2

“Beto é quem vai mandar; só estou aqui para obedecer”, disse Lidiane Leite, ao tomar posse…

Lidiane, no dia da posse: submissão a Beto Rocha

Lidiane, no dia da posse: submissão a Beto Rocha

Embora hoje separada do ex-namorado Beto Rocha, que a levou para a vida pública, a prefeita foragida de Bom Jardim, Lidiane Leite, fazia questão de mostrar absoluta dependência dele. tanto que, mesmo sem ser casada, adotou o sobrenome Rocha, em lugar do Leite, logo no início da Gestão.

Lidiane também deixou claro aos eleitores, logo no primeiro dia de mandato, que representava no cargo o ex-namorado, preso na mesma operação da qual a prefeita escapou.

– Beto é quem vai mandar, junto com você; estou aqui para obedecer – afirmou ela, no dia da posse. (Leia a íntegra aqui)

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Caro Sr. Tudo na vida tem um preço… Todos sabiam que esse casamento não daria certo, Beto, um desequilibrado e ela deslumbrada. Portanto, fica o caráter pedagógico dos fatos acontecidos, para a população aprender escolher melhor seus gestores, e não acreditar em bonzinhos que pagam uma cervejinha, uma cachacinha, que dão beijinhos e tapinhas no ombro…Pois é, mais uma vez restou comprovado que para administrar precisa ter experiencia administrativa, pública ou privada. Porém, o bom de tudo é que teremos eleições para corrigir o rumo, e escolher certo os próximos administradores e não incorrer em erros que possam atrasar mais e mais os municípios.

  2. “Tava jogando sinuca
    e uma nega maluca
    me apareceu.
    Vinha com um filho no colo
    e dizia para todos
    que o filho era meu,
    Meu senhor, toma que o filho é teu,
    Meu senhor, pega o que deus lhe deu…..””
    É Marco, agora o filho não tem pai.
    ;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *