2

Deputados reagem a ataques de Jefferson Portela…

Criticado pelas declarações desastradas sobre assaltos a bancos no Maranhão, secretário de Segurança reagiu com agressividade, sem, no entanto, apresentar dados concretos de suas ações. E acabou levando mais uma

 

Andrea viu ofensa à condição de mulher

Andrea viu ofensa à condição de mulher

Os deputados Adriano Sarney (PV) e Andrea Murad reagiram hoje aos ataques do secretário de Segurança Jefferson Portela.

Criticado na semana passada por ter dito em entrevista à rádio Mirante AM que não estava preocupado com a onda de explosões de caixas eletrônicos e de assaltos a bancos no Maranhão, o secretário agrediu os parlamentares da oposição.

– Com sua língua de serpente, a deputada segue a insana trajetória que lhe foi ensinada – disse Portela, sobre Andrea, para completar: “é contemporânea de Adriano Sarney, príncipe sem reinado.”

adriano

Adriano: falta respostas a Portela

Andrea disse em seu perfil no Facebook ter se sentido agredida não só como deputada, mas como mulher e mãe de família.

– Só nos revela o quanto o secretário é despreparado para o cargo, não apenas tecnicamente como psicologicamente. Seu comportamento desequilibrado segue o mesmo ritmo de seus chefes que só usam as redes sociais para agredir os outros e criar um Maranhão virtual com dados falsos e ações midiáticas que não se sustentam enquanto a realidade nos mostra o inverso da falácia comunista – reafirmou a parlamentar do PMDB.

Adriano também respondeu ao falastrão secretário.

– Lamento a postura do Secretário de Segurança, Jefferson Portela (PCdoB), que demonstra, mais uma vez, aversão e intolerância ao contraditório. Em nenhum momento o qualifiquei com palavras de baixo calão, deboche ou ironia, fiz uma análise ponderada e necessária como membro da oposição, esse é o meu papel – afirmou.

A bancada de oposição pretende pedir uma CPI na Assembleia Legislativa para investigar a relação entre o aumento das explosões de bancos e as denúncias de acordo entre o governo Flávio Dino e as facções criminosas que dominam o Complexo de Pedrinhas.

A Assembleia reabre no dia 1º de fevereiro…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Parabéns ao posicionamento e a preocupação do deputado Adriano Sarney sobre o caos na segurança pública em nosso Estado. Esperamos que ao retornarem a Casa os demais parlamentares possam ajudá-lo na criação desta CPI, pois não aguentamos ver todos os dias nos noticiários a nível estadual e nacional falando sobre os assaltos e o aumento da violência no Maranhão. Que o governador Flávio Dino cumpra com sua promessa ao afirmar que este setor seria uma prioridade de sua gestão, pois o que assistimos é o descaso e os profissionais desestimulados no combate ao crime.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *