2

Livro compara comunismo à vida dos Smurfs…

Texto utilizado pelas escolas uruguaias gera polêmica ao afirmar que neste tipo de regime ninguém passa fome; assunto será debatido pelo governo uruguaio

 

Smurfs na forma original que deu origem ao desenho animado: tudo pertencia a todos, inclusive a Smurfet…

Um livro utilizado em algumas escolas particulares uruguaias gerou críticas por recorrer à aldeia dos Smurfs para explicar o sistema comunista.

Na sociedade comunista, assim como na aldeia dos Smurfs, “ninguém passa fome” e “todos têm casas”, aponta o texto Uy-XX, da editora Índice, concebido para alunos do sexto ano do ensino fundamental.

– Todos têm obrigações com a comunidade, por exemplo, se encarregam daquilo que sabem fazer. O Smurf cozinheiro cozinhará, o Smurf carpinteiro consertará o que quebrar, e assim cada um da comunidade oferece seu trabalho e recebe o trabalho dos demais. O comunismo poderia ser uma situação similar – afirma o texto.

Papai Smurf e Karl Marx: na ideia comunista, Gargamel representa o capitaismo

Não é a primeira vez que a vida dos duendes azuis, criados em 1981, é apontada como adequada ao sistema socialista. Para Véronique Culliford, filha do criador dos Smurfs, a tese é uma “grande besteira”.

– Nunca tivemos nada a ver com o Partido Comunista – afirmou ela. (Leia mais aqui)

De uma forma ou de outra, o assunto está mobilizando o sistema educacional do Uruguai…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Prezado jornalista, esse assunto sempre gera muitas dúvidas… socialismo, anarquismo, comunismo, capitalismo, etc. Como fonte de conhecimento, sugiro que seus leitores assistam ao vídeo:

  2. A única coisa que o comunismo tem de smurf é o malvado Estado gargamel querendo pegar o cidadão a todo momento com seus altos impostos para sustentar a elite burocrática do Gigante Estado Socialista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *