6

Agora analista político, Dino ignora avanço da pandemia no Maranhão

Desde que decretou o “libera geral” das atividades comerciais no estado – gerando uma onda de retorno em massa da população às ruas – governador prefere debater os mandos e desmandos do governo Bolsonaro a discutir formas de frear a ação da coVID-19 no interior

 

Em meio à pandemia, Flávio Dino prefere discutir nacionalmente as questões do governo Bolsonaro a debater com o maranhenses os riscos da coVID- 19

Há três dias o blog Marco Aurélio D’Eça critica o evidente e crescente desinteresse do governo Flávio Dino (PCdoB) em relação à pandemia de coronavírus no Maranhão. (Relembre aqui, aqui, aqui e aqui)

E há três dias dias Flávio Dino faz questão de reforçar o que diz este blog, preferindo debater os mandos e desmandos do governo Jair Bolsonaro a discutir ações e reações à escalada da coVID-19 no interior.

De segunda-feira, 5 para cá, as postagens de Dino nas redes sociais são todas relacionadas a Bolsonaro.

Ontem – quando o Maranhão enfrentava novo recorde de mortes e as multidões se concentravam nas ruas – o comunista estava em live da revista IstoÉ debatendo… o governo Bolsonaro. 

O governador comunista começou muito bem o enfrentamento da pandemia, o que foi reconhecido publicamente aqui neste espaço jornalístico. (Relembre aqui)

Mas foi só no início.

Desde o equívoco do lockdown judicial – que funcionou como uma espécie de pedágio, fazendo a população se sentir livre, depois, para voltar às ruas – passando pelo equívoco do rodízio até chegar no equívoco da abertura comercial, Dino parece ter cansado de lutar contra o coronavírus.

Em meio ao “libera geral’ do governo, maranhenses foram em massas ás ruas, sob a responsabilidade de denunciar os seus diante do lavar de mãos das autoridades

De segunda-feira, 25, para cá, a população está largada à própria sorte, tendo, ela própria, de cuidar de si, fiscalizar e denunciar terceiros, diante do absoluto lavar de mãos das autoridades estaduais.

Com o contraponto diário a Bolsonaro, Dino ganha cobertura midiática nacional e espaço para apresentar seus posicionamentos.

Mas esquece que esta exposição vai torná-lo apenas igual ao próprio Bolsonaro, que despreza a pandemia e nega os efeitos da coVId-19.

Um Bolsonaro de sinal trocado… (Não entendeu? Entenda aqui)

Marco Aurélio D'Eça

6 Comments

  1. Ele tem mais é que arregaçar as mangas e trabalhar pelo povo!!
    É só falácia e mídia em nível nacional. O governo federal já enviou milhões em tão pouco tempo e aonde ele tá investindo???
    Polícia Federal, já!!

  2. Nosso governador está em plena campanha politica. Luta como louco pelo o apoio da esquerda para ser candidato. Mas vai só perder tempo. E o Estado vai ficar de lado.

  3. Meu deus.
    Isso é improbidade administrativa.
    Enquanto o covid aumenta de forma significativa no interior do Estado, o governador abandonou o estado.

  4. Marcus
    Esse momento.pede ptaxque faça uma reflexão.da saúde como foi tratada durante o governo anterior ,inclusive das articulações para desativar ps hospitais de 20.leitos espalhados pelo interior do estado. Apenas uma sugestão

  5. Se não tá combatendo a pandemia, a ajuda recebida será usada pra fazer política?
    Isso caracteriza desvio.se finalidade do $$ público

  6. Se largou o combate à corona vírus, então ele tem que devolver o dinheiro do governo.federal, é isso ?
    Responde aí Marcus ou faz um.comentário

    Resp.: Não necessariamente.
    Deveria manter a luta para evitar que a pandemia tome conta do estado. Mas ele parece querer mesmo é fazer política.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *