3

Após determinação superior, presidente do TRT-MA demite irmãs que ocupavam cargos de direção…

Exonerações das parentes da desembargadora Solange Cristina Passos de Castro Cordeiro – sob acusação de nepotismo foi publicada hoje no Diário Oficial

 

RESENHA COM A EXONERAÇÃO DAS IRMÃS PASSOS DE CASTRO foi publicada no Diário da Justiça do Trabalho

O Diário Oficial da Justiça traz nesta terça-feira, 30, a exoneração das irmãs Sílvia Maria Pontes de Castro e Suzana Cristina Pontes de Castro Moreira dos quadros de direção do Tribunal Regional do Trabalho no Maranhão.

As duas são também irmãs da presidente do TRT, desembargadora Solange Cristina Passos de Castro Cordeiro, que as nomeou em cargos de direção; Sílvia Maria ocupava a Secretaria de Administração e Suzana Cristina era a coordenadora de precatórios na gestão da irmã-presidente.

O caso foi denunciado ao Conselho Nacional da Justiça do Trabalho, que entendeu caracterizar-se cargo de nepotismo. (Relembre aqui)

Após a decisão do CNJT, Solange Cristina Passos de Castro Cordeiro ainda tentou contestar os argumentos do conselho, mas acabou por admitir que faria a exoneração a partir da publicação da ordem no Diário Oficial.

Exoneradas do cargo de assessoras da própria irmã, Sílvia Maria e Suzana Cristina continuarão no TRT, já que são servidores concursadas…

Marco Aurélio D'Eça

3 Comments

  1. E não é demissão, mas exoneração. São institutos diferentes.

  2. Elas não foram nomeadas pela atual presidente como consta na sua matéria. Suzana, por exemplo, estava na chefia da coordenadoria de precatórios há mais de 17 anos. Ademais, o próprio TCU já tinha decidido que a situação estava regular, pois não foram nomeadas pela irmã, bem como eram concursados e já exerciam há anos cargos comissionados. Sempre tiveram avaliações como “excelentes” pelos vários gestores anteriores.

    Resp.: Assunto vencido

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *