4

Os “imexíveis” de Edivaldo Júnior…

Em meio às especulações sobre mudanças no secretariado do prefeito pedetista, alguns nomes seguem forte para o próximo mandato, seja nas atuais pastas ou em novas funções na gestão

 

Helena Duailibe e Diogo Lima foram espécies de articuladores de bastidores na campanha de Edivaldo Júnior

Helena Duailibe e Diogo Lima foram espécies de articuladores de bastidores na campanha de Edivaldo Júnior

As especulações sobre o troca-troca na gestão do prefeito Edivaldo Júnior (PDT) começaram assim que foi confirmada a sua reeleição.

Alguns nome são dados como cartas fora do baralho, outros se apresentam como possíveis retorno e há outros que estão ainda em espécie de avaliação.

Mas há um grupo considerado imexível na gestão do prefeito.

Encabeçado pela Secretária de Saúde, Helena Duailibe, este grupo ganhou a presença do secretário de Urbanismo, Diogo Lima, do secretário de Obras, Antonio Araújo, e do procurador-geral do município, Marcos Braid.

Antonio Araújo é o responsável por dar a imagem d ação com obras à gestão de Holandinha: mais de 1,8 mil ruas asfaltadas e várias drenagens

Antonio Araújo é o responsável por dar a imagem d ação com obras à gestão de Holandinha: mais de 1,8 mil ruas asfaltadas e várias drenagens

Helena só deixa a gestão de Holandinha se quiser, já que tem prestígio pessoal e político com o prefeito e com todos os demais secretários.

Diogo Lima ganhou forte musculatura política durante a campanha e pode, inclusive, ganhar mais força na nova gestão do prefeito.

E Araújo é o homem das obras e das ações de infraestrutura, mesmo contrariando boa parte dos vereadores.

Marcos Braide garante o viés legal das ações do prefeito

Marcos Braide garante o viés legal das ações do prefeito

Mas se há os imexíveis, há também os que estão com um pé fora da prefeitura.

Neste grupo estão os titulares da Fazenda, Raimundo Rodrigues, da Cultura, Marlon Botão, e do governo Lula Fylho.

Dos três, o único que ainda pode permanecer em outro posto do governo é Lula Fylho, que, apesar da falta de traquejo político para comandar uma pasta-chave do governo, tem prestígio com o prefeito e pode ser aproveitado em outras áreas.

As mudanças a serem efetivadas por Edivaldo em janeiro estão sendo estudadas já a partid e agora.

E devem ser anunciadas ainda este ano…

Marco Aurélio D'Eça

4 Comments

  1. Rosângela Curado? KKKKKKKKKKk….Drª Helena tem trânsito livre em todas as categorias, não vejo nenhum nome melhor do que o dela..Aqui não é puxadinho de perdeores de ITZ!!

  2. Quem padesse, diante de tudo isso é a população. Mas tivemos uma boa opção. Preferiram este atual. Agora aguenta!

  3. Tu sabes dizer se o homem dos 33 milhões do ISEC vai continuar na SEMGOLPE?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *