3

Othelino Neto vai reavaliar candidatura ao Senado

Presidente da Assembleia Legislativa diz que em nome da unidade do grupo político poderá concorrer à reeleição ou a uma vaga de deputado federal; ele defende as pesquisas como critério para escolha do candidato a governador no grupo de Flávio Dino

 

Aliado de Weverton Rocha, Othelino defende pesquisas para escolha do candidato; e admite abrir mão do Senado em favor de Flávio Dino

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto (PCdoB) pregou esta semana a unidade do grupo do governador Flávio Dino (PCdoB) nas eleições de 2022.

Até então cogitado como futuro candidato a senador, Othelino diz que vai reavaliar esta posição; e anunciou que pode ser candidato a deputado federal ou mesmo à reeleição.

– Quero ser um agente da construção da unidade neste campo político, porque nós entendemos que esse projeto está tendo êxito e sendo bom para o Maranhão. Por isso, é justo que tenha uma continuidade. E diante dessa provável decisão do governador, de ser candidato ao Senado, eu vou reavaliar [sua candidatura] declarou.

Aliado do senador Weverton Rocha (PDT), o presidente da Assembleia defendeu critérios para a escolha do candidato da base governista, entre estes critérios a realização de pesquisas.

– Nós precisamos estabelecer critérios para essa definição. A partir do momento que nós sentarmos para definir esses pontos e nos comprometermos em cumprir o que for acordado, acho que temos boas chances de caminharmos para o entendimento – pregou.

O Grupo Mirante vai divulgar no fim de março a primeira pesquisa do Instituto Escutec sobre a sucessão de Flávio Dino; outros três levantamentos Escutec serão realizados 30em junho, setembro e dezembro.

Como Flávio Dino já declarou que pretende anunciar seu candidato no fim do ano – e o presidente da Assembleia defende que a consulta ao eleitor seja usada como referência – essas pesquisas da Mirante podem servir de base para a escolha.

Simples assim…

Marco Aurélio D'Eça

3 Comments

  1. Candidato a Senador? Putz
    Tá muito fácil mesmo…Não combinam mais nem com o povo!

  2. Marco,
    poderia informar os seus leitores, qual a profissão desses políticos profissionais ?
    Pois pelo que vejo, eles fazem de tudo pra se perpertuar no poder, auferindo riquezas extratosféricas, vivendo uma vida luxuosa, que até mesmo grandes empresários de sucesso não possuem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *