2

Alô blitz urbana! Obra clandestina destrói ruas no Barramar…

Homem que se diz “empresário” opera com compra e venda de entulho e está fazendo transporte  para área que fica na região do Quintas do Calhau, usando, em licença, máquinas pesadas de alto impacto

 

A máquina que atravessa a rua, uma retroescavadeira com esteira, é tão grande que precisa desta carreta para transportá-la até o local; a placa ficou visível para embasar a denúncia

A imagem que ilustra este post mostra o tamanho das máquinas que estão sendo utilizadas por um homem que se identifica como empresário e opera na compra e venda de entulho.

Desde antes do carnaval, esta gigantesca retroescavadeira entra e sai da Rua Coroatá, na região do Quintas do Calhau, no lado do Barramar, para despejar e retirar entulho em um terreno que ele diz ser de sua propriedade.

A máquina é tão grande que necessita desta carreta para transportá-la.

A entrada e saída da retroescavadeira tem destruído toda a extensão da rua e comprometido o recente serviço de interligação de rede de água feita pela Caema – e cujo fechamento ainda nem foi concluído.

O empresário não exibiu nenhuma licença da Semhur ou do Meio Ambiente para operar na área; e ainda ameaça, junto com seus empregados, os moradores que reclamam da destruição das vias.

O blog Marco Aurélio D’Eça acionou nesta sexta-feira, 28, a assessoria da Prefeitura, da Semurh, da Blitz Urbana, da Secretaria de Obras e do Meio Ambiente.

Aguarda posicionamento…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Verdade, além de piorar o que já não era bom, (as ruas do bairro) atrapalha o trânsito também.

  2. De fato é difícil para as pessoas compreenderem que seus negócios não podem prejudicar a vida dos outros e ainda mais os bens públicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *