2

Holandinha mantém o maior número de secretarias do país…

Enquanto as outras capitais reduziram reduziram drasticamente o total de pastas para enfrentar a crise, São Luís mantém as 32 que o prefeito criou ao longo dos últimos quatro anos

 

Edivaldo em um de suas raras reuniões de secretários; é tanta gente que mal cabe na foto

O prefeito Edivaldo Júnior (PDT) tem o maior número de auxiliares em seu primeiro escalão dentre todos os seus colegas de capitais.

São 32 pastas na gestão do pedetista.

De acordo com levantamento do jornal o O Globo, pelo menos 14 capitais reduziram o total de secretarias para enfrentar a crise econômica. (Leia aqui)

Em Porto Alegre, por exemplo, o número caiu de 37 para apenas 15.

Com o corte nas pastas da capital gaúcha, São Luís passa a ser a capital com o maior número de secretarias do país.

O número também é o maior da história da própria prefeitura.

O pior é que boa parte destas pastas mantidas por Edivaldo Júnior para abrigar aliados políticos são inutilidades administrativas, que servem apenas para onerar os cofres públicos. (Saiba mais aqui)

E não há sinais de que o prefeito pretenda diminuir esta excrescência…

Abaixo, o quadro de O Globo com as secretarias por capitais:

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Tanta gente: semelhante à época da deusa…

    Fé em deusa «Coração Valente» [rsssss]:

    SANTA FEMININA. Eis:

    Os petistas seguem uma religião de fé e dogma. Acreditam em deusa: a divindade brega deles cujo nome é a «Coração Valente©» de João Santana [santa criada pelo bilionário — virgem que jamais cometeu nenhum desvio. O bilionário Santana agora está preso pelo MORO. Moro esse que a religião ensina que é uma intidade do Mal… rsss] era uma deusa gorda.

    Tem variados dogmas que aprendem em blogs de fé (uma espécie de “igrejinha”) e repetem ad infinitum: «fascista»; «foi golpe»; «20 milhões da pobreza»; «Estados Unidos, o Império»; «sem crime de responsabilidade»; «Pronatec»; «é gópi, é gópi, é gópi»; «casa grande e senzala»; «mídia hegemônica» [uma espécie de demoninho ou capetinha muito, mas muito perigoso para a religião]; «PiG»; «mídia velha”; «fora temer» [mantra cantado]; esse dogma aqui DE TODOS é dos melhores: «LUZ para todos» [rssss] etc. etc. etc. etc. etc.

  2. Desde que tomou posse, Edivaldo determinou a redução imediata em contratos de aluguel de veículos e prédios, além de diminuição nos gastos com contas de água, de energia elétrica e contas de celular. Fez a fusão de secretarias e outras medidas de controle de gastos, completando o quadro de austeridade e controle que foi reforçado na Prefeitura de São Luís. Ele é um gestor extremamente responsável, isso ninguém pode negar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *