1

De como Flávio Dino submete e manipula o PT maranhense…

Demissão do petista Márcio Jardim da Secretaria de Esportes mostra que o governador comunista fará o que quiser com o partido no Maranhão; e ainda será ovacionado pela direção submissa da legenda

 

SÓ ENTRE AMIGOS. Os petistas encastelados no governo são apenas amigos pessoais do governador, incluindo o submisso presidente regional

Em meio ao debate sobre a formação de chapa para as eleições de 2018 – na qual o PT maranhense quer participação privilegiada – a demissão de Márcio Jardim da Secretaria de Esportes mostra que os petistas  só terão no governo do PCdoB o espaço que o próprio governador comunista quiser.

E pode ser qualquer um, que a direção do PT maranhense, absolutamente submissa, aceitará de bom grado.

Mesmo tendo o maior tempo de propaganda eleitoral dentre todos os partidos aliados de Flávio Dino, o PT não consegue se impor como agremiação e se contenta com postos de pouca expressão.

Pior: são cargos destinados apenas a amigos do próprio comunista, sem qualquer influência partidária.

DEMISSÃO ANUNCIADA. Márcio Jardim tentou colar em Lula, mas não adiantou: seu cargo havia sido negociado pelo menos dois meses antes do anúncio oficial

Na demissão de Márcio Jardim, Dino usou o PT para atrair o PP.

Se quiser, pode usar também Chico Gonçalves, Teresinha Fernandes e qualquer outro petista encastelado no governo.

E ainda assim, os petistas estarão lá, gritando “salve Dino!”, em qualquer situação.

Porque é esta a natureza do PT maranhense…

Marco Aurélio D'Eça

One Comment

  1. E assim caminha esse governo: rumo ao ABISMO.
    Fale da EXPOEMA que não passou de um FIASCO.
    KKKKK

Deixe uma resposta para Jacimary Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *