0

Os caminhos e Edilázio Júnior e do PSD em São Luís…

Deputado tem conversado desde o início do ano com o colega Eduardo Braide, mas enfrenta resistência; pode ter como opções os deputados estaduais Duarte Júnior, Wellington do Curso e Yglésio Moyses, que estudam troca de partido

 

FIEL AO SEU ESTILO, BRAIDE RESISTE A TORNAR PÚBLICO TAMBÉM AS CONVERSAS COM O PSD; e leva Edilázio Júnior a buscar novas alternativas para candidatura própria

O deputado federal Edilázio Júnior anunciou nesta quinta-feira, 31, que o PSD pretende disputar as eleições de São Luís e de Imperatriz nas eleições de 2020. 

No que se refere a São Luís, sua articulação desde o início do ano é com o colega de bancada Eduardo Braide (PMN); a dificuldade de relacionamento com Braide, no entanto, atrapalha as articulações.

Faltando menos de 1 ano para o pleito, Braide parece pairar acima de toda a classe política e de todos os partidos, como se preferisse entrar sozinho na disputa.

Neste caso, Edilázio tem outras opções de candidatura na capital.

Os deputados estaduais Wellington do Curso (PSDB), Yglésio Moyses (PDT) e Duarte Júnior estão todos em busca de partido. E todos com condições plenas de debate com o próprio Braide.

Além disso, o PSD pode buscar alianças com outros candidatos, a exemplo de Neto Evangelista (DEM), Adriano Sarney (PV), ou filiar o juiz federal José Carlos madeira ou o jornalista Jeisael Marx, ambos sem partido.

O próprio Edilázio Júnior tem condições de ser candidato a prefeito.

De uma forma ou de outra, terá o PSD com candidatura própria…

Marco Aurélio D'Eça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *