1

CNJ manda arquivar denúncia de Flávio Dino contra juíza que o condenou…

Corregedor-Geral nacional de Justiça ministro João Otávio de Noronha considerou não haver qualquer prova – ainda que mínima – de falta funcional de Anelise Nogueira Reginato, responsável pela inelegibilidade do comunista

 

CNJ considerou correta a atuação da juíza Anelise no processo que condenou Flávio Dino e o tornou inelegível

O governador Flávio Dino levou mais uma paulada, ontem, em suas tentativas de impor seu autoritarismo sobre todos que o contrariem.

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) determinou o arquivamento da denúncia que o PCdoB fez contra a juíza da 8ª Zona Eleitoral de Coroatá, Anelise Nogueira Reginato.

A magistrada foi a responsável pela condenação de Flávio Dino, que está inelegível por oito anos e concorre sub judice à reeleição. (Relembre aqui)

Flávio Dino e o PCdoB tentaram intimidar Anelise Nogueira acusando-a de parcialidade e de ser “ligada ao seu grupo político adversário”.

Para o ministro João Otávio de Noronha o comunista mostrou apenas irresignação diante da condenação, mas não apresentou qualquer prova.

– Não há nos autos elementos probatórios mínimos de alta funcional praticada pela juíza aptos a ensejar a atuação da Corregedoria Nacional de Justiça – afirmou o ministro relator.

E determinou o arquivamento sumário da reclamação do condenado…

Marco Aurélio D'Eça

One Comment

  1. ESSE VAGABUNDO QUERER DENEGRIR A IMAGEM DE UMA JUIZA É DE DAR NOJO,VISTO QUE ESSA SRA. É UMA JUIZA SÉRIA E PROBA! E QUEM PAGA POR ESSE DANO? CADE ESSAS DELEGADAS DE MULHER, ESSAS DEFENSORAS PÚBLICA, ESSA PROMOTORA VEDETE DA MULHER, ENFIM CADÊ ESSAS PSEUDOS DEFENSORAS DAS MULHERES QUE QUANDO UM HOMEM DE PERIFERIA QUE NEM SABE O QUE LEI MARIA DA PENHA, É PRESSIONADO,HUMILHADO E PRESO SEM A MÍNIMA CHANCE DE DEFESA? ME COMPRE UM BODE!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *