1

Roberto Costa e João Alberto conseguem curso de Medicina para Bacabal…

Deputado e senador lutaram por cinco anos até conseguir viabilizar o projeto no Ministério da Educação, mesmo diante do descaso da prefeitura

 

Deputado Roberto Costa com o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, em uma audiência para garantir o curso de medicina para Bacabal.

Após cinco anos de luta do deputado estadual Roberto Costa e do senador João Alberto (ambos do MDB), o curso de medicina é aprovado em Bacabal. A publicação saiu no Diário Oficial da União, nesta sexta-feira (9), por meio da Portaria nº 152.

O parlamentar fez diversas cobranças à Prefeitura para que apresentasse recursos visando garantir a instalação do curso, visto que avaliação feita pelo Ministério da Educação, através da Secretaria de Regulação e Supervisão de Educação Superior do Ministério da Educação, havia reprovado a cidade para receber o Curso por falta de estrutura.

O deputado Roberto Costa lembrou que desde 2013, vem lutando para implantação do curso de medicina, onde se reuniu, na época com ministro da Educação, Aluízio Mercadante, que autorizou o curso no município.

Porém, mesmo com a aprovação, a Prefeitura de Bacabal deveria se manifestar para que a instalação se efetivasse. Como não houve a manifestação, por falta de preenchimento de formulário no site do Ministério da Educação, todo o processo acabou sendo arquivado.

Diante desta situação, o deputado Roberto Costa e o senador João Alberto não desistiram e continuaram lutando incansavelmente, buscando uma nova aprovação.

Em uma audiência realizada em Brasília, com o presidente Michel Temer, e o ministro da Casa Civil Eliseu Padilha, o parlamentar teve a garantia de uma nova aprovação do curso para Bacabal.

Depois disso, uma nova visita foi realizada pela Comissão do Ministério da Educação em Bacabal constatando, que o município não tinha estrutura para receber o curso, os postos de saúde não funcionavam adequadamente, não tinham médicos, falta de medicação, os salários dos funcionários atrasados e o Hospital Municipal não teria condição de fazer uma cirurgia.

Deputado Roberto Costa com o senador João Alberto, reitora da Ufma, Nair Portela e ministro da educação Aloizio Mercadante. Aqui, começou a luta pelo curso de medicina para Bacaubal.

Após tomar conhecimento, o deputado usou a tribuna da Assembleia e exigiu que a Prefeitura apresentasse recursos visando garantir a instalação do curso, visto que a avaliação que o Ministério da Educação fez, através da Secretaria de Regulação e Supervisão de Educação Superior do Ministério da Educação, reprovou a cidade para receber o Curso de Medicina, por falta de estrutura.

O deputado Roberto Costa conta sobre a felicidade desta autorização do curso de medicina, após toda essa luta.

“A luta é nossa e do povo de Bacabal, após várias audiências junto com senador João Alberto ao Governo Federal, conquistamos essa aprovação. Há mais de cinco anos, nós conseguimos colocar Bacabal dentro da relação para ser agraciada com direito a instalação do curso de Medicina. É uma alegria e uma satisfação, saber que os estudantes de Bacabal terão a oportunidade de fazer o curso de medicina na sua cidade, oportunidade, também, para toda a Região do Médio Mearim. Hoje, coroamos essa vitória com a nossa população”, destacou.

Marco Aurélio D'Eça

One Comment

  1. Só faltou deixar claro na matéria que no documento do Diário Oficial da União é dito que a liberação do curso é para instituições privadas, ou seja, faculdade particular!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *