4

Enterrador de carreiras…

Governador Flávio Dino parece especializado no abraço mortal em políticos que estão em ascensão – e acabam perdendo importância a partir da vinculação a ele

 

Flávio Dino abraça um ressentido Luis Fernando, que hoje paga um preço alto pela mudança

A partir do eclipse político do prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva (PSDB), é possível analisar como o governador Flávio Dino tem a capacidade de enterrar certas lideranças políticas, apagar a chama da ascensão dessas figuras.

Luis Fernando seria o principal adversário do comunista em 2014, mas sucumbiu à insegurança e desistiu da disputa, alinhando-se ao próprio Dino.

Mas ele é só um exemplo do “abraço mortal”, desde que o governador entrou na vida política.

Tadeu Palácio foi o primeiro a sentir o abraço, ainda em 2008; decepcionou-se em 2012

O primeiro a sucumbir a partir da aliança com Flávio Dino foi o ex-prefeito Tadeu Palácio (PDT). Mesmo contra os argumentos de pedetistas, Palácio preferiu apoiar Flávio Dino a Castelo em 2008, perdendo a eleição.

Em 2012, esperava a retribuição comunista, mas foi surpreendido com a invenção da candidatura de Edivaldo Júnior (então no PTC).

Com Eliziane a relação é de idas e vindas; a imagem mostra tantos outros “abraçados” por Dino

A partir de Tadeu Palácio seguiram-se outros nomes, como José Reinaldo Tavares (PSB), Neto Evangelista (PSDB), Carlos Brandão (PSDB), e o principal deles, Eliziane Gama (PPS), que trocou futuro promissor por uma carreira em declive acentuado pela incapacidade de se afastar do governador.

São figuras políticas com brilho próprio que se deixaram a pagar diante do projeto pessoal do comunista.

Que só dá luz para si e para os seus…

Da coluna Estado Maior, de O EstadoMaranhão

Marco Aurélio D'Eça

4 Comments

  1. “Picolé de Chuchu” era uma outra farsa do Maranhão. Teve muita sorte da maioria dos ribamarenses só agora fazerem a leitura correta da sua pessoa. Do jeito que caminha a sua administração, na próxima eleição as forças já estarão equilibradas, e aí será outros quinhentos.

  2. Concordo 100% com que esta escrito e gostaria de acrescenta …. Assim como Dino apaga os politico promissores que se aliam a ele tbm fazer crescer e muito o brilho dos políticos promissores que se opõem a dino, exemplo Eduardo braide e Wellington do curso, maura Jorge e outro…. Vale apena tbm vê o outro lado

  3. Só li verdades nesse post D’Eça. Não vamos esquecer da importância do afastamento de Braide do governador ano passado. E veja que figura promissora é o nobre deputado. Eliziane precisa ler esse post.

  4. Resenha política fraquíssima. Jornal Estado do Maranhão quem te viu quem te vê.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *