19

Para impedir derrota, Edivaldo apela para o coronelismo gospel..

Presidente da Igreja Evangélica Assembleia de Deus tenta impor o voto de cabresto aos fieis e lideranças e artistas ligados ao segmento falam até em “Celebração Profética”, espécie de reunião político-religiosa em plena véspera da eleição

 

Edivaldo e seu vice comunista, de joelhos, recebendo bênçãos de líderes pentescostais

Edivaldo e seu vice comunista, de joelhos, recebendo bênçãos de líderes pentescostais

Atrás nas pesquisas de intenção de votos, o candidato do PDT, Edivaldo Júnior, resolveu apelar para tudo em sua tentativa de reverter a virada do candidato Eduardo Braide (PMN).

E resolveu buscar apoio até no chamado coronelismo gospel.

O presidente da Igreja Evangélica Assembleia de Deus, pastor José Guimarães Coutinho, decidiu reimplantar o “voto de cabresto” na denominação – prática que havia sido abolida dos cultos evangélicos – e emitiu “Manifesto de Apoio”  à candidatura do pedetista.

– A Igreja Evangelica Asembleia de Deus em São Luís, através de sua liderança, neste segundo turno das eleições municipais para prefeito, declara seu apoio ao irmão Edivaldo Holanda Júnior e pede a todos o seus membros e congregados que votem e conquistem outros votos para conduzirmos o servo do Senhor à vitória – diz o comunicado do presidente da AD.

O voto de cabresto era uma prática antiga nos chamados “currais evangélicos”, sobretudo na Assembleia de Deus, até ser contraposto pelas novas lideranças, de perfil mais progressista e de capacidade intelectual mais avançada.

Denúncias de que pastores e líderes manipulavam os “rebanhos” em troca de benesses e empregos para si e para familiares em gabinetes políticos minaram prática, até ser abolida pela recusa das novas gerações de crentes.

A imposição do voto é retomada agora pelo pastor Coutinho, uma espécie de coronel gospel em São Luís, que está há mais de 20 anos comando da AD.

Além da “bênção” pastoral assembleiana, Edivaldo deve receber no sábado 29, um dia antes da eleição, a chamada “Celebração Profética pelo 12”, evento que vai reunir artistas e líderes evangélicos, nos mesmos moldes das reuniões antigas de compra de votos um dia antes da eleição.

E tudo isso nas barbas da leniente Justiça Eleitoral maranhense…

Veja abaixo o manifesto do pastor Coutinho:

manifsto

Marco Aurélio D'Eça

19 Comments

  1. O voto de cabresto [1] é um sistema tradicional de controle de poder político através do abuso de autoridade, compra de votos ou utilização da máquina pública. É um mecanismo muito recorrente nos rincões mais pobres do Brasil como característica do coronelismo.

    A figura do coronel era muito comum durante os anos iniciais da República, principalmente nas regiões do interior do Brasil. O coronel era um grande fazendeiro que utilizava seu poder econômico para garantir a eleição dos candidatos que apoiava. Era usado o voto de cabresto, onde o coronel obrigava e usava até mesmo de violência para que os eleitores de seu “curral eleitoral” votassem nos candidatos apoiados por ele. Como o voto era aberto, os eleitores eram pressionados e fiscalizados por capangas do coronel, para que votassem nos candidatos por ele indicados. O coronel também utilizava outros recursos para conseguir seus objetivos políticos, tais como compra de voto, votos fantasmas, troca de favores, fraudes eleitorais e violência.
    Senhor Marco Aurélio pelo visto não sabe o que é um voto de cabresto. O pastor Coutinho não está forçando ninguém a voto no prefeito Edivaldo só vez uma recomendação, não tem como saber se os membros da igreja irão votar ou não no prefeito atual. Por isso acredito que essa recomendação jamais pode ser confundido com voto de cabresto.
    Temos liberdade de votar em quem quisermos.
    Somos uma igreja quase centenária e nossos templos não são construídos com dinheiro político, mas com o dinheiro dos fiéis. Pedimos que o senhor antes de publicar seus artigos busque mais informações e respeite o pastor Coutinho que como líder não tem envergonhado a sua denominação e como cidadão tem uma conduta ilibada.

  2. Vocês estão com medo do apoio da AD kkkkkkk nós temos votos suficientes para decidir uma eleição e como uma instituição centenária com mais de 40 mil membros nessa cidade não poderia ficar alheia desse processo. O mesmo deveria fazer o Braid procurar apoio em instituição sérias a procurar a família Sarney Isso sim é uma vergonha.

  3. Edivaldo nem da assembléia de deus e da igreja Batista e tem Pastor na assembléia de Deus deseperado

  4. Cont.
    ele vai doar dinheiro para ajudar nessa obra que de início vai ser gasto 14 milhões e meio de reais fica de olho na assembléia de Deus do Pastor José guimarães cou

  5. Marco aurélio eu sou dessa igreja e estava la e tem mais de vinte pastores que ganha dinheiro da prefeitura sem nem trabalhar além do dinheiro dos fieis fica de olho na obra do templo centenário que só de início vai custar 14 milhões e tenho uma informação importante para você se o 12 ganhar ele vai doar

  6. Eu não entendo muito de religião, mas se pertencesse a essa igreja estaria morto de vergonha. Quem consegue imaginar Jesus Cristo pedindo votos para esse ou aquele candidato? A Igreja atravessa um momento difícil, já se depara com tantas acusações de falsidade, hipocrisia, e agora a Assembleia de Deus realiza um esforço supremo para comprová-las. Não deixa de ser uma pena que a Igreja sacrifique aquele que deve ser o ideal de toda religião, a saber, dar conforto espiritual aos seres humanos, e parta para uma mesquinha luta pelo poder. Totalmente lamentável.

    Resp.: É preciso deixar claro que não é a “Assembleia de Deus”, como instituição, que ten criar este curral. trata-se de uma iniciativa do pastor Coutinho, uma espécie de coronel gospel que se apossou há 20 anos do comando da igreja. Os fieis, respeitáveis e livres, não concordam come sta atitude do seu “líder”, que na verdade se comporta como “chefe”.

    • Aí é entre a Igreja e seu Pastor. Ele escreveu “a Igreja Assembleia de Deus em São Luís”. Se os fiéis não concordam é preciso que eles deixem bem claro.

  7. TEM BOAS PESSOAS EM TODAS AS RELIGIÕES, MAS AS VERSE ME DA MEDO ESSAS CEITAS RELIGIOSAS LEMBRO DE JONH JONES UM RELIGIOSO FANÁTICO QUE MANOBRAVA SEUS SEGUIDORES E LEVOU A MORTE DE MUITOS DELES

  8. O QUE VAI CUSTAR ESSE APOIO ????
    ELES NÃO QUEREM CARNAVAL E SÃO JOÃO EM SÃO LUÍS !!!!

  9. Fernando, o terreno já foi pago e nem em são Luís é, fica em Sãoo José de Ribamar. O os membros da Assembleia de Deus são livres pra votar pra quem achar melhor. Eu sou Braide 33 e vários familiares.

  10. Não nenhuma crítica tua quando a Assembleia de Deus apoiou abertamente a candidatura de Eliziane Gama. Intere$$ante…

    Resp.: Primeiro que a Assembleia de Deus nunca apoiou “abertamente”, como você diz, a deputada Eliziane Gama. Segundo, que critico esta postura nociva da Assembleia de Deus – e do coronel Coutinho – há pelo menos 20 anos.

  11. Tem jeito não, Holanda. Brincou demais com a cidade já.
    Sai fora que Eduardo Braide quer trabalhar de verdade ! É 33

  12. Deça , como evangélico fico entristecido mas não surpreendido com essa manobra da assembleia de Deus em declarar publicamente apoio a Holandinha. Não é de hoje que a assembleia vende seus pulpitos a politicos e sempre estar ao lado do poder. Foi assim com Roseana, depois Jackson, Roseana novamente e assim por diante. O pastor Coutinho declarar seu voto e pedir para suas ovelhas votarem em edvaldo não vejo problema , o que eu não concordo é ele usar a palavra de Deus para desqualificar um homem que é cristão , bom pai de familia, assim um homem apto a receber o voto de qualquer cristão. Lamento que o pastor coutinho que j´atem idade avançada se renda a esse papel de tentar manipular as pessoas já que como conhecedor da palavra de Deus sabe que não há nenhuma recomendação biblica nesse sentido , ao contrario , Deus nos deu o livre arbitrio para escolher os nossos governantes e determina que feita a escolha , independentemente de quem seja o ganhador que devemos nos sujeitar-se às autoridades governamentais, pois não há autoridade que não venha de Deus; as autoridades que existem foram por ele estabelecidas. Romanos 13-1-2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *