11

Mais um custo da eleição de Holandinha: alunos de escolas municipais ficam sem merenda…

Unidades de ensino dispensaram alunos nesta sexta-feira por falta de alimento; numa delas, estava sendo servida apenas pedaços de melancia há uma semana

 

Sem merenda, crianças foram dispensas em São Luís (imagem meramente ilustrativa)

Sem merenda, crianças foram dispensas em São Luís (imagem meramente ilustrativa)

Pelo menos cinco escolas da rede municipal de ensino foram obrigadas a liberar os alunos nesta sexta-feira, 18, por falta de merenda escolar.

Cancelaram as aulas as Unidades de Ensino Básico Maria Amélia Profeta, (Coroadinho), Rubem Almeida (Bequimão), Professor João de Souza Guimarães (Sol e Mar) e o anexo da UEB Jornalista Neiva Moreira (Bequimão).

Na unidade central do Neiva Moreira foram servidos apenas pedaços de melancia durante toda a semana.

O problema se dá, segundo a própria prefeitura, por um ‘problema trabalhista entre a empresa fornecedora da merenda e as merendeiras contratadas.

De qualquer forma, é mais um custo da reeleição do prefeito Edivaldo Júnior (PDT)…

Marco Aurélio D'Eça

11 Comments

  1. quem mandou votar no homem, agora aguenta, alguma coisa boa agora so quando estiver proximo da eleiçao de 2020

  2. Hoje 21.11, por volta da 07:00 horas da manhã, um Colégio Municipal localizado no Recanto dos Vinhais, estavam descarregando uma carrada de melancia. Certamente essa é merenda escolar que o prefeito ED-H, oferece aos alunos Ludovicenses.

  3. As contas de 90% das escolas de do município de São Luís estão com as contas bloqueadas e não podem emitir cheques, por esse motivo a maioria dos monitores que atuam no programa mais educação estão a mais de três meses sem receber a bolsa de ressarcimento mensal que utilizado para transporte e alimentação, essa divida que a prefeitura de São Luis tem no CaDIM, que trata dos Conselhos Escolares,já vem se perpetuando por vários anos e só esse ano foi que a bomba explodiu, nas formações de monitores eles nem comentam sobre esse pagamento, só dizem que está sendo resolvido, mais já se passaram vários meses e nada de ser solucionado, o programa mais educação está correndo o risco de parar suas atividades, pois nem dinheiro pra comprar material as escolas não tem, se não resolverem esta situação o dinheiro do FNDE talvez não seja depositado no ano de 2017, pois as prestações de contas do município serão feitas até o final deste ano.

  4. Tem que botar Ronaldo e Bandeira pra comprar a merenda das crianças. Ai sim fica em dias com
    a população.

  5. Nao ha falta de merenda nas escolas. Certamente isso é um problemas pontual e a prefeitura ja deve estar resolvendo.

  6. Essa falha deve ter acontecido nessa escola por alguma razão. É um caso isolado, não vamos generalizar tudo. Ficaram sem aulas ontem, não é preciso aumentar o que realmente aconteceu.

  7. Caro Marco…. Na verdade a Prefeitura deixou de pagar 30 milhões para essa empresa nessa gestão…. Além de outros débitos da gestão Castelo

  8. A história não é bem essa, o problema é a falta de merenda mesmo, onde trabalho só foi servido ontem um pequeno pedaço de melancia, pois não há mais merenda para fazer, e as merendeiras ainda não receberam salário de outubro, essa empresa está com esse contrato há 14 anos e haveria uma licitação em setembro durante a campanha eleitoral, saiu no D.O.M e foi em seguida cancelada pela prefeitura sem nenhuma explicação o que se ouve falar é por falta de repasse a empresa, mas elas tb pagam menos de um salário mínimo para as funcionárias e o lanche é de baixa qualidade e é um problema que esse prefeito não tem coragem de resolver, mais 4 anos com ele e mais 4 anos que a empresa ficará e continuará pagando um salário irrisório para as profissionais trabalharem 8h por dia. Uma sugestão por que o MP não investiga esses contratos de entre a SEMED e a empresa e o MPT os contratos com a merendeiras e o porquê estas receberem tão pouco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *