4

O asfalto sonrisal e os riscos de Edivaldo Júnior…

Imagem de ônibus afundando em via do Cohajap evidenciou um fato que o prefeito temia desde o início da parceria com Flávio Dino: todos os bônus das ações em São Luís ficam para Flávio Dino; para Edivaldo são contabilizados apenas o desgaste

 

O ônibus no Cohajap: imagem mais forte do primeiro dia do ano

O ônibus no Cohajap: imagem mais forte do primeiro dia do ano

O prefeito Edivaldo Júnior (PDT) vive um drama político que ficou fortemente evidenciado na imagem que ganhou as redes sociais e a mídia no primeiro dia do ano – a de um ônibus afundado no asfalto no bairro do Cohajap.

Ele precisa encontrar uma forma de capitalizar os benefícios das ações que vêm sendo feitas em São Luís desde que iniciou a parceria com o governo Flávio Dino (PCdoB). Por enquanto, o prefeito fica apenas com o desgaste dos serviços mal feitos – mesmo que não tenha sido obra sua – enquanto a Dino são dados os louros do trabalho na capital maranhense.

E o exemplo do ônibus afundado no asfalto do Cohajap é o mais significativo deste problema.

Embora a obra não tenha sido feita pela prefeitura, mas pela Caema, ficou para Edivaldo Júnior todo o desgaste da imagem – que sem dúvida foi forte demais para o início de 2016.

o prefeito precisa escapar à tutela de Flávio Dino e capitalizar suas ações em São Luís

O prefeito precisa escapar à tutela de Flávio Dino e capitalizar suas ações em São Luís

Os adversários do prefeito não cansaram de explorar o problema nas redes sociais. E mesmo diante das evidências de que o problema era do governo, encontrou-se uma justificativa para culpar o prefeito: afinal, cabe à prefeitura também fiscalizar as obras feitas na cidade.

E é com este dilema que Edivaldo vai ter que conviver até as eleições.

Não há dúvida de que a parceria com Flávio Dino tem sido boia para São Luís, mas a prefeitura não consegue ligar os benefícios disso à imagem do prefeito.

E o resultado é o desgaste cada vez mais crescente, exatamente no ano eleitoral.

E as chuvas ainda nem começaram…

Marco Aurélio D'Eça

4 Comments

  1. TU NÃO ENTENDES DE POLÍTICA OU ÉS UM DISSIMULADO. POIS, , O PREFEITO SÓ DESLANCHOU NA PREFERENCIA ELEITORAL , APÓS RECEBER O APOIO DO GOVERNADOR.

  2. Não é isso que se observa nas ruas e nas pesquisas… Colar nele um desgaste é exatamente seu serviço, e desde o primeiro dia que ele assumiu! Desgaste vem tendo tua candidata, que só demonstra o quanto ele está evidente quando usa desse fato de forma irresponsável ao afirmar que seria uma obra da prefeitura, tendo após a repercussão negativa, fazer malabarismo pra inventar que quis dizer que é de responsabilidade da fiscalização!!!

  3. Esse teu bla-bla-blá em favor de tua candidata não vai livrá-la da segunda taca em busca da prefeitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *