2

São Luís tem apenas três candidatos consolidados em seus partidos…

Neto Evangelista, Bira do Pindaré e Adriano Sarney terão garantia de legenda em qualquer circunstância nas eleições de 2020; todos os demais ainda precisam do aval partidário ou de legenda consistente para concorrer

 

ADRIANO, NETO E BIRA TÊM PARTIDOS GARANTIDOS PARA A ELEIÇÃO, independentemente de seus desempenhos

São Luís tem nada menos que 10 pré-candidatos a prefeito já conhecidos.

Mas destes, apenas três – Neto Evangelista (DEM), Bira do Pindaré (PSB) e Adriano Sarney (PV) – têm as garantias partidárias para concorrer.

Independentemente de suas posições nas pesquisas, ou de alianças com outras legendas, os três parlamentares serão candidatos em 2020.

Todos os demais – Eduardo Braide (PMN), Duarte Júnior (PCdoB), Wellington do Curso (PSDB), Osmar Filho (PDT), Rubens Pereira Júnior (PCdoB), Jeisael Marx (Sem partido) e Allan Garcês (PSL) – ainda precisam se viabilizar em suas agremiações.

O líder nas pesquisas, Eduardo Braide, por exemplo, está em um partido sem tempo de TV e sem acesso a Fundo Eleitoral, o que torna complicada sua trajetória nas eleições.

Duarte Júnior, Wellington do Curso e Allan Garcês, por outro lado, não têm o aval partidário e terão que buscar novas legendas – caso também de Jeisael, que ainda não tem filiação.

Já Rubens Pereira Júnior e Osmar Filho ainda precisam convencer suas legendas de que têm viabilidade eleitoral,a presentando crescimento nas pesquisas.

Todos estes candidatos têm até abril do ano que vem para garantir partido e partir para a campanha.

Coisa que Neto, Bira e Adriano já garantiram com mais de um ano de antecedência…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. O atual secretário da SECID, Rubens Junior, tem demonstrado preparo, competência e lastro político para concorrer ao executivo municipal de São Luís.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *