2

Juscelino quer combate mais duro ao crime organizado…

O deputado federal Juscelino Filho (DEM) defendeu um combate mais firme ao crime organizado no país, principalmente em relação à questão dos assaltos a banco. Em entrevista à Rádio Mirante AM, o parlamentar mostrou-se preocupado com as recentes ações criminosas no interior do Maranhão.

No domingo (9), por exemplo, a agência bancária da cidade de Arame foi alvo dos bandidos.

“Sou totalmente favorável [a um combate mais firme]. Lugar de ladrão é na cadeia, não é solto não. O que nós pudermos endurecer nas penas para esse tipo de bandido temos que endurecer sim. É fato que, quando eles saem da cadeia atualmente, acabam fazendo ainda pior. Acredito que o próximo presidente [Jair Bolsonaro] vai endurecer nessa linha contra o crime organizado”, afirmou o deputado.

Para o democrata, o fortalecimento do combate ao crime organizado é fundamental, uma vez que quando há assaltos a agências bancárias, vidas de pessoas são postas em perigo.

“Essa questão dos assaltos é complicada. A questão não é o prejuízo para o banco que tem seguro, mas são vidas de pessoas que ficam em risco naquele momento. Recentemente tem acontecido alguns fatos que têm deixado a população insegura no interior do Maranhão e de outros Estados”, disse.

Outro aspecto importante é a influência negativa destas práticas criminosas à economia de um município. No Maranhão, várias agências foram fechadas após assaltos, o que prejudicou diretamente a vida da população. Tanto que o deputado Juscelino Filho tem atuado bastante no intuito de evitar que as cidades maranhense percam suas agências.

“Tivemos ação em alguns municípios de bases nossas do interior que já tinham a definição de fechamento de suas agências. Nós agimos, junto à presidência do Banco do Brasil, para poder garantir essas reaberturas e conseguimos, com êxito, reabrir algumas. Hoje, já estão em funcionamento as agências de Lima Campos e de Gonçalves Dias. A de Olho d’Água das Cunhãs, acredito que estará reabrindo em breve. Só quem sabe a importância dessas agências são os moradores desses municípios. Por isso, fomos para cima e conseguimos garantir que a economia dessas cidades girem, para que as pessoas não tenham que ir a outros municípios em busca de um banco”, concluiu o deputado federal.

da assessoria

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. TEM QUE TER PENAS MAIS RIGOROSAS PARA TODOS OS CRIMES, INCLUSIVE PARA CRIMES DE PISTOLAGEM.
    SERÁ QUE ELE SABE O QUE É ISSO? KKKKKKK
    MITA CARA DE PAU.

  2. E crimes de “PISTOLAGEM” será que ele é o pai dele SÃO CONTRA?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *