4

Governo Flávio Dino é, no máximo, igual aos outros… No máximo!

Eleito com a promessa de que seria diferente do que se tinha no Maranhão, o governador comunista faz tudo igual ao que já havia sido feito, com a diferença negativa de ter menos a apresentar após dois anos de mandato

 

Flávio Dino: apenas igual a todos os outros

O governador comunista Flávio Dino elegeu-se com o discurso de que seria diferente do que havia no Maranhão.

Em seu gogó, seria ele mais honesto, mais competente e mais moderno.

Não é nenhuma coisa nem outra.

Dois anos após assumir o governo, Flávio Dino faz tudo igual a todos.

Os mesmos métodos, as mesmas práticas e até os mesmos aliados. (Veja aqui e aqui)

Os aviões que ele criticava como gasto supérfluo, agora gasta três vezes mais. (Relembre aqui, aqui e aqui)

O aparelhamento do estado com aliados políticos e parentes – que ele chamava de moralidade – agora faz quase que diariamente. (Releia aqui e aqui)

Compra de produtos e serviços com preços acima do mercado, que ele via como corrupção, agora virou a tônica de suas licitações. (Releia aqui)

E pra finalizar, Flávio Dino também gasta, por dia, com agência de publicidade, o que se gastava por semestre no governo anterior. (Leia aqui)

Flávio Dino é apenas igual a todos os outros, no máximo.

Com a diferença de que tem menos a mostrar em seus dois anos de governo que qualquer outro antes dele.

É simples assim…

Marco Aurélio D'Eça

4 Comments

  1. Um burro que pensa que é inteligente, arrogante, sem grandes experiências de vida. Cercado de muita gente incompetente, que está massacrando também a classe dos servidores, até redução criminosa de salários eles fizeram. Pobre Maranhão!!

  2. O governador deu muito poder a quem chegou aos 40 anos sem realizar grandes coisas na vida.
    Na verdade, gente que pôs a perder outras empreitadas por aí.
    Até hoje, o governo vive de pequenos êxitos. Tem o mérito de romper com o patrimonialismo reinante na província.
    Eu voto de novo, mas lamentando muito a configuração pouco resolutiva do governo.

  3. Flávio DIno é muito inteligente, mas se cercou de secretários muito despreparados , inexperientes e dogmáticos. Junto a isso pegou de cara uma crise econômica brutal (embora tenha defendido DILMA ROUSSEF, que não lhe apoiou para governador, tendo tentado inclusive um golpe dentro do Impechment com Waldir Maranhão como agente). Não adianta o melhor general sem bons soldados. Pior , ele se recusa a demitir alguns incompetentes ou pilantras que lhe assessoram.
    Vai arriscar seu futuro político pois serão 4 anos de mais do mesmo, embora com 90% menos corrupção que antes.
    Mas o problema do Maranhão não é esse, com 60% de analfabetos funcionais é impossível isso aqui dar certo algum dia.

  4. INFELIZMENTE É VERDADE. É A SEGUNDA VEZ QUE O MARANHÃO TEM UMA OPORTUNIDADE DE FAZER UMA VIRADA MORAL NA ADMINISTRAÇÃO DO ESTADO E NÃO FAZ.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *