2

O velho jornalismo; o novo jornalismo…

Prisão de blogueiros sob acusação de extorsão abriu novo debate entre jornalistas atrelados às velhas redações e os adeptos das novas tecnologias – que tiraram a prerrogativa da notícia dos velhos grupos políticos e econômicos; jornalista aponta quem deve vencer esta briga

 

Linhares Jr.*

Alguns frustrados da imprensa tradicional lamentam que nem todos os blogueiros maranhenses estejam na lista da Polícia Federal divulgada ontem na Operação Turing.

Outros, invejosos de espírito pobre, choram por não terem saciada sua pequenez.

Procuraram nomes de forma ensandecida, como se em busca de um troféu. Como se a implosão de todos o blogueiros representasse algum tipo de redenção social.

E nós bem sabemos que a história não é essa.

Aos que se deixaram seduzir, eu apenas lamento. Lamento e espero que tenham seus crimes, desde que comprovados, punidos exemplarmente.

No entanto…

Esse episódio não irá frear a decadência de quem parou no tempo.

Esse episódio não irá melhorar em nada a vidinha profissional ordinária que a incompetência e a acomodação trouxeram aos párias.

A prisão de alguns blogueiros não irá servir de desfibrilador para a velharia.

Milhares de operações podem voltar a acontecer e o jornalismo não será mais exclusividade dos grandes conglomerados. NUNCA MAIS.

VOCÊS IRÃO PERECER. E seus acólitos que vivem de suas migalhas irão junto.

O sucesso do jornalismo alternativo incomoda, isso é fato consumado.

Não apenas aos grandes meios de comunicação, também a profissionais que passaram décadas no obscurantismo e que agora têm seu lugar ainda mais enfiado nas profundezas do anonimato e do desapontamento.

Deve ser muito difícil ver jovens conseguindo em poucos anos destaque que os ressentidos não tiveram em décadas.

Para cada um que tombar, seja por incompetência ou corrupção, milhares de outros dispostos a fazer o bom jornalismo independente irão se levantar.

Esse episódio lamentável não é uma máquina do tempo que irá nos fazer voltar o período em que a notícia era monopólio de poucos.

Sejamos firmes seguindo em frente.

Contra aqueles que fazem mau uso do ofício e contra aqueles que pretendem destruí-lo.

NÓS IREMOS VENCER VOCÊS!

Viva o jornalismo alternativo!

*Jornalista do Jornal Pequeno e editor dos blogs O Informante e Blog do Linhares

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. O perigo é em nome da defesa do novo jornalismo terminar defendendo a velha bandidagem.

  2. Na verdade, esta quadrilha de blogueiros trabalha contra o governo Dino e a favor oligarquia Sarney. Simples assim…

    Resp.; E a quadrilha que trabalha para Dino é formada por quem? Você sabe…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *