5

O início do fim do governo Bolsonaro…

Muito mais do que as manifestações de ontem contra os cortes nos recursos da Educação, foi a reação dos próprios bolsonaristas – ou a ausência dela – que confirma o caminho do precipício do atual presidente

 

MANIFESTAÇÃO EM BRASÍLIA CONTRA CORTES NO ORÇAMENTO DA EDUCAÇÃO; movimentos de rua cada vez mais fortes contra Bolsonaro

Editorial

Não, não foram as manifestações desta quarta-feira, 15, em todo o Brasil – contra os cortes no orçamento das universidades e escolas públicas – que definiram o início do declínio do governo Jair Bolsonaro (PSL).

É óbvio que a reação popular às trapalhadas do presidente, dos seus filhos e da maioria dos seus auxiliares mais próximos, tem aumentado a cada mês.

Mas foram as reações dos próprios bolsonaristas, ontem, diante das manifestações que tomaram conta de todo o país, que apontam para o fim precoce do governo.

Não se viu, como em tempos pretéritos, aquele contraponto quase automático dos bolsonaristas; as redes sociais não fervilharam de reações e nenhum apoiador do presidente foi às ruas para defendê-lo.

Aqui mesmo na Internet, com vários grupos de WhatsApp dos quais fazem parte o titular do blog Marco Aurélio D’Eça – e com vários apoiando Bolsonaro – o silêncio dos bolsonaristas foi ensurdecedor.

Também não houve reação nas redes sociais, no Instagram, no Facebook, no Twitter.

Apenas tímidas tentativas de mostrar digitais de partidos de esquerda e do PT nas manifestações, mas nada com a empolgação de tempos idos.

BOÇALIDADE DE BOLSONARO ECOOU DOS ESTADOS UNIDOS ao chamar manifestantes de “idiotas úteis” e definir a multidão de “massa de manobra”

E a boçalidade do presidente, de chamar professores, pesquisadores, estudantes universitários, alunos do ensino básico e servidores públicos em geral de “idiotas úteis” e “massa de manobra” deve ter causado vergonha alheia na maioria dos que ainda insistem em acreditar nele.

Vergonha foi o sentimento mais evidente nos semblantes, nas palavras, nos gestos e nas tentativas de explicar o ocaso precoce do bolsonarismo.

Vergonha, sobretudo, de admitir ter errado quando se deixou levar por uma campanha sórdida de desconstrução na internet.

Esses continuarão envergonhados.

Mas a partir de agora, a vergonha é de admitir que erraram…

Marco Aurélio D'Eça

5 Comments

  1. É o começo do fim, do que nem começou. Mas tem alguns idiotas que acham natural tudo isso. São iguais seu ídolo; o Mito.
    Bolsonaro nem precisa de inimigos..

  2. OS BOLSONAROS EM DESCONSTRUÇÃO
    Pelo que se lê na mídia, no seu espectro mais plural e amplo, incluindo-se aí as redes sociais e articulistas de todos os matizes, a família Bolsonaro sofre um intenso e rápido processo de DESCONSTRUÇÃO de imagem e identidade. As pesquisas já refletem este desgaste, mas dá pra qualquer cidadão perceber diante dos seus olhos, pricipalmente depois dos últimos “tsunamis” dos estudantes nas ruas e da quebra dos sigilos bancários e fiscais do Flávio Bolsonaro. E o mais grave disto tudo é que os próprios Bolsonaros são os principais responsáveis por essa desidratação do capital político da família. Todos os dias , eles, os BOLSONAROS, com suas atitudes impensadas, alimentam os adversários que os devorarão mais cedo ou mais tarde. E quando a popularidade do presidente chegar ao nível do ridículo, só restará ao presidente ser ridicularizado pelas ruas e esquinas do país real e virtual. E nem vai adiantar chamar os militares da ativa, eles conhecem a fórmula da água e a História o suficiente para não cometerem esse erro crasso, onde já penaram por vinte e um anos não faz muito tempo. Resta, portanto, aos BOLSONAROS, que deixem de ser “idiotas inúteis ” e leiam Maquiavel urgentemente: “O príncipe deve ter o rugido do leão para espantar os lobos, e a esperteza da raposa para não cair em armadilhas,” Ou o filósofo (sem ironia) Sócrates: “Nunca fale antes de pensar. Pense sempre antes de falar.”

  3. Como diria Reinaldo Azevedo, ainda bem que as intenções desse governo não tem “nem perigo de dar certo”.
    O ruim de tudo (ainda assim, opção melhor que o bolsonarismo, claro) é que viveremos uns 4 anos de um parlamentarismo branco, sendo governados pelo “Primeiro-Ministro” Rodrigo Maia, enquanto o presidente desfila alegorias para os seguidores da seita política. Teremos uma rainha da Inglaterra tupiquiniquim que governa pelo e para o Twitter…

  4. Fim do que idiota? Voce é aquele que fica torcendo contra pq fica defendendo a esquerda corrupta que devastou o pais. Porque voce nao faz igual o jean wyliis? Vai embora do Brasil porque pessoas pessimistas iguais a voce so fazem mal ao pais. Fala isso pq Bolsonaro esta fazendo a coisa certa e voces detestam quando as coisas dão certo aqui no pais.

  5. FELIZMENTE, SUA OPINIÃO NÃO SERVE PRA NADA, O QUE SE VIU FOI IMBECIS INÚTEIS SENDO MASSA DE MANOBRA, NADA MAIS QUE ISSO|!

Deixe uma resposta para RONALDO Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *