0

Imperatriz: prefeitura orienta sobre descarte de vidros e seringas…

Seringas, agulhas, lâminas, cacos de vidros e outros objetos cortantes representam um risco para os agentes da Limpeza Pública. Por isso, é importante realizar o descarte correto dos artigos que podem causar sérios transtornos à integridade física dos trabalhadores do setor. A Prefeitura chama a atenção para alguns dos cuidados na hora de se livrar desses objetos, como envolver esse lixo em camadas de papéis, colocar as seringas dentro de garrafas plásticas, caixas de leite, latas ou até caixas de papelão e colocar novamente a tampa de plástico da seringa depois de utilizá-la;

O secretário de Limpeza Pública, Alan Johnes, ressalta que deixar avisos nos sacos de lixo, como alertas informativos do tipo “objeto contaminante” ou “cacos de vidros”, ajudam a evitar acidentes. “Essa ação ajuda a chamar a atenção do profissional que trabalha na coleta de lixo. Com isso, ele saberá manusear da forma correta os dejetos até o caminhão coletor, mantendo sua integridade física”, explicou.

Apesar dos agentes realizarem a coleta domiciliar vestidos com os equipamentos adequados, como roupas e luvas de proteção, acidentes acontecem por conta da falta de cuidado na hora do descarte. O fiscal da limpeza pública, Gilberto Benetti, comenta que há cerca de dois meses um agente acabou sendo perfurado por uma seringa. “A SLP e a empresa que cuida da coleta de lixo pararam o trabalho naquele momento, para levar o agente até o hospital e também o material para ser periciado”, informou sobre um dos casos.

Marco Aurélio D'Eça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *