4

Aluguel de imóvel ligado à cunhada de Flávio Dino repercute nacionalmente…

Diário do Poder, do jornalista Cláudio Humberto, repercutiu blog Atual 7, que mostrou, com exclusividade, o pagamento mensal de R$ 30 mil pelo governo comunista, a familiares da mulher do sub-procurador-geral Nicolao Dino

 

Flávio Dino tem se enrolado cada vez mais com os alugueis do seu governo

Ganhou o noticiário nacional nesta quarta-feira, 11, a revelação de que o governo do comunista Flávio Dino paga R$ 30 mil por um imóvel pertencente a parentes de Sandra Frota Albuquerque Dino de Castro e Costa.

Sandra Frota é mulher do sub-procurador-geral da República, Nicolao Dino de Castro e Costa, que é irmão do próprio Flávio Dino.

As informações foram dadas com exclusividade pelo blog Atual 7, em reportagem de Yuri Almeida. (Leia a íntegra aqui)

Extrato do contrato coma família da cunhada

O contrato do imóvel, que fica na Rua do Sol, nº. 191, no Centro de São Luís – e tem o pai, o tio (ambos já falecidos) e mais um primo de Sandra Dino no quadro societário – foi assinado no dia 20 de maio de 2015, sem licitação, pela Secretaria da Gestão e Previdência (Segep), à época comandada pelo atual secretario estadual de Educação, Felipe Costa Camarão

No local, funciona a Secretaria de Trabalho e Economia Solidária.

Entre 2015 e 2016, o governo Flávio Dino pagou R$ 637,6 mil pelo prédio de parentes da cunhada.

A repercussão do caso em site de repercussão nacional mostra que o governo comunista de Flávio Dino tem, definitivamente, sérios problemas com os seus alugueis no Maranhão.

E tem muito mais histórias por aí…

Marco Aurélio D'Eça

4 Comments

  1. Bom dia.
    O meu comentário não é sobre esse assunto de imóveis. Pois todos nós sabemos que de besta e direito , Flávio Dino não tem nada. Se fosse tão direito não deixaria de ser Juiz Federal para ser político. Que nada mais são que um bando de corruptos.
    O que quero levar ao conhecimento da população e dos empresários, é que tanto o Governo Estadual como Municipal , só sabem aumentar impostos e botarem as empresas na dívida ativa . Mais se esquecem de pagar seus fornecedores. Agora como o empresário vai pagar seus impostos se os Governos não pagam seus construtores e prestadores de serviços.
    Deveria ter uma Lei em vigor , obrigando o Governo Estadual e Municipal a pagar todos os fornecedores , independente de Gestão. Aí fica essa roubalheira, não fazem suas obrigações e penalizam os empresários.
    Infelizmente estamos no Brasil , cada Gestor contrai dívidas e deixam o cargo sem pagá-las.

    • Vai te fuder porra… se der um chute nos culhão de lalaudino pega nos teus beiços!!!

      Qual o valor do tem aluguel

  2. O Ministério Público do Maranhão em respeito à sua atribuição constitucional de fiscal da lei, de independência funcional e também do controle da legalidades dos atos administrativos, já deveria ter requisitado todos os processos que o governo Flávio Dino tem de aluguéis de imóveis pra fazer as suas devidas verificações do cumprimento ou não dos princípios constitucionais que norteiam toda atividade administrativa, digo: da Legalidade, da Impessoalidade, da Moralidade, da Publicidade, da Eficiência, da Economicidade etc. Isso não custa nada, eles estão inclusive aparelhados para tal, com diversas promotorias da Probidade Administrativa, GAECO etc. Se não encontrarem nenhum favorecimento, parabéns ao governo do Dr. Flávio Dino! loas pra ele! Mas se encontrarem, deveriam agir logo com todo rigor tal qual aquele promotor de justiça da Defesa da Ordem Tributária, Dr. Paulo Roberto Barbosa Ramos no Caso Sefaz. E em se confirmando que houve improbidades administrativas nestes casos que chegaram ao conhecimento da sociedade ou de outros que estão no anonimato, que seja ingressado imediatamente com as devidas Ações Civis Públicas por Ato de Improbidade administrativa de quem quer que seja, e se encerre logo esse misancene doa em quem doer, situação ou oposição. Pois, usando até as próprias palavras de Sua Excelência o governador Flávio Dino em campanha, “o Maranhão tem pressa”. E isso não pode parar o estado. O que se está aguardando??

    Se o MP continuar com a sua leniência em agir, o governador Flávio Dino num ato de grandeza e de absoluta garantia que fez tudo dentro da lei, deveria enviar logo todos os processo para análise do “parquet” maranhense. Como fez o ex-governador José Reinaldo Tavares no rumoroso Caso das Estradas Fantasmas do seu governo, que resultou inclusive em diversas condenações de pessoas implicadas naquele caso, de triste memória.

    Ficam aqui estas singelas sugestões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *