3

Dr. Yglésio quer debate sobre redução de mensalidades escolares…

Deputado estadual entende que o período sem aulas – ou com carga horária à distância – reduz os ustos das escolas e faculdades particulares, o que deve ser repassado também aos estudantes e pais de alunos

 

Dr. Yglésio entende que as mensalidades escolares não podem permanecer iguais durante o período de quarentena

O deputado estadual Dr. Yglésio (PROS) tem buscado nas redes sociais um debate fundamental para este período de isolamento social por causa do coronavírus.

O parlamentar entende ser necessário que escolas e faculdades particulares repensem a cobrança de mensalidades nos valores cobrados antes da pandemia, quando as aulas eram plenamente presenciais.,

Dr. Yglésio entende que, apesar de algumas escolas justificarem a manutenção da cobrança alegando aulas à distância, via internet, os custos nestes casos são reduzidos, o que justifica cortes na cobrança dos pais e estudantes.

– Não pode ficar apenas em cima dos pais e alunos o ônus financeiro da crise. Antecipar férias, discutir redução/parcelamento etc. Precisamos encontrar saídas – cobrou o deputado.

Alunos do Colégio Saint Paul´s, da elite paulista, terão redução de 30 nas mensalidades escolares durante a pandemia

O deputado publicou em suas redes sociais exemplo do Colégio Saint Paul’s, escola da elite paulistana, que cortou 30% da mensalidade no período em que os alunos permanecerem em casa.

Dr. Yglésio pretende levar este debate não apenas para as sessões virtuais da Assembleia Legislativa, mas para os órgãos de defesa e proteção ao consumidor, como Procon-MA, Defensoria Pública e Ministério Público, além da Vara de Interesses Difusos e Coletivos.

Marco Aurélio D'Eça

3 Comments

  1. Precisamos iniciar um debate sobre ZERAR as verbas de Gabinete da Assembleia Legislativa.
    Os Deputados precisam parar de gastar o dinheiro do Povo.
    Devem fazer o “sacrifício”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *