3

Vice de Holandinha indicará caminho do prefeito para 2018…

Disputa entre Flávio Dino e Roberto Rocha pela indicação do companheiro de chapa do pedetista é uma briga por cacife eleitoral na eleição de governador

 

Flávio Dino e Roberto Rocha; ente eles, Holandinha e o projeto de poder para 2018...

Flávio Dino e Roberto Rocha; ente eles, Holandinha e o projeto de poder para 2018…

A escolha do candidato a vice na chapa do prefeito Edivaldo Júnior (PDT) é mais uma etapa da disputa de poder entre o governador Flávio Dino (PCdoB) e o senador Roberto Rocha (PSB).

Dino tem preferência pelo petista Mário Macieira ou pelo socialista Bira do Pindaré; Rocha, por sua vez, não abre mão da indicação do filho homônimo, composição que ele próprio apelidou de “chapa Júnior & Júnior” – e que os adversários chamam de chapa “Jardim de Infância”.

Para os aliados, a definição do vice indicará também a posição do prefeito na futura disputa pelo governo estadual, em 2018; isso, claro, se ele vencer as eleições de outubro.

Aliados do prefeito têm afirmado nos bastidores já existir em curso um movimento de blindagem de Holandinha em relação à influência do governador comunista.

Leia também:

E agora grupo Sarney?!?

O projeto de 20 anos de Holandinha e Flávio Dino…

Roberto Rocha e Flávio Dino oito anos depois…

Se Edivaldo aceitar o vice indicado por Roberto Rocha estará dando a senha a aliados pedetistas – e, sobretudo, sarneysistas – de que, de fato, ele pretende resistir à tutela de Flávio Dino.

Caso o indicado seja Mário Macieira ou Bira do Pindaré, Edivaldo dirá a todos que, de fato, é Flávio Dino quem manda em seu projeto de poder – o que significaria uma espécie de”banho de água fria” na pretensão dos que o querem mais independente do governador.

A definição da chapa do candidato do PDT deve ser vista, portanto, como mais uma cartada do jogo de poder que o grupo hoje liderado pelo governador Flávio Dino protagoniza no estado.

E as consequências da decisão e refletirão em 2018…

Marco Aurélio D'Eça

3 Comments

  1. Lógico que essa escolha tem um certo peso político, mas creio que o que pesará mesmo para a escolha do vice de Edivaldo será a competência do mesmo, pois tem que ser alguém que mantenha o alto padrão de gestão do Prefeito quando o Prefeito se ausentar.

    Resp.: Então espere isso…

  2. Não entendo prq insistem em criar tantas mentiras sobre essa parceria, acho que incomoda muita gente, só pode!

  3. Edivaldo irá escolher alguém que o ajude e vamos deixar dessas amarras dizendo que é um ou outro que manda, pois a escolha de fato, ficará para Edivaldo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *