0

Júnior Verde prestigia reunião com ministro dos Esportes e governador

Verde, com Valeria Macedo, Flávio Dino e Sérgio Frota

Verde, com Valeria Macedo, Flávio Dino e Sérgio Frota

O deputado estadual Júnior Verde (PRB) participou da reunião preparatória do Revezamento da Tocha Olímpica, que passará por centenas de cidades do Brasil, incluindo municípios do Maranhão, entre os meses de abril e agosto de 2016. O encontro com o governador Flávio Dino aconteceu no Palácio dos Leões e contou com a presença do ministro dos Esportes, George Hilton.

Também participaram os deputados Rigo Teles (PV), Valéria Macedo (PDT), Zé Inácio (PT), Fernando Furtado (PCdoB), Cristovam Filho (PSL), Sérgio Frota (PSDB) e Levi Pontes (SD).

A reunião preparatória é fruto de uma ação conjunta do Governo Federal e Governo do Maranhão. O objetivo foi mobilizar e engajar as cidades envolvidas no revezamento da tocha, bem como os representantes do segmento esportivo. O revezamento, no Maranhão, acontecerá nas cidades de São Luís, Imperatriz, Barreirinhas e Alcântara.

“O Maranhão se sente muito orgulhoso em receber a Tocha Olímpica e participar das Olimpíadas 2016. Nós a receberemos como um símbolo de comunhão, união e fraternidade entre os povos”, destacou Flávio Dino.

“Certamente será uma oportunidade para que as cidades maranhenses que vão receber a tocha ganhem visibilidade, e principalmente, para que sirva de incentivo aos jovens a prática de esportes”, considerou Júnior Verde.

O revezamento culminará na Abertura dos Jogos Olímpicos, no dia 5 de agosto de 2016, no estádio do Maracanã, Rio de Janeiro.

“Nós estamos liberando os municípios, mesmo aqueles que não vão receber o revezamento da tocha, para fazer as suas celebrações no mesmo dia em que a chama estiver passando, fazendo uma grande festa e um grande congraçamento”, completou o ministro dos Esportes, George Hilton.

Esta foi a segunda visita do ministro à capital maranhense.

Em fevereiro deste ano, George Hilton inaugurou a pista de atletismo da Universidade Federal do Maranhão, que contou com investimentos de R$ 6 milhões do Ministério do Esporte.

Marco Aurélio D'Eça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *