1

Sebastião Madeira: “aqueles que não seguirem o projeto terão que deixar o PSDB”…

Posição do ex-prefeito impõe uma tomada de posição por parte de tucanos como Carlos Brandão, Pinto Itamaraty, Luis Fernando Silva, Neto Evangelista e Sérgio Frota

 

À VONTADE. Sebastião Madeira tem se mostrado muito feliz com a entrada de Roberto Rocha no PSDB e quer o partido unido

O ex-prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, mandou um duro recado aos membros do PSDB que não se alinham ao projeto de poder da legenda no Maranhão.

– Aqueles que não seguirem o projeto do partido terão que deixar o PSDB – afirmou Madeira, principal articulador da entrada do senador Roberto Rocha na legenda.

O recado atinge diretamente o vice-governador Carlos Brandão, o prefeito de Ribamar Luis Fernando Silva, os deputados estaduais Neto Evangelista e Sérgio Frota e o suplente de senador Pinto Itamaraty.

ATRELAMENTO. Luis Fernando entrou no PSDB a convite de Madeira e com anuência de Dino; mas deve sair pela vinculação ao comunista

Esses tucanos têm até abril de 2018 para buscar novos rumos partidários, mas Madeira quer que essa saída seja feita de imediato, até para preparar o partido para as eleições.

Filiado na última quarta-feira, 4, o senador Roberto Rocha será o candidato do PSDB a governador.

Alguns membros do partido mais inseguros quanto à própria – como o prefeito Luis Fernando e o deputado Sérgio Frota – chegaram a procurar Madeira e Rocha para tentar ficar, mesmo vinculados ao governo Flávio Dino (PCdoB),

Brandão, por outro lado, deve mesmo sair, sobretudo após manifestação de interesse do governador de tê-lo novamente como companheiro de chapa. Com o vice deve sair também Neto Evangelista.

A partir da definição dos insatisfeitos, Sebastião Madeira e Roberto Rocha irão em busca de novos filiados para a disputa eleitoral de 2018.

Marco Aurélio D'Eça

One Comment

  1. Se Madeira botar pra fora do Partido Brandao, Pinto e Neto Evangelista e esse Marcos Calda aí o PSDB vai ficar de primeira ,. Saindo esses traidores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *