0

Coco Bambu desrespeita regras e é autuado pelo governo…

Restaurante vem promovendo sistematicamente música ao vivo, mesmo proibido, e acabou sendo vistoriado pelos fiscais da Vigilância Sanitária; em caso de reincidência no desrespeito, pode ser multado em R$ 50 mil

 

A “festa” ilegal do Coco Bambu, que tenta pairar acima das regras, desrespeitando o próprio cliente com algo fora da lei

O restaurante Coco Bambu, no Calhau, vem desrespeitando sistematicamente uma das regras de funcionamento durante a pandemia e acabou sendo autuado pelo Governo do Estado.

A casa promove música ao vivo durante suas refeições, além de extrapolar o horário limite de atendimento; na sexta-feira, 24, foi flagrado pelo blog Marco Aurélio D’Eça, que encaminhou imagens do “souwzinho” às autoridades.

Para funcionar, com capacidade e horário reduzido, nenhum bar ou restaurante pode promover música ao vivo; mesmo assim, a regra é desrespeitada por diversas casa.

A autuação das autoridades do governo Flávio Dino ao desrespeito da franquia de restaurantes

O Coco Bambu não foi o primeiro a mostrar desprezo às regras e desrespeito ao próprio cliente; há duas semanas, o restaurante Quintalão, na Ponta D’Areia, também promoveu música ao vivo.

Na advertência oficial das autoridades, o Coco Bambu recebeu o alerta de que uma reincidência pode resultar em multa de R$ 50 mil.

Mas o desprezo às regras sociais é uma mancha ainda maior na marca da casa…

Marco Aurélio D'Eça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *