0

Hildo Rocha critica adiamento para 2020 do fim das coligações…

Hildo Rocha criticou ação dos partidos para empurrar reforma

Membro da comissão mista da reforma política, o deputado federal Hildo Rocha (PMDB) fez duras críticas aos colegas de parlamento que votaram pelo adiamento do fim das coligações. De acordo com o deputado, a forma como a votação foi conduzida impediu a participação da população nos debates.

– Lamentavelmente, na calada da noite mudam uma decisão que já havia sido amplamente debatida e aprovada na comissão especial da PEC 282 – argumentou o parlamentar.

De acordo com Hildo Rocha, o congresso não está realizando reforma política e sim uma farsa pois não reflete a vontade da população. O parlamentar disse que a sessão que sacramentou adiamento do fim das coligações para 2020 é o resultado de um acordo feito ao arrepio da vontade popular.

– O correto seria cumprir o prazo de cinco sessões, conforme estabelece o regimento da Câmara, para permitir que a população pudesse opinar, por meio dos seus representantes – declarou o parlamentar.

A sessão de votação da reforma: adiamento para 200 de alguns pontos cruciais da política

Como forma de reparar o que considera um equívoco, Rocha propôs o cancelamento da sessão.

– Acho que a votação do segundo turno deveria ter sido agendada para a próxima semana, pois o que aconteceu hoje é um desrespeito porque se atropelou o regimento. A população quer o fim das coligações já a partir das eleições de 2018 – enfatizou.

Marco Aurélio D'Eça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *