município.

Pelas regras constitucionais, um prefeito não pode se afastado município por mais de 15 dias sem justificativa plausível.

A prisão preventiva poderia ser usada como argumento, mas a fuga não.

mas tudo depende do entendimento da própria Justiça, que já determinou por três vezes o retorno de Lidiane Leite ao cargo.

E o resultado ela mesma expôs no Facebook: “o dinheiro tá sobrando”

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. uma certa desembargadora de nome famoso no Maranhão pediu 300 mil para retornar ela ao cargo!!

  2. mas parece que esse nosso TJ tem sido uma mãe pra essa moça. Mãe, pai, vô e vó? Porquê hein’?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *