2

A pedido de Eliziane, ministro debate políticas para combate a drogas…

Está prevista para ser realizada nesta terça-feira, 20, audiência pública na Câmara dos Deputados para debater políticas públicas para o enfrentamento ao consumo de drogas entre jovens no país.

O evento é fruto de um requerimento apresentado pela deputada Eliziane Gama (PPS), que coordena comissão externa que discute o tema na Casa.

A audiência contará com a participação do ministro de Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra. O ministro deve falar sobre o fortalecimento das políticas públicas sobre drogas e as ações desenvolvidas no Brasil nessa área.

– A comissão quer ouvir todos que estão contribuindo com o debate sobre drogas no país e o ministro Osmar Terra é uma dessas pessoas, principalmente por ser autor de projeto que tramita no Congresso – destacou a autora do requerimento.

Eliziane Gama adiantou ainda que os membros da comissão devem discutir ainda com o ministro projeto que tramita no Congresso e prevê aumento da pena para tráfico e internação compulsória de dependentes químicos.

Eliziane Gama já percorreu dezenas de municípios no seu estado, o Maranhão. Também já realizou diligências na capital paulista, onde foi conhecer projetos para a recuperação de dependentes.

As ações da Comissão Externa sobre o Consumo de Drogas entre Jovens contam com o apoio de diversas instituições como o Tribunal de Justiça do Maranhão, Ministério Público do Maranhão e Polícia Rodoviária Federal.

O evento será realizado no plenário 16 da Câmara, a partir das 14h30…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. DROGA É UMA DROGA. O DIA QUE A HUMANIDADE SE LIBERTAR DESSE MAL QUE ATRASA A VIDA DAS PESSOAS. O HOMEM VIVERÁ MELHOR.

  2. Droga mata e contribui com o infortúnio de várias famílias. A droga é irmã siamesa da prostituição e da marginalidade, onde tem uma coisa tem outra. Em São Luís após a entrada do Craque, explodiu a violência e todos os males advindos desse inimigo dos bons costumes e da civilidade. Já era hora dos legisladores brasileiro enfrentarem esse mal que aflige o povo brasileiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *