2

Afinal, o que fazia Gastão Vieira em um helicóptero do governo?!?

Ex-ministro não tem cargos na esfera pública federal, municipal, ou estadual; sua presença em Anapurus foi, portanto, meramente político-eleitoral, o que leva a mais um crime de improbidade administrativa na conta de Flávio Dino

 

Gastão Vieira e Flávio Dino: o que faziam em Anapurus senão campanha pura e simples?

Passada a repercussão política da presença do ex-ministro Gastão Vieira (Pros), de carona, em helicóptero do governo Flávio Dino (PCdoB) que esteve ontem, 13, em Anapurus, fica uma pergunta: o que diabos fazia Gastão na cidade, ao lado de Dino?

O ex-ministro não exerce nenhum tipo de cargo na esfera municipal, estadual ou federal. Sua presença ali era de um mero carona. Uma presença político-eleitoral.

Improbidade administrativa, portanto.

O crime de Flávio Dino – mais um dentre vários nestes três anos de governo – é reforçado ainda mais por uma mensagem do próprio Gastão Vieira, ainda na quinta-feira, 9, quando anunciou que iria iniciar, dali a um dia, uma série de viagens para tratar de sua campanha eleitoral de 2018. (Releia aqui)

Se Gastão não exerce função pública e estava em Anapurus no helicóptero do governo, foi para fazer política; foi para tratar de eleição.

E se Dino usou dinheiro público para favorecer o aliado, então cometeu também crime eleitoral.

É simples assim…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Desespero quer recuperar uma boquinha
    So se elege carregado por alguem como Sarney ja estar com a Garupa cansada de carrega-lo esta a procura de um cavalo novo sempre foi assim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *