0

Comissão de Ética da Assembleia diz não haver qualquer investigação contra Fernando Furtado…

macedo

Fábio Macedo diz que ainda não há o que vinvestigar

O presidente da Comissão de Ética da Assembleia Legislativa, deputado Fábio Macedo (PDT), divulgou nota oficial, nesta sexta-feira, 16, em que fala sobre a situação do colega Fernando Furtado (PCdoB), agora interpelado pelo Judiciário Maranhense.

O presidente da Comissão de Ética da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Fábio Macedo (PDT), esclarece que até o momento não tramita nesta comissão, nenhuma representação de quebra de decoro parlamentar ou quaisquer denúncias que possam atentar contra a ética dos deputados desta Casa – disse a nota assinada por Macedo.

Fernando Furtado foi pilhado em um áudio gravado em uma audiência no município de São João do Caru, no auql ele ataca índios e homossexuais, chama uma juiz federal de covarde e declara ter testemunhado o pagamento de propina de um deputado a um genro de desembargador.

Furtado: ataques pra tudo enquanto é lado..

Furtado: ataques pra tudo enquanto é lado..

Com relação aos ataques a indígenas e homossexuais, entidades entraram com cinco representações, no Ministério Público e na própria Assembleia. Sobre as acusações contra magistrados, o Tribunal de Justiça decidiu interpelar o parlamentar comunista.

Mas, ao que parece, nenhuma destas ações chegou ainda – em forma de documento, à Comissão de Ética da Assembleia.

Abaixo, a íntegra da nota assinada por Fábio Macedo:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

O presidente da Comissão de Ética da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Fábio Macedo (PDT), esclarece que até o momento não tramita nesta comissão, nenhuma representação de quebra de decoro parlamentar ou quaisquer denúncias que possam atentar contra a ética dos deputados desta Casa. 

Denúncias que forem remetidas à esta comissão, como determina o regimento interno da Casa, serão tomadas todas as providencias cabíveis para garantir a transparência, ética e moral do Legislativo Maranhense.

Deputado Fábio Macedo

Presidente da Comissão de Ética

Marco Aurélio D'Eça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *