2

Dr. Yglésio começa a se destacar como “mais preparado”….

Candidato do PROS pode repetir a performance de Eduardo Braide em 2016 – que saiu de 2% para o segundo turno – e já começa a ganhar corpo como candidato que mais tem noções e explicações para os problemas da capital maranhense

 

Yglésio tem se destacado nas entrevistas com os candidatos e, principalmente, nos debates, onde mostra preparo e capacidade de solução para São Luís

Bastaram os debates da Band e da TV Meio Norte – mesmo sem a audiência máxima tida por outras emissoras – para que o representante do PROS a prefeito de São Luís, Dr. Yglésio, passasse a ganhar força como candidato preparado.

E ele pode repetir a performance que o próprio líder das pesquisas, Eduardo Braide (Podemos) teve em 2016, saindo de 2% para disputar um segundo turno.

Aliás, esta performance de Braide foi anunciada pelo blog Marco Aurélio D’Eça ainda no mês de maio daquele ano, no post “O fator Eduardo Braide…”.

Mesmo sem tempo na propaganda eleitoral e sem estrutura partidária, Yglésio já se destaca em 2020 como um dos candidatos mais preparados e maior conhecedor dos problemas de São Luís e suas soluções.

Para figurar nos debates de maior apelo popular, como os da Difusora e da TV Mirante, o candidato do PROS precisa alcançar ao menos 5% das intenções de votos.

Ocorrendo isso, ele pode ser visto pelo maior número de eleitores e se transformar no fator surpresa das eleições de 2020.

É aguardar e conferir…

Marco Aurélio D'Eça

2 Comments

  1. Todos os institutos até demonstram uma tendência de vitória no primeiro turno considerando apenas os votos válidos. Não é preciso está vendido a Braide para se notar essa tendência. É uma constatação. Muito me surpreendeu essa “torcida” pelo segundo turno como querem acreditar os candidatos do consórcio de Flávio Dino de quem sempre você teve uma postura muito crítica. Como seu leitor assíduo é notório uma mudança de postura quando você começa a postar que provavelmente terá, sendo que que as pesquisas estão apontando que provavelmente não terá segundo turno. Deve se levar em consideração o fato do candidato do Podemos está com uma baixa rejeição como constatação dessa tendência. Realmente espero que eu esteja enganado.

  2. Tenho percebido nas tuas postagens que deixou de conjecturar a vitória no primeiro turno do Eduardo Braide para “torcer” por um segundo turno. Espero que não tenha se vendido. A eleição do deputado Eduardo Braide é uma questão de justiça em relação às injustiças da eleição municipal passada.

    Resp.: Neste caso, então, quando eu dizia que poderia ser decidido em primeiro turno eu estava vendido a Braide? Não pode ser apenas uma informação jornalística, de análise? É preciso que eu esteja “vendido” a alguém pra avaliar que o mais provável é o segundo turno? A qualidade do jornalismo maranhense se faz também pela qualidade do leitor. Infelizmente, é o leitor quem ainda tem esta postura horrível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *