1

Flávio Dino aposta no PT “pelo beiço” em seu palanque…

Governador comunista quer manter o atual vice e já definiu seus dois candidatos a senador, acreditando que o partido de Lula será obrigado a segui-lo em qualquer circunstância

 

ATRELADOS. Flávio Dino acha que só Chico Gonçalves, Teresinha, Lobato e Lawrence resolvem a questão no PT

No mesmo dia em que lideranças da corrente Construindo um Novo Brasil (CNB) defendeu lançamento de candidatura própria do PT no Maranhão, o governador Flávio Dino (PCdoB) praticamente definiu a sua chapa à reeleição.

E praticamente fechou as portas para os petistas.

O comunista quer no mesmo posto o atual vice, Carlos Brandão (agora no PRB); e já escolheu o deputado Weverton Rocha (PDT) para uma das vagas de senador – a outra, deve escolher entre os também deputados José Reinaldo (PSB), Waldir Maranhão (Avante) e Eliziane Gama (PPS).

CANDIDATO. Raimundo Monteiro é o nome da corrente CNB para a disputa pelo Governo do Estado

Flávio Dino fecha as portas para o PT porque entende que os petistas atrelados ao seu governo – o presidente Augusto Lobato, o secretário Chico Gonçalves e outros do segundo escalão – serão suficientes para levar o partido “pelo beiço” ao seu palanque.

Dino também aposta que sua relação com o ex-presidente Lula garantirá a adesão pura e simples do PT, sem cargos, sem espaços na chapa e sem perspectiva eleitoral para seus candidatos proporcionais.

Caberá, agora, à mesma corrente CNB mostrar ao comunista que estão falando sério quando falam de candidatura própria.

Até agora, ainda não convenceram…

Marco Aurélio D'Eça

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *